PERGUNTEM AOS MESTRES
Através das Vozes Celestiais
Mensagem canalizada por Toni e Peter
11 de Agosto de 2016
  luz de gaia  
  UMA APRESENTAÇÃO PRÉVIA DOS ENSINAMENTOS DOS MESTRES

Uma Americana se pergunta como podemos sentir amor por aqueles que são pouco amáveis. Os Mestres reconhecem que compreender este ideal é extremamente difícil e raro na terceira dimensão – embora, talvez, possamos amar a alma, se não a pessoa.

Por que a vida não está indo como planejado cuidadosamente? Isto é o que uma questionadora Indiana quer saber, e a resposta dos Mestres, embora, talvez, não seja a que a pessoa deseja ouvir, é esclarecedora.

Uma Australiana está desconsolada com a morte do seu irmão, mas há uma razão mais profunda para a sua tristeza. Os Mestres lhe mostram o que ela precisa fazer para mudar as coisas.

Vocês podem ler estas perguntas e respostas na página de Mensagens do site dos Mestres: http://www.mastersofthespiritworld.com/. (ou abaixo)

Confiram a mais nova tradução do Manual dos Mestres sobre a Reencarnação – Em Polonês! Cliquem neste link: http://celestialvoicesinc.com/?page_id=24 -, ou na guia Livraria, no site dos Mestres, para fazer o download do Manual gratuito dos Mestres em Polonês, ou em outro dos DEZ idiomas listados (até agora).

Amor, Luz e Risos,

Toni e Peter.

Celestial Voices, Inc contact@mastersofthespiritworld.com

AS PERGUNTAS
COMO AMAR A TODOS



PERGUNTA: Mestres, eu compreendo que devemos aprender o amor incondicional na Terra. Mas eu acho difícil amar os terroristas, pedófilos, aqueles que maltratam os animais, etc, etc. Poderiam me dar uma sugestão – como devemos amar a todos e sentir que somos Um? – Irina, Estados Unidos.

RESPOSTA: Esforçar-se pelo amor físico incondicional é o ideal e o epítome da espiritualidade enquanto a alma está tendo uma experiência humana física. É muito difícil alcançar este estado elevado e poucos seres humanos já o fizeram completamente. Você tem que se separar totalmente de qualquer julgamento, a fim de aceitar tudo o que o outro escolha fazer em sua vida.

Como uma alma, você vem de um estado de amor incondicional e entra em um corpo para ter a experiência de situações negativas e imperfeitas. Em seu sentido físico consciente, você recebe exemplos e direção daqueles ao seu redor. A terceira dimensão física é controlada pelo ego, que usa somente o julgamento como o seu meio de controle – ele deixa de se abrir para as suas emoções e sentimentos.

Sempre que você julga algo, você determina o seu valor para você, em termos de certo ou errado, bem ou mal. Na prática espiritual, não há julgamento. Nada é certo ou errado; é apenas o exercício de que escolhas a alma desejou. Uma alma nada mais é do que uma testemunha para as lições de todas as outras almas que compartilham o planeta com você. Você nunca pode entender o que são as lições que elas buscaram, apenas observando-as no meio de sua existência. Somente ao conversar com elas enquanto ambos estiverem no Lar, no Amor Incondicional, você poderá começar a compreender por que eles fizeram o que fizeram na Terra.

Todas as almas se originam da mesma energia da Fonte. Todas são exatamente iguais em sua essência. Todas são fragmentos da Fonte divina e perfeitas de todas as maneiras. Todas possuem os poderes e habilidades da Fonte. Todas que escolhem ter uma encarnação humana fazem isto para experienciar a imperfeição negativa, para ver como elas podem compreender e aprender com isto.

O assassino, o terrorista, o agressor, estão todos testando as suas reações para o que é considerado, por outros seres humanos, como desumanidade para o homem. Não se espera que você seja capaz de chegar a um ponto de amar o ator humano que está centrado na insensibilidade física. O que se deseja é ver a alma e amar a alma incondicionalmente, independentemente dos desafios físicos que ela selecionou.


EU ESTRAGUEI TUDO, E AGORA?

PERGUNTA:
Mestres, eu tinha planejado alcançar o meu objetivo. Mas nada saiu de acordo com o plano e eu acabei por estudar em um lugar onde não queria estar. A partir daqui, como faço um novo plano? Poderiam, por favor, orientar-me? Mostrem-me uma saída desta confusão. Não consigo encontrar nenhuma. O Universo já sabe o que é que eu quero da vida e estou colocando todos os esforços que posso, mas não obtive qualquer oportunidade para sair da confusão em que entrei. – S. Índia.

RESPOSTA: Quando uma pessoa tem expectativas específicas em relação a todos os aspectos de seu futuro, ela está pedindo a frustração e a decepção. Estes objetivos elevados são feitos de forma consciente, sem conhecimento ou consideração pelas escolhas inconscientes das lições de vida que a sua alma fez antes de vir à Terra.

Está tudo bem exigir que as coisas ocorram de uma maneira particular porque você decidiu conscientemente que elas devem ser assim. Entretanto, a vida não funciona desta forma. Se você, como uma alma, determinou que queria experienciar uma vida de pobreza, até que aprenda as lições de iniciativa, trabalho árduo e o verdadeiro valor das coisas, seu desejo como um ser humano não lhe permitirá ser rica, até que as lições estejam concluídas.

Atingir o esclarecimento sobre a jornada da alma depende de estar plenamente consciente dos desafios e oportunidades ao seu redor. Você atrairá inconscientemente para si mesma as coisas que tinha dito que quer experienciar – como uma série específica de circunstâncias, ou um local. Onde o seu pensamento a convenceu de que você queria ou precisava estar, pode não lhe ter proporcionado as situações que você precisava ter a fim de cumprir a sua jornada.

Sua “confusão” contém todas as lições que você escolheu. Pare de lutar com o seu ambiente apenas porque você não se imaginava aí, e procure o que está aí para adquirir conhecimento. Viva no momento presente e não no futuro de sonhos que você criou. Uma vez que abra os seus olhos, dentro de sua “confusão”, você verá entradas através das quais sair com o conhecimento que se apresenta.

Embora seja bem verdade que você tem a capacidade de criar e de manifestar o que quiser, isto pode somente acontecer depois que você compreender as suas lições e se libertar, para então, escolher algo diferente. Você está sendo um pouco como uma criança mimada, esperneando e dizendo: “Eu quero tudo da minha maneira agora.” Sua alma eterna é muito mais poderosa do que a criança infeliz que você está retratando, e foi quem determinou a direção desta vida.

VENDO O MUNDO ATRAVÉS DE ANTOLHOS

PERGUNTA:
Mestres, o meu pai faleceu quando eu tinha 10 anos, em 22 de Setembro de 1984. Depois de 30 anos, meu único irmão faleceu em 24 de Setembro de 2014. Sinto falta do meu irmão todos os dias e estou sofrendo muito. Sinto-me culpada por não estar lá e ajudar o meu irmão. Ele estava em um casamento ruim e acredito que a sua esposa foi responsável pela sua morte. Ela estava atrás de sua herança e quando ela recebeu o dinheiro, ela partiu antes do seu 1º aniversário. Embora eu tenha um marido amoroso e a minha mãe comigo, sinto-me sozinha, triste e desorientada. Tentei Fertilização In Vitro várias vezes para ter um filho e não fui bem sucedida ainda. Por favor, ajudem-me a entender o que está acontecendo. Será que serei feliz novamente? Será que encontrarei a alma do meu irmão? A minha família se reunirá novamente nesta vida ou na próxima? – Rajni, Austrália.

RESPOSTA: Você está muito confusa a respeito de sua vida. Esta é a sua vida, não a de qualquer membro de sua família. Seu irmão tomou as suas próprias decisões, e a sua maior presença na vida dele não teria mudado ou afetado o resultado. Você não se permite esquecer que acha que deveria ter sido mais ativa na vida dele. Perdoe-se pelo que acha que deveria ter feito. Você não poderia fazer nada.

Aceite que a sua vida é o que você está vivendo agora, não o passado que deseja. Você tem uma mãe e um marido muito amorosos e não está sendo respeitosa com eles, passando tanto tempo pensando que os seus parentes falecidos lhe proporcionariam mais do que a sua família está compartilhando com você agora.

Você se sente sozinha e triste porque você assim escolhe. Você não acredita que é digna do amor que recebe de sua família. Você está agora gastando muito a sua energia, convencida de que se tiver um filho, irá encontrar o amor que almeja. Uma das razões da fertilização in vitro não ter sido bem sucedida é que você está colocando muita fé na criança como o seu salvador. Tudo ficaria diferente para você se aprendesse a se amar. Tente encontrar o amor incondicional em sua alma e o aceite.

Todas as almas se unirão quando estiverem no Lar. Vocês terão que decidir individualmente se cada alma deseja compartilhar outra vida com os outros.

http://www.mastersofthespiritworld.com/?page_id=587

Para enviar uma pergunta:
http://www.mastersofthespiritworld.com/?page_id=2056

GUIA DE REENCARNAÇÃO

Cristiane, do Brasil, pergunta aos Mestres: Peço conselhos sobre o meu trabalho. Desde o início, o lugar foi um choque de negatividade para mim, e agora, depois de quatro anos, vivendo junto com tantas pessoas, sinto-me triste, desanimada e amarga. Tive tantos atritos e conflitos com as pessoas nestes anos que agora eu me sinto doente em muitos sentidos. Tentei mudar a atividade, mas parece que a mudança também gerou mais dor e raiva nestas pessoas. Sinto-me mal neste ambiente. Devo continuar ou abandonar este trabalho? Não sei o que fazer.

RESPOSTA: Você precisa se perguntar por que isto a está afetando tanto. As ações dos outros podem ter um efeito sobre você somente quando você permitir que isto ocorra. Se você ouvir as opiniões dos outros e não acreditar que elas são verdadeiras, ou que tenham um impacto sobre você, elas não a afetarão. Se você acreditar que as coisas negativas que eles dizem sobre você são verdadeiras, então, você se sentirá mal e tentará renegar esta parte sua. Não se envolva em conflito. Vire-se e se afaste. Os outros ficarão cansados de tentar provocá-la, se você não lhes der a oportunidade.

Sat, dos Estados Unidos, pergunta aos Mestres: Estou em um casamento falido, mas nele permaneço por causa de minha filha mais nova. Não quero que ela fique apenas aos cuidados de minha esposa e sogra, cuja influência eu não confio. Ao mesmo tempo, eu anseio por uma companhia feminina com quem possa estar, e que seja da mesma frequência que eu. O que devo fazer?

RESPOSTA: Você tem o livre arbítrio. Deixar o casamento não significa que você perderá o contato com a sua filha, a menos que seja a sua escolha. Não é bom para ela estar no stress constante de sua atual situação. Você está permitindo imposições de sua esposa. Permita que a sua voz seja ouvida. Vocês dois vieram com o conhecimento prévio das dificuldades conjugais. Respeite-se e supere este impasse.

Ajfw, dos Estados Unidos, pergunta aos Mestres: Minha mãe sofre de demência. Ela está em uma fase muito difícil em que ela chama aqueles do seu passado. Como posso encontrar a paz em sua jornada sem lhe permitir a condição de dominar as mágoas do meu passado?

RESPOSTA: A consciência de sua mãe está prejudicada, por assim dizer. Ela está totalmente inconsciente das coisas que ocorrem ao redor dela. Ela não consegue contemplar as suas atividades atuais ou passadas em relação a você. As mágoas do passado que surgem em sua presença são coisas em que você precisa trabalhar. Pergunte por que elas estão ainda ativadas e gerando desconforto. Permita que a causa se manifeste quando as sentir. Passe por este evento com o seu atual conhecimento e veja como elas eram apenas partes de lições e, uma vez concluídas, não precisam ser revistas. Libere-as.

Ana, do Brasil, pergunta aos Mestres: Deixei duas meninas que não fazem me sentir bem, embora elas digam que são minhas amigas. Uma delas me disse que eu a fazia se sentir inferior, eu fiz isto? E a outra disse que eu a faço se sentir triste. Mas, por quê? Não consigo entender. Faz tempo também que não encontro pessoas agradáveis. O que devo fazer a fim de mudar isto?

RESPOSTA: Você é uma pessoa muito enérgica que “compartilha” constantemente as suas opiniões com os outros. Você se percebe como sendo útil para elas, a partir do seu grau superior de compreensão e sabedoria, embora elas a vejam como dominadora e controladora. Você está constantemente aconselhando os outros, sem pensar nos efeitos que as suas palavras estão tendo sobre elas. Pare e pense antes de falar. Pergunte-se por que você se sente como uma especialista em tudo. Peça o conselho dos outros, em vez de sempre o dar. Você encontrará pessoas muito mais receptivas.

Maria, da Austrália, pergunta aos Mestres: Estou ciente de muitos guias ao meu redor, e eu os aprecio. Estou querendo saber se há um “guia principal”, ou um guia em particular com quem devo falar, pois eu nunca sei quem devo chamar quando preciso de alguma orientação. Há um guia diferente para o meu trabalho do que para a minha vida pessoal?

RESPOSTA: Cada alma tem inúmeros guias que aparecem em sua vida quando eles são necessários. Quando você estava na escola, tinha um assistente acadêmico. Através de uma busca de amor, você foi ajudada pela energia do amor. E quando cada interesse surge, alguém com conhecimento chega para ajudar até que você se sinta confortável. O guia que esteve com você durante a maior parte de sua vida é normalmente chamado de Norman. Ele acha que é divertido – normalmente Norman. Ele tem um senso de humor e lhe deseja aliviar um pouco a sua abordagem com a vida. Você pode invocá-lo para coordenar a sua vida, ou apenas pedir o auxílio ao universo e ele será fornecido.

Maria, de Portugal, pergunta aos Mestres: Eu tenho alguns problemas financeiros e profissionais que devo resolver. Planejei ir trabalhar no exterior, em uma ilha Espanhola. Não tenho certeza sobre a minha decisão e temo o futuro. Qual é o meu problema? Por que isto está acontecendo?

RESPOSTA: Você teme o desconhecido e quer que alguém lhe diga o que deve fazer, de modo que não seja responsável por qualquer erro se as suas decisões não atenderem as suas expectativas. Este é todo o processo do aprendizado de lições de vida – assumir a responsabilidade e tentar coisas novas. Espiritualmente, nada está certo ou errado; isto apenas proporciona experiências. Siga o que parece certo para você e veja o que acontece.

Cole, dos Estados Unidos, pergunta aos Mestres: Eu já obtive o meu certificado de Reiki II, mas sinto que o meu 3º olho está fechado. Como posso abri-lo para ver além desta dimensão? Quero também me comunicar com os animais, pois sinto que tenho um amor e uma conexão muito forte com eles. Algum conselho?

RESPOSTA: A sensação de um terceiro olho aberto depende do que você tenha decidido que iria ser a sua conexão nesta vida. Seu olho não está totalmente fechado, mas a sua expectativa dos seus sentimentos não está indo de encontro à realidade. Conceda-se algum tempo e compreenda que o propósito de um terceiro olho aberto é somente manter contato com o mundo espiritual. As histórias místicas que você leu não se aplicarão a você nesta vida.

Kelly, dos Estados Unidos, pergunta aos Mestres: Sei que recebo mensagens dos espíritos, mas não conheci os meus guias e nem me lembro deles. O que posso fazer para me conectar com eles?

RESPOSTA: Faça um exercício onde você crie um espaço seguro que somente as almas que você convidou possam entrar. Depois que estiver confortável, peça aos seus guias para que entrem no espaço e se apresentem. Sente-se ao redor de uma mesa e converse com eles, dizendo-lhes sobre em que gostaria de ser ajudada por eles. Se isto não ocorrer na primeira vez, tente novamente, até que a conexão seja estabelecida.

Lynn, da África do Sul, pergunta aos Mestres: Estive “sofrendo” de bruxismo (ranger de dentes e compressão da mandíbula) desde a infância. Isto cria muitos problemas, especialmente quando eu tenho que compartilhar o meu quarto com outros. Usar um protetor de boca é muito desconfortável. Poderiam, por favor, aconselhar-me como posso resolver a origem deste problema:

RESPOSTA: Você é uma pessoa muito tensa que tem expectativas extremamente altas de si mesma. Isto a leva a apertar não apenas os seus dentes, mas, também, os seus músculos. A Meditação, em que você controla a intensidade dos seus pensamentos e desejos, irá aliviar esta ação. Antes de ir dormir, veja-se em um local belo, livre de stress, onde não tenha obrigações e onde possa descansar em paz.

Bernadett, da Hungria, pergunta aos Mestres: Grata pela sua resposta em relação ao meu guia espiritual. Meu propósito espiritual é ajudar os outros a reconhecer o seu próprio poder interior, sendo um canal de energia e “traduzindo-a” na harmonização de frequências e na cura de desarmonias em outros. Isto é claro e forte. Tenho dificuldades nos relacionamentos, de encontrar um companheiro. Tenho um forte desejo de experienciar um relacionamento honesto e amoroso, mas não sei como proceder. Estou trabalhando para manter o meu coração aberto e estou disposta a ser vulnerável, aberta às emoções, encontrar o que preciso fazer e aprender. Seria grata por qualquer insight.

RESPOSTA: Seu trabalho decorre de um forte desejo de controle sobre outras pessoas e a direção que eles estão tomando na vida. Você está mantendo esta força de caráter em suas relações interpessoais, e isto afugenta os pretendentes, porque eles sentem que você não está em um modo de partilha. Antes de interagir com um amante em potencial, saia de sua forte força de energia e se envolva no amor incondicional que você sente na energia. Então, apenas seja você mesma, sem expectativas de um resultado.

Thaís, do Brasil, pergunta aos Mestres: Estive realmente confusa com os “sinais” que estive recebendo. Não tenho ideia do que fazer a seguir. Confesso que tenho medo de tomar a decisão errada, e/ou de me magoar. Tudo o que eu sei é que estou presa: Não sei se dou uma chance de um relacionamento a um bom amigo meu, pois comecei uma relação muito complicada no ano passado, que nunca termina bem (ela recua e avança), e aparentemente, eu tenho algo a aprender com ele e vice-versa. Ou se eu desisto definitivamente, e deixo o país para iniciar uma nova vida, sem planos, sem casa e sem emprego.

RESPOSTA: Você teme o desconhecido e quer alguém que lhe diga o que irá acontecer, e depois lhe digam tudo o que você deve fazer. Bem, não há coisas absolutas na vida. Você está atraindo para si mesma as lições que desejava antes de vir. Tudo é parte da jornada de aceitar a responsabilidade pelas escolhas que você faz, a fim de aprender. Deixe de analisar e pensar excessivamente no que está fazendo. Abra-se aos seus sentimentos e escolha o que atrairá para você.

Rachel, do Canadá, pergunta aos Mestres: Comecei a ouvir os áudios relacionados com as cartas recebidas de Jesus e sou muito grata por isto. Em uma de suas cartas ele explicou como ele começou a sua jornada de cura e ele foi muito claro que ele acreditava em seu coração, que o nosso Criador, nosso Pai o usava como um canal para curar as pessoas. Há muitas pessoas que estão sofrendo por ver os seus entes queridos doentes e com dor. Meu marido tem uma lesão nas costas e é uma pessoa muito cética. Ele não acredita em nenhum assunto espiritual. O que posso fazer para ajudar?

RESPOSTA: Todos devem encontrar o seu próprio caminho e se abrir para o que eles desejam aceitar como a sua realidade. É importante sentir o que ressoa com você, e, então, adaptar isto para se encaixar em sua vida, para o seu bem e de outros. Para usar estes poderes disponíveis a você, você tem que aceitar, em primeiro lugar, que os tem. Então, você deve acreditar que tem a capacidade de usá-los. Então, em um estado de “sabedoria”, você deve começar a ver e a sentir o resultado que busca. Você não pode afetar os outros a menos que eles o aceitem. Envie ao seu marido o seu amor incondicional pela jornada que ele escolheu e as escolhas que o levaram a sua dor, de modo que ele possa saber que ele pode mudar. Quando ele estiver preparado, ele será capaz de fazer isto.
 
 
-.....---==II==----.....-
 
 
Direitos Autorais:
Toni e Peter
https://www.facebook.com/Reincarnation-Guide-137191392985848/
Agradecimentos a: Celestial Voices, Inc contact@mastersofthespiritworld.com

Por favor, respeitem todos os créditos.

Arquivos deste autor:
http://rayviolet.blogspot.com/search?q=Celestial+Voices
http://violetflame.biz.ly/blog/?tags=celestial+voices

Traduções em Português:
http://rayviolet2.blogspot.com/search?q=vozes+celestiais
Compilado por: http://violetflame.biz.ly/
Todos os artigos são de responsabilidade dos respectivos autores ou editores.
Crenças religiosas ou políticas não são defendidas aqui.
Mais em: @ http://violetflame.biz.ly

Tradução: Regina Drumond – reginamadrumond@yahoo.com.br

 
 
Gostou! Indique o site para Seus Amigos.
 
IITopo da PaginaII - IIVoltar Menu Perguntas aos MestresII - IIVoltar HomeII