SER ARCTURIANO - PARTE DOIS
Por Suzanne Lie PhD
em 30 de dezembro de 2011
 
Logo após a minha mensagem de 27 de novembro de 2011, eu comecei a perder o tempo. Fui a um retiro em 11 de dezembro e voltei imediatamente antes do meu webinar em 21 de dezembro.

Foi como que se eu assentasse o suficiente para fazer o webinar e então partisse de novo. Estive envolvida em algumas questões pessoais, claro, que exigiram muita atenção minha, e trabalhei um pouco, mas ainda estava flutuando pelo tempo.

Com esta declaração eu quero dizer que eu estava perdendo o tempo ou o tempo estava me perdendo. Não consigo me lembrar muito do que eu fiz, mas eu sei que eu não conseguia fazer nenhuma das tarefas mundanas. Não conseguia responder e-mails, pagar contas (que, claro, no fim eu tive que pagar), limpar a casa e eu ainda não desfiz a mala do meu retiro.

Comemorei meu 65º aniversário durante esse tempo, então a idade continuou mesmo que o tempo tenha parado. Creio que esta manhã eu possa conseguir assentar na 3D de novo.

Na verdade, eu tive um sonho ontem à noite sobre como lentamente me misturar com o meu EU Arcturiano:


Querida Expressão Arcturiana do meu EU,

Ajude-me a entender meu sonho. Muito dele se perdeu assim que acordei. Portanto, devo evocar minha frequência superior de consciência para me lembrar da mensagem.

Por favor, me ajude.



Querida Expressão em Terra do nosso EU,

Tome um momento para elevar sua consciência para as frequências mais altas de sua Mente Multidimensional.

Enxergue o grande oceano da possibilidade perante você e permita-se lentamente entrar nesse oceano.

Entregue-se ao desconhecido e permita que ele flua ao seu redor enquanto você se aprofunda mais e mais no mar das possíveis realidades.

Essas realidades possíveis giram na sua consciência o tempo todo.

Entre nesse oceano interior sabendo que sua experiência é real.

De fato, todas as "experiências reais" começam dentro do seu eu maior.

Essas experiências então são projetadas para a realidade que ressonar à sua frequência de consciência.

Por exemplo, o seu "sonho" foi uma realidade para o seu EU pentadimensional enquanto seu vaso terreno tridimensional dormia.

Para ajudá-la a se lembrar de sua verdadeira experiência, a impressão dessa experiência foi deixada na sua consciência tetradimensional para que possa ser mais facilmente recuperada por sua mente desperta.

Você deixou essa impressão pentadimensional em sua aura tetradimensional enquanto estava acordando, para garantir que você pudesse recordá-la quando acordada.

Os detalhes da sua verdadeira experiência, que estava além das limitações do tempo, são nebulosos para seu pensamento limitado pelo tempo.

Por isso, você precisará meditar um momento para voltar ao pensamento multidimensional que pode se lembrar das suas experiências pentadimensionais.

De fato, ele não irá "lembrar", pois lembrar é um conceito limitado pelo tempo baseado em gerar uma experiência "passada".

Ao invés disso, você voltará para o AGORA dessa experiência quando você ativar seu pensamento multidimensional.

Sinta o sonho ao seu redor enquanto você caminha pelas praias das possibilidades multidimensionais.

Você pode sentir sua dúvida tridimensional, frustração e medo.

Você simultaneamente pode sentir sua aura tetradimensional que flutua ao seu redor entrando na parte rasa deste oceano.

Agora sinta como você está criando a conexão ao seu eu interior mais profundo, as profundezas do mar perante você.

Experimente o fluxo da sua verdadeira natureza Arcturiana conforme ela entra na sua aura tetradimensional e no seu cérebro tridimensional.

Sinta a onda crescente em seu cérebro.

É esta "onda" crescente da multidimensionalidade fluindo para a sua mente que dificulta tanto participar de muitas atividades mundanas na sua vida física.

Sinta este fluxo gotejando na sua vida mundana, gota a gota.

Permita um gotejamento lento para que cada gota possa ser digerida e absorvida.

Seu sonho, mensagem pentadimensional, lhe disse que tudo que se precisa para iniciar este processo de se tornar UM com o Eu é ACREDITAR que isso é possível.

Sua crença aciona seu estado de consciência multidimensional,

Sua consciência multidimensional conduz você a esperar SER seu EU,

Suas expectativas conduzem às suas percepções das frequências superiores da realidade,

E a realidade que você percebe é a realidade que você experimenta.

Acredite na Expressão Superior do seu EU e sinta sua consciência expandindo para realizar esta crença.

Utilize sua consciência multidimensional para esperar SER esta expressão do seu EU. Enquanto É seu EU, penetre no seu verdadeiro mundo interior para perceber a expressão tetradimensional do seu EU...

SEJA sua Aura...

SEJA seu Corpo de Sonho...

Encare sua escuridão...

Volte para a Terra das Fadas e assuma sua forma favorita...

SEJA seu Corpo Emocional...

SEJA seu Corpo Mental...

SEJA seu Corpo Causal...

SEJA sua Presença EU SOU Espiritual...

VEJA a Ponte Arco-íris no grande vazio para a quinta dimensão...

Atravesse essa Ponte por abandonar o tempo...


Abandonar o hábito do tempo não é uma tarefa pequena, pois o nosso eu mundano repetidamente dirá: "Mas eu deveria estar fazendo..."

Felizmente, a longa jornada pelo nosso eu tetradimensional nos permite lembrar-nos de dizer: "Eu amo Ser..."

Escolher SER, que é o que amamos, libera a submissão ao tempo e nos impulsiona pela Ponte Arco-íris para o limiar da quinta dimensão e da Nova Terra.

Viver na Nova Terra nos dá uma transição amorosa para o nosso EU e para as incontáveis realidades que podemos experimentar simultaneamente no AGORA do UM.

Abandonar o hábito do "tempo" nos liberta do pensamento linear e da limitação das experiências sequenciais.

E é então aí que nós podemos mais facilmente nos lembrar das muitas expressões do nosso Ser Multidimensional.

Quando nos lembramos de nosso EU, nós nos tornamos o nosso EU.



Observação: As partes seguintes serão traduzidas e postadas no site.
 
----.....---==II==----.....----
Fonte: http://suzanneliephd.blogspot.com/
Tradução: SINTESE
http://blogsintese.blogspot.com/
 
Gostou! Indique para seus amigos.
|Topo da Pagina| - |Voltar Menu - Suzanne Lie| - |Voltar Home|