MAIS SOBRE OS RELACIONAMENTOS
Mensagem de P'taah através de Jani King
Novembro de 2011
 
Questionador: Por que as pessoas hoje parecem ter tanta dificuldade em se comprometer com os relacionamentos? Parece haver tanta falta de compromisso!

P’taah: Bem, você sabe, amado, muito disto se refere ao medo. Afinal, há não muito tempo em sua cultura, quando vocês entraram em um relacionamento e disseram: “Eu irei me casar”, ou seja lá o que isto significasse, era para sempre, e nós dizemos que isto não é necessário.

Na verdade, a sua idéia sobre o compromisso é também uma grande limitação, porque não é necessário que tenham um relacionamento comprometido. O único compromisso absoluto que lhes é benéfico é simplesmente este: Tornarem-se tudo o que vocês podem possivelmente ser e ver onde é que vocês estão comprometidos em seu amor por quem vocês são. Então vocês estão comprometidos a amar a todos em sua vida.

E a necessidade, a necessidade de ter alguém para preencher o espaço vazio não está lá. Este desejo de ter alguém para compartilhar o milagre de vocês, é maravilhoso, mas por quanto estejam precisando, vocês estão vindo de um espaço de carência e de medo. E o universo irá apoiar isto absolutamente. Quando vocês estão no medo da traição, do abandono, do não comprometimento, então é isto que vocês criarão. Isto faz sentido?

Questionador: Sim, faz. Eu acho que uma extensão disto, seria que parece como se as pessoas não estivessem dispostas a se comunicar e conversar. Eu acho que alguns relacionamentos poderiam continuar se as pessoas estivessem dispostas a trabalhar nelas.

P’taah: Saiba, amado, é aquilo que se chama vulnerabilidade. Se eu lhe mostrar quem eu verdadeiramente sou, então você não me amará. Se eu abrir o meu coração para você, você irá colocar uma faca nele. E em qualquer confronto onde se é vulnerável, não pode haver confronto. E a verdade é que a sua vulnerabilidade em qualquer relacionamento é o seu meio de poder. Entende?

E assim, quando você pode ser quem você é – e você pode ser somente quem você é, quando ama quem você é, quando pode afirmar a sua verdade, quando pode assumir a responsabilidade e afirmar em seus relacionamentos quando isto e aquilo ocorre: “Sinto-me ferido. Sinto-me impotente. Sinto que não sou ouvido. Tenho medo de ser traído. Tenho medo do abandono”, você percebe? Quando você pode expressar a verdade, então, realmente, está mudando o teor desta relação.

E não estamos falando somente de seus relacionamentos amorosos, mas de todos os relacionamentos. Quando puderem expressar a sua verdade, então o seu relacionamento mudará.

Questionador: Sim, eu compreendo isto. É isto que eu lhe estou perguntando. Parece que as pessoas estão menos dispostas a se suportarem hoje, a serem vulneráveis?

P’taah: Oh, amado. Nós não dizemos que isto é assim! Porque, na verdade, em sua sociedade, a sua cultura tem uma herança de não dizer absolutamente a sua verdade. É muito perigoso. Não é uma coisa nova.

Entretanto, quanto mais e mais de vocês se familiarizarem com o conceito chamado de “expressar a sua verdade”, chamado “ser quem você é”, chamado “ser vulnerável”, “assumir a responsabilidade”, etc, etc., então quando se depararem com alguém que não está neste espaço, certamente isto parecerá ser extraordinário.

E estar neste espaço de vulnerabilidade, ainda é muito assustador para muitas pessoas, para todos vocês, realmente, em algum momento ou outro. Assim, diríamos neste momento que há mais pessoas que estão chegando a esta nova forma de existência, do que nunca ocorreu em sua cultura. Isto é grandioso, de fato!

Questionador: Tivemos contratos de relacionamento antes que viéssemos aqui?

P’taah: Naturalmente, porque antes de nascerem, vocês têm um contrato de relacionamento com a sua família, com aqueles que são escolhidos como pais e irmãos. E, certamente, há pessoas com quem vocês tiveram milhares de existências, com quem desejam compartilhar alguma parte de sua vida.

Muitos de vocês consideram alguém como o amado com quem estiveram antes, e isto não é assim. Muitas vezes são os seus amigos. Muitas vezes são simplesmente pessoas que entram na periferia de sua vida, mas que vocês simplesmente desejam ter para compartilhar, de uma forma muito breve ou vaga. Não é necessário que se torne um envolvimento profundo e compassivo. Assim, vocês re-criam, re-criam e re-criam vida após vida, pessoas em suas vidas.

Questionador: E assim, antes de encarnarem, eles decidem que eles não terão um tipo de relacionamento com um amado, de modo que eles possam fazer outro trabalho?

P’taah: Vocês não podem existir em sua vida sem amor – cada relacionamento que vocês têm é um relacionamento amoroso. Mas, na verdade, há muitos de vocês que planejaram que não trarão problemas, que não terão filhos, que não terão cônjuge, que estarão muito ocupados com outras questões do ser.

É a mesma coisa se estiverem envolvidos naquilo que seja a sexualidade, porque há muitos de vocês que não entram neste tipo de relacionamento, por causa de suas preferências sexuais. Ou porque não estão desejando que aquilo seja um relacionamento sexual, ou que são bastante assexuados por uma razão ou outra. Você entende?

Questionador: Sim.

P’taah: Assim não há julgamento sobre isto e cada relacionamento é válido. Não importa que tipo de relacionamento. Onde quer que as pessoas se unam e haja uma resposta emocional, ou uma reação ou interação emocional, este é um relacionamento. Cada um é tão válido quanto o outro, hum?

Questionador: Mas poderia ser que alguém que tenha um desejo muito forte de ter este tipo de relacionamento, mas ela realmente tivesse um contrato de não ter um?

P’taah: Oh, amado, você poderia dizer isto de qualquer maneira. Mas, saiba, você tem uma escolha. Se compreender o plano mestre do jogo, isto não será um problema, porque se for o desejo do seu coração de ter um cônjuge, você terá um cônjuge. Vocês estão transmutando o medo nesta vida para preencher aquilo que seja os desejos do seu coração. Você compreende?

P’taah
 
 
-------.........----==II==-----............--------

Traduzido por: Regina Drumond reginamadrumond@yahoo.com.br 

Direitos Autorais
Jani King
PO Box 1251
Joshua Tree, CA 92252
760-366-0375 - 888-803-1777
Fax 760-366-0385
 www.ptaah.com  - ptaah@ptaah.com

 

Gostou! Indique o site para seus amigos

|Topo da Página|    -    |Voltar Menu P'taah|    -    |Voltar Home|