Mensagem de P'taah
Dezembro 2008
P'taah através de Jani King
 
 
Questionador: P'taah, você poderia nos falar sobre manifestar idéias e trazê-las à existência. E ligado a isto está a expectativa de como permitir ao universo de trabalhar para nós, a fim de manifestar as idéias criativas que temos e que gostaríamos de trazer ao mundo. Você poderia nos falar da manifestação e de como as expectativas entram em nosso caminho e nos obstruem?

P'taah: Elas obstruem. Bem, você sabe, a coisa é permitir que as idéias venham e então prosseguirmos com elas sem ficarmos muito ligados a um resultado, mas sim, de ficarmos no agora. O truque disto é estar no agora, entenda. De modo que você tenha uma idéia e então o que parece maravilhoso sobre esta idéia é que você gostaria de fazer isto ou aquilo agora com ela. Mas é estar na alegria de fazer "isto" e o "aquilo" com ela no momento do Agora e dizer certamente: "Bem, um resultado como este seria maravilhoso. Você sabe, esta idéia é tão boa e tão divertida e eu fico tão excitado com tudo isto, e o resultado poderia ser $ 1 milhão de dólares e isto seria maravilhoso, realmente".

Entretanto, nós dizemos que onde o foco estiver na idéia e o que fazer com ela, se você estiver mudando o foco que realmente o que você quer é $1 milhão de dólares, não que a idéia opere ou seja funcional ou produtiva, então você está, de certo modo, como que dividindo a idéia do resultado. Entenda, onde há pessoas que fazem milhões de dólares, o seu foco não é dividir. Tudo o que eles querem são os milhões de dólares e eles não estão interessados em qualquer outra coisa realmente. Você percebeu isto?

Questionador: Sim, sim.

P'taah: Está bem, mas onde a sua idéia estiver para ser realizada e tiver acontecimentos criativos em sua vida, prossiga com esta idéia e então diga: "Bem, você sabe, seria muito divertido se pudéssemos fazer $ 1 milhão de reais ou $ 10 milhões desta idéia, mas realmente o foco não é o dinheiro, o foco é como podemos ficar com esta idéia, como podemos criar isto na vida, você compreende?

Questionador: Sim.

P'taah: E isto se trata de estar no agora e seguir a excitação. Isto faz sentido?

Questionador: Sim, faz.

P'taah: E que seja claro também sobre o que você quer.

Questionador: Esta é a parte complicada.

P'taah: É porque para muitos de vocês, vocês não estão muito preocupados com o seu futuro. Ao contrário, vocês permitem que a vida se revele para vocês sem dizer que ela deva ser deste ou daquele modo. Alguns de vocês dizem: "Isto deve ser deste modo", ou "Isto deveria ser deste modo." e então vocês ficam terrivelmente infelizes quando não se revela deste modo.

Questionador: Resultados.

P'taah: Resultados. Não há "deverias", ligados a qualquer coisa. Sem "deverias". Há somente o agora e como ele parece e como podemos fluir com este acontecimento.

Questionador: Sim, muito bom. Este é um grande tópico. Muito importante. Estar no fluxo da vida.

P'taah: Estar no fluxo da vida e escolher como você estará neste fluxo. Como você estará. Assim há também a grande diversão de estar lá e fazer coisas em sua vida, mas a coisa importante realmente não é o que você está fazendo, mas como você está ficando enquanto está fazendo.

Questionador: Sim.

P'taah: De modo que se você estiver na alegria, na excitação, se estiver na fascinação, então você está sendo tudo o que você pode ser neste momento. Entende? Você está trabalhando com o fluxo universal e não está impedindo o fluxo universal, mas dizendo, isto "deveria" ser assim e "deveria" ter este resultado. Você está somente dizendo: "Neste agora, é realmente maravilhoso, enquanto estamos fluindo com isto."

Questionador: E ligado a isto é como se faz, quando se está fazendo uma mudança e há bloqueios que algumas vezes são irreconhecíveis, que não podemos ver, mas que parece que nos impedem até a nossa criatividade ou de assumirmos. Eles vêm como uma voz que diz: "Não, não isto. Isto resultará em dor."

Em outras palavras, tão logo uma pessoa que tenha se resignado e fechada em um modo de ser, através de padrões, de sistemas de crenças e da sociedade, faz uma mudança, há o desconforto, porque ela está mudando. Assim o que eles fazem é retornar a este espaço confortável de dor ou a este espaço confortável de ser. Como pode se transformar, avançando e mudando, para existir em outro espaço de ser? Você compreende o que estou tentando dizer?"


P'taah: Sim, realmente, e dizemos que quando parece que você está impedido, saiba que tudo isto tem a ver com o medo. Entenda, sim, há um nó no estômago; sim, há uma expectativa de outras pessoas de que tudo permaneceria o mesmo; e sim, há o medo da mudança, o medo do desconforto, até o medo do desconforto do futuro nebuloso, medo ou dor. O futuro nebuloso, você compreende, porque ele não aconteceu ainda.

Questionador: Sim, eu sei.

P'taah: Assim o que é a primeira coisa que você faz? Você tem um nó no estômago. O que isto lhe diz? Há o medo. Pare e respire. E seja claro. Pergunte-se, "O que é que eu desejo realmente? O que é que eu desejo ser?" Lembre-se.

O que é que você deseja ser e inspire nisto até que o nó diminua, até que você tenha a sua clareza e o seu poder novamente. Isto faz sentido?

Questionador: Sim, faz. Obrigado, P'taah.

P'taah: Oh, amado, é a sua alegria e o seu prazer. Está bem, é o suficiente no momento para este dia? Assim, meus amados, nós nos despedimos de cada um de vocês,

Namastê."

P'taah
 
-------.........----==II==-----............--------

Traduzido por: Regina Drumond reginamadrumond@yahoo.com.br 

Direitos Autorais
Jani King
PO Box 1251
Joshua Tree, CA 92252
760-366-0375 - 888-803-1777
Fax 760-366-0385
 www.ptaah.com  - ptaah@ptaah.com

 

Gostou! Indique o site para seus amigos

|Topo da Página|    -    |Voltar Menu P'taah|    -    |Voltar Home|