PERGUNTEM AOS MESTRES
AS LIÇÕES AFLUEM
Através das Vozes Celestiais Por Toni e Peter
14 de Maio de 2015.
   
     
AS LIÇÕES AFLUEM

Muitas perguntas vieram de nossa primeira correspondente! As experiências desta Americana parecem ter estimulado a sua imaginação – e complicado a sua jornada espiritual. Os Mestres lidam pacientemente com todas as suas indagações e esperam que ela seja capaz de ver que as coisas são mais simples do que ela pensa.
Enquanto isto, na Finlândia, uma mulher está preocupada por nem sempre sentir a paz e o amor que ela deseja – e por não ter a vida amorosa que ela anseia. Talvez a explicação dos Mestres sobre as lições ajudem a esclarecer as coisas para ela.

Os ricos e variados costumes e crenças espirituais na Índia estão destacados na terceira pergunta, de alguém que tem curiosidade sobre os semideuses regionais. A história útil da mitologia relatada pelos Mestres deveria ajudar a colocar as coisas em perspectiva e levar o escritor a pensar sobre o livre arbítrio pessoal.

Perguntas e respostas tais como estas (abaixo), podem ser valiosas para qualquer pessoa na triagem das questões do dia-a-dia. A leitura dos problemas dos outros e o conselho dos Mestres estimulam a nossa percepção de que não estamos sozinhos, e que a sabedoria dispensada aos questionadores pode ser aplicada as nossas próprias situações, também.
Luz, Amor e Risos,
Toni e Peter

contact@mastersofthespiritworld.com

Celestial Voices, Inc | 13354 W. Heiden Circle | Lake Bluff | IL | 60044 | USA

AS PERGUNTAS
CRIANDO O CENÁRIO


PERGUNTA: Mestres, pensei que tivesse descoberto as coisas. Mas, recentemente, após muitas experiências e retrocessos, eu gostaria de saber o quanto este mundo é uma ilusão. Parece haver muito mais. Será que ainda há coisas que os Mestres têm que compreender? É uma possibilidade que as nossas lições de vida e a reencarnação sejam outra camada de processos embutidos em nossos sistemas de crenças terrenos? Foram estes criados por uma raça antiga, ou por um Deus menor da criação? O conceito de dualidade pode ser uma forma de controle criado para retardar as nossas mentes a partir de uma realidade suprema? – Erika, Estados Unidos.

RESPOSTA: Todo o seu mundo é uma ilusão criada por você para dar-lhe um cenário em que aprender o que você deseja experimentar. Os limites da ilusão do seu mundo são controlados por sua própria imaginação e criam as situações que você precisa resolver a fim de aprender. Os Mestres estão conscientes de tudo o que é possível, porque eles podem observar o que está acontecendo e que possibilidades estão disponíveis.

Você não pode comparar os sistemas de crença terrestres e os do mundo espiritual. Os seres humanos são realmente almas que optaram por ter uma experiência humana - e não os seres humanos que só acontecem de ter uma alma. Você pode adotar aspectos de sua jornada espiritual como uma camada de sua vida humana, mas não o contrário.

Todas as coisas na forma humana lidam com a dualidade do negativo e do positivo conforme determinado pelo ego tridimensional, usando o julgamento. Uma passagem espiritual é a observação dos eventos que ocorrem com uma avaliação (não um julgamento) de saber se você deseja repeti-los ou sente que você já viu o suficiente deles.

A dualidade surge apenas para permitir que uma alma tome decisões ou faça escolhas com o propósito de aprender sobre si mesma. Isto requer o julgamento de que energia você deseja possuir. Ser uma alma no Lar, ou na energia da Fonte é estar no amor incondicional, onde não há negatividade, e nem certo ou errado, e, assim, nada a julgar – assim, nenhum ego.

Todas as almas têm a mesma essência: o amor incondicional. Não há deuses menores ou maiores, porque todos são compostos desta mesma energia. As raças antigas podem entrar em jogo, se uma alma teve uma encarnação humana em que era uma parte da evolução da Terra. É simplesmente o conhecimento que foi experienciado pessoalmente, mas, compartilhado por todos.
Você está se esforçando para “pensar” de sua maneira em um ambiente não físico, não regulamentado, que muda constantemente, e que as almas usam para criar os cenários necessários para o seu “desempenho”. Apenas, sente-se e permita que isto aconteça.

CERTIFICANDO-SE DE APRENDER A LIÇÃO

PERGUNTA: Mestres, por que continuo me afastando do sentimento de paz interior e amor altruísta? E por que os obstáculos me impedem de partilhar a vida com o homem com quem eu estou fortemente ligada? Como essas duas coisas andam de mãos dadas? ~ Hannele, Finlândia

RESPOSTA: Todas as almas vêm à Terra para aprenderem lições específicas que elas optaram vivenciar antecipadamente, e a partir das quais elas pretendem aprender sobre si mesmas e as suas habilidades. Tal como acontece com qualquer outro empreendimento com que elas se comprometem, um único evento não as torna especialistas, ou até mesmo muito proficientes na tarefa.

Por esta razão, uma lição tal como encontrar e se conectar com a sua paz interior, ou com o amor incondicional essencial, tem que ser aprendida através de muitos dos vários desafios da vida. Assim, ser-lhe-ão apresentados inúmeros e diferentes cenários e situações. Pode parecer como se você estivesse perdendo a capacidade de estar nesta energia, mas você está apenas impedindo-a de ver, de modo que tenha o tempo e o esforço de se reconectar, e seja sempre capaz de sentir onde ela está localizada, ainda que a vida a esconda atrás da adversidade.

O amor altruista não é a lição de vida de um indivíduo. É uma escolha que se faz para compartilhar a energia com os outros, geralmente para se sentir bem. Esta é uma característica que ocorre somente na dualidade do planeta Terra, onde o ego faz julgamentos sobre tudo.

Para compartilhar algo com outro, tal como o homem que você menciona, ele tem que querer compartilhar com você. Você nunca será capaz de forçá-lo a pensar ou a agir da maneira que deseja. Os obstáculos que você percebe são crenças pessoais que são interpretadas através do julgamento. Recue, não julgue, envie o amor incondicional e observe os resultados.
A conexão com o seu homem é algo que você escolheu a fim de aprender sobre a avaliação de como as suas lições de vida podem ser as mesmas, ou diferentes das de um amante. Você atrai para si mesma todas as experiências que lhe permitam compreender o que você desejou aprender.

SEMIDEUSES SOCIAIS

PERGUNTA:
Mestres, sou de um estado chamado Manipur, na Índia. Há muitos semideuses/deuses das florestas/outras formas de deuses que são considerados como muito poderosos. Eles estão aí por muitos anos. Quem são estes deuses? São almas elevadas, ou almas desencarnadas? Eles não deveriam voltar ao seu lar? – Oinam, Índia.

RESPOSTA: Esses seres que são como uma parte de sua sociedade, são designados e dotados de poderes por aqueles que acreditam neles. Eles se tornaram uma parte de seu sistema de crenças, porque aqueles em torno de você lhe dizem aquilo em que acreditam e insistem que você compartilhe as mesmas crenças. Isto é onde entra o livre arbítrio.

Quando você viajar para outros países e locais, perceberá que as pessoas não têm conhecimento destas várias formas de deuses. Isto é porque seus ancestrais não iniciaram uma crença no suposto poder dessas divindades, ou tinham outros. Esta é uma parte de sua mitologia regional.
Um mito é uma história tradicional, geralmente de origem desconhecida, que normalmente utiliza uma base semi-histórica para explicar algum fenômeno da natureza, ou é estabelecido para levar um grupo de pessoas a agir de uma maneira particular.

Ao longo dos anos, alguns seres não físicos pretenderam ser uma ou outra das divindades em questão. Algumas destas foram almas positivas que retornaram para agir como guias para aqueles que ainda estavam na Terra. Outros foram almas negativas que deixaram seus corpos, mas desejam controlar os pensamentos e ações dos seres humanos, porque eles podem. Estes últimos seres utilizam as crenças religiosas como uma maneira de induzir alguém a fazer o que eles querem.

Uma alma tem o livre arbítrio para retornar ao Lar, ou permanecer na Terra. Mas, nós lhe perguntamos: Você abriria mão do amor incondicional por um pouco de controle sobre alguns seres humanos? A cada crença que lhe for apresentada por outros, pergunte-se se serve ou não a qualquer propósito em sua vida. Pergunte se ela ressoa com a sua alma, ou se é caótica e abrasiva. Aceite somente aquelas crenças que o ajudem através do seu aprendizado nesta vida.

Lembre-se de que todas as almas vêm dos fragmentos que foram desprendidos da Fonte. Sua essência é idêntica.Ela tem os mesmos poderes e habilidades se assim o aceitar e acreditar que pode usá-los. Ninguém é “melhor”, ou mais especial do que outro. Não há julgamento no mundo espiritual – todos são iguais.

De:
http://www.mastersofthespiritworld.com/?page_id=587
Perguntas:
http://www.mastersofthespiritworld.com/?page_id=2056

GUIA DE REENCARNAÇÃO

Micheli, do Brasil, pergunta aos Mestres:
Sou separada do meu primeiro marido e estou em um novo relacionamento. Tive sempre muita desconfiança de suas intenções comigo. Quando estamos bem é tudo ótimo, mas quase todos os dias tem um problema. Às vezes sinto que tenho que ser sua mãe. Fico confusa se o que eu sinto vem do coração ou a mente está querendo acabar com essa relação. O que eu faço?

Resposta: Nós nunca iremos lhe dizer o que fazer porque isso iria interferir com o seu livre arbítrio. Você está indo e voltando entre se permitir sentir que você está tirando desta relação e analisando excessivamente, com base em sua experiência passada, o que você acha que está recebendo. Você está feliz nesta parceria? Você o atraiu energicamente para você, porque você precisava estar no controle? Você gosta de ser responsável por vocês dois? Seu objetivo deveria ser o de se sentir confortável e feliz.

Inga, dos Estados Unidos, pergunta aos Mestres: Gostaria de saber o que um dos meus filhos adultos deve aprender com a sua vida difícil. Ele é viciado em drogas e quase perdeu a sua vida por causa disto, sem qualquer aprendizado. Sua vida tem sido uma montanha russa, desde o momento que ele começou a andar, com 7 meses! Ele tem vivido com muita rapidez desde então. Ele também entrou em minha vida de forma inesperada, se posso dizer assim. Como se ele estivesse vindo de improviso.

RESPOSTA: Sua alma estava ansiosa para chegar aqui, para que ele pudesse começar as suas lições planejadas. Entre outras coisas, ele desejava experienciar os vícios para ver se ele conseguia tomar decisões para mudar a partir das sensações físicas que ele recebe, para as espirituais, mentais e espirituais, que estão disponíveis. Seu contrato com as suas escolhas era estar disponível para ajudá-lo quando ele tivesse dificuldades e fosse uma testemunha de suas provações e tribulações. Continue a lhe enviar o seu amor incondicional.

Thiago, do Brasil, pergunta aos Mestres: Fiz exame e tirei boas notas, mas não pude ter o diploma do ensino médio porque estava com 17 anos e no ano passado, eu o fiz novamente e na parte da química e biologia, tirei 449 e tinha que tirar 450. Chorei e não sei o que fazer. Estou desmotivado e gostaria de saber qual o conselho que vocês me dão, mestres? Minha mãe me diz para ter paciência que eu posso e sou um Campeão! Sinto que há algo que me desanima.

RESPOSTA: Você mesmo está se desencorajando. Você não tem nenhuma motivação para obter o seu diploma porque você seria então considerado um adulto e responsável pela sua própria vida e você tem medo disso. Em vez de temê-lo, veja-o como o começo do resto de sua vida. Sua mãe sempre estará aí para apoiá-lo. Veja-se passando nos exames e avançando para uma nova aventura emocionante – você, definitivamente, pode fazê-lo, se achar que pode.

Gina, da Austrália, pergunta aos Mestres: Estou presa em uma batalha no divórcio há muito tempo, que me tem arrastado pelos meus pés. Estou esgotada, cansada e exaurida. Eu me sinto como um robô, apenas fazendo as tarefas diárias, cuidando dos meus três filhos jovens, e gerindo o meu divórcio. Não sei como seguir em frente e sinto que estou no limite. Às vezes, eu me sinto muito emotiva. Eu só quero que meus filhos tenham uma vida feliz e boa, e estou preocupada de não poder dar isso a eles. Por favor, digam-me como isso tudo terminará.

RESPOSTA: Não podemos lhe dizer exatamente o que o futuro trará, porque há muitas variáveis na situação. É muito importante neste momento, que você e seu filho se protejam contra a negatividade, não permitindo que ela entre em sua casa. Sempre que se sentir oprimida ou triste, reserve um minuto para recordar um momento e um lugar feliz. Você tem toda a força que é necessária para superar esta prova. Você apenas precisa aceitar isto e ter fé em sua perseverança.

Rosa, do Brasil, pergunta aos Mestres: Fui viúva por quase três anos. Meu filho e eu sofremos muito, vivendo durante 27 anos com o meu marido. Agora não sei o que fazer. Meu filho quer seguir a sua vida sozinho e eu vivi muito dependente. Tento libertá-lo, mas eu acho que ele não sabe como ser livre. Eu me pergunto se concluí o meu carma com o meu marido e o que deveria fazer em relação ao meu filho e a minha vida.

RESPOSTA: Este período de transição é para você começar a assumir a responsabilidade pela sua vida. Seu filho está no mesmo lugar e aceita que ele deve aprender a assumir o controle de sua vida. Você terminou todos os eventos planejados com o seu marido. Seu filho irá manter contato, mas ele precisa do seu espaço para descobrir quem ele é. É o momento para avaliar a sua vida e ver o que parece adequado fazer por si mesma.

Wanda, do Canadá, pergunta aos Mestres: Foi-me dito que eu tenho 4 espíritos comigo e 2 são mestres. O que isto significa? Aos vinte anos, eu estava aberta espiritualmente, mas me fechei depois... Gostaria de acessar o meu eu espiritual novamente... Sugestões?

RESPOSTA: Todos têm espíritos ao redor deles para ajudar com orientações quando solicitado. Estas são as almas que você conhece de vidas anteriores, e você aceitou o papel de ajudá-las antes, quando elas estavam aqui e você estava lá. A escolha de cortar o contato foi sua, assim você pode sempre revertê-la. Você começa aceitando a possibilidade; em seguida, abre-se à comunicação, ou através do contato direto (verbal ou visual), ou indiretamente, observando as coisas ao seu redor (como pássaros, animais, sinais e sons) que cheguem até você quando estiver pensando em um problema. Tenha paciência e continue trabalhando nisto.

Raphael, do Brasil, pergunta aos Mestres: Sinto-me muito solitário, ultimamente. Sei que tenho uma forma séria de ser e as pessoas me respeitam por isto. Na Universidade, eu não me socializo, e quase sempre fico angustiado porque não consigo me ver como uma pessoa querida. Não sou bom em fazer muitos amigos e as pessoas me julgam de forma negativa, como “superior”. Esforço-me o quanto posso para não parecer assim. Quero apenas ser eu mesmo, sem prestar atenção ao julgamento do ego da sociedade.

RESPOSTA: Sua maneira séria de ser é, basicamente, um medo de interação com os outros. Vocês teme que as pessoas o julguem e o vejam carente, assim você se afasta da socialização. Esta é uma escolha que você fez, mas cria um caminho solitário. Decida quem você é e como você quer ser visto pelos outros, e, em seguida, aborde os outros em suas aulas com a intenção de discutir matérias de estudo e, em seguida, coisas divertidas. Quando você sabe quem você é, não importa o que os outros pensam de você, porque você sabe de forma diferente.

Yoges, de Singapura, pergunta aos Mestres: Qual é a lição que não foi aprendida entre eu e a minha mãe?

RESPOSTA: Há muitas, mas você está resistindo ao aprendizado delas. Examine os conflitos entre você e ela e, então, os seus sentimentos em relação a eles – esta é a resposta. Trabalhe em encontrar a razão por eles estarem aí e como resolvê-los.

Ridhi, da Índia, pergunta aos Mestres:Ser bom é importante e aquelas pessoas que tentam ser boas pessoas se beneficiam a longo prazo?

RESPOSTA: “Bom” é um julgamento da terceira dimensão. Você vive em uma dualidade de energia negativa e positiva, para que possa aprender. As lições vêm até você como coisas negativas, ou “ruins”, a fim de que você faça uma escolha de viver na maneira oposta, ou seja, positiva. Se você encarar isto como a sua definição de ser bom, então, poderá ver como pode somente entender suas lições sendo bom.

RM do Brasil, pergunta aos Mestres: É verdade que a luz incomoda algumas pessoas? Se assim for, é consciente ou inconsciente? Eu acredito que eu carrego uma boa vibração e energia, pelo menos eu tento, mas eu sei que algumas pessoas não gostam de mim, sem nenhum motivo aparente. Será que eu criei isto? É possível alterar esta situação através do desenvolvimento de meu carisma? Como?

Resposta: Nós estamos lendo a sua "luz" no sentido de, energia positiva e incondicionalmente amorosa. A resposta a esta pergunta é sim, algumas pessoas que têm muitas opções negativas gostam de estar nas trevas ou desprovidas de amor. Infelicidade e depressão são atraídas de um para o outro. Quando alguém que tem uma energia amorosa de vibração elevada se aproxima, ela corre e se esconde, pois isto a deixa desconfortável. Pare de se preocupar sobre como os outros reagem a você e viva a sua vida da maneira que desejar.

Lorrie dos EUA pergunta aos Mestres: Quanto tempo falta antes que Erin parta por sua própria vontade?

Resposta: Existem muitas variáveis ??para responder a essa pergunta. Ela está muito confortável agora e pode precisar de incentivo para se aventurar por conta própria. Ela não gostaria de ter de assumir a responsabilidade por si mesma, enquanto outros ainda estão dispostos a fazê-lo.

Damien, do Reino Unido, pergunta aos Mestres: Vocês dizem que Adolf Hitler reside em um estado agradável e irrepreensível, mas Edgar Cayce, de acordo com o livro de Terry Cline, diz que Adolf Hitler passa o seu tempo pedindo perdão a todas as suas vítimas. Por favor, expliquem-me a discrepância.

RESPOSTA: Em primeiro lugar, deixe-nos dizer que há centenas de livros relatados como canalizações de Edgar Cayce. Muitos são obras de autores com pouca ligação com o material original de Cayce. Hitler e todas as outras almas que estão residindo no amor incondicional da energia da Fonte não julgam nada que eles ou outros fizeram, enquanto na dualidade da Terra. Nada é considerado como certo ou errado na maneira como o ego da terceira dimensão exigiria o julgamento por todas as ações. As canalizações são, às vezes, influenciadas pelos sistemas de crenças pessoais e pela religião organizada do canalizador. A alma que residiu em Hitler teve muitas outras existências, como seres humanos muito diferentes, e todas elas tiveram como objetivo o aprendizado de lições.
-.....---==II==----.....-
Para perguntas aos Mestre visite este link:
http://www.mastersofthespiritworld.com/?page_id=2056
 
-.....---==II==----.....-
 
 
Direitos Autorais:
https://www.facebook.com/pages/Reincarnation-Guide/137191392985848
Traduções para o Português:
http://rayviolet2.blogspot.com/search?q=Vozes+Celestiais
Arquivos:
http://rayviolet.blogspot.com/search?q=ask  the masters
Fonte: http://violetflame.biz.ly
Tradução: Regina Drumond – reginamadrumond@yahoo.com.br
 
 
Gostou! Indique o site para Seus Amigos.
 
IITopo da PaginaII - IIMenu Perguntas aos MestresII - IIVoltar HomeII