PERGUNTEM AOS MESTRES
DANDO SENTIDO A TUDO ISTO
Através das Vozes Celestiais
23 de Novembro de 2013
 
  DANDO SENTIDO A TUDO ISTO


Como leitores, nós nem sempre captamos todos os detalhes das mensagens dos Mestres do Mundo Espiritual, mas geralmente o sentimento que temos é que com a sua ajuda, nós encontramos o cerne do problema que está sendo discutido. Nesta semana, uma correspondente da Grã-Bretanha, cujo marido esteve tendo um caso, dá um relato completo do seu problema. Os Mestres adicionam o seu diagnóstico, que é profundo e sábio, e eles não medem as suas palavras.

Da Índia, vem uma pergunta sobre um membro da família, com um tumor no cérebro. Os mestres não só encaram as razões que a alma do homem escolheu para ser atormentado desta maneira, eles também dão a sua visão de como outros membros da família têm experienciado a situação de uma maneira positiva. Ele foi, por muito tempo, um apoio para eles, quando ele era ativo. Agora, eles recebem uma oportunidade de assumir os seus próprios fardos.

A terceira carta, dos Estados Unidos, pergunta se é possível que duas almas co-existam em um corpo. Em sua resposta, os Mestres identificam os componentes da alma. Nós achamos isto especialmente útil, ampliando a nossa compreensão do relacionamento entre o corpo e a alma. Eles respondem à pergunta de forma direta, mas também acrescentam um comentário sobre as atividades dos desencarnados (que são geralmente, almas perdidas, vagando incapazes de pedir para retornarem ao Lar).

Estas perguntas e respostas dão sentido às questões levantadas, de uma maneira que pessoas como nós, podemos achar benéfica. Agradecemos aos Mestres pela sua contribuição.

Agora, outra breve menção sobre o novo livro, que esperamos que seja publicado antes do Natal, e que será chamado de “Ouvindo a Sabedoria do Mundo Espiritual”. Uma característica dele é que haverá entrevistas com as almas de três pessoas famosas. Vocês podem se lembrar de que nossos três primeiros livros, em tamanho natural, têm entrevistas de um total de 57 celebridades. Elas são descritas na íntegra, encontrados nas páginas da nossa livraria, e as cópias de bolso têm um bom desconto, para que possam comprá-los como presentes para os leitores entre a sua família e amigos.

Luz, Amor e Risos
Toni e Peter.

http://www.mastersofthespiritworld.com/


AS PERGUNTAS

A DOENÇA COMO UMA LIÇÃO

PERGUNTA: Mestres, o marido da minha irmã foi diagnosticado com um tumor cerebral, de grau quatro e conseguiu com que ele fosse removido cirurgicamente. É possível que ele mesmo tenha escolhido, ou esta é uma lição de vida para a sua família e parentes? Sua família está tentando agora a medicina alternativa, pois os médicos lhes disseram que não há cura para isto. Obviamente, eles não querem perdê-lo e estão extremamente positivos em relação a isto. Como alguém pode planejar abreviar a sua jornada na Terra, em um momento tão crucial, quando a sua família mais precisa dele? – PM, Índia.

RESPOSTA: Esta é uma lição de vida para todos aqueles envolvidos com o seu cunhado. Ele escolheu isto como uma lição particular, na falta de controle e aceitação de todas as possibilidades. Sua escolha de partir neste momento nada tem a ver com as jornadas de sua família e amigos.

Muitos deles concordaram para que se sentissem sendo abandonados, tendo culpa por uma incapacidade de serem úteis, e a raiva pela percepção do seu egoísmo em partir. Ele é somente responsável pelas lições que ele está aprendendo nesta vida.

A atitude positiva que todos os membros da família estão mostrando, é outra lição. Eles não estão entrando na negatividade e desistindo das possibilidades. Todas as coisas são possíveis quando a fé, em si mesma, está envolvida. Esta situação uniu esta família como nada o fizera antes. Isto, também, é uma lição de cooperação e de carinho pelos outros e não apenas a si mesmo.

Quando o seu cunhado estiver preparado para a transição, ele a fará, porque ele concluiu as lições que veio aprender na Terra. A família e os outros continuarão com as suas vidas, reconhecendo quanta força eles têm e que nunca a usaram antes.

Vários deles nunca assumiram a responsabilidade pelas suas próprias ações, confiando nele para carregar toda a carga. Isto faz parte das suas lições contínuas de se manterem e de cuidarem de si mesmos. Se ele permanecesse, eles nunca aprenderiam as suas próprias lições.

Uma pergunta a ser feita sobre todos os envolvidos:

Com quem eles estão preocupados nesta situação: Com o seu cunhado, ou com eles próprios? Esta é uma lição fundamental. Você pode ver como a doença dele os está afetando? Ou estão preocupados com qual é o caminho desejado por ele? As lições continuarão a surgir, enquanto o evento se revela ainda mais.

DUAS ALMAS EM UM CORPO

PERGUNTA: Mestres, é possível que duas almas/espírito, façam parte do mesmo corpo? Em relação a esta questão, pode-se proteger a principal alma/espírito no controle da mente consciente, em momentos de grande necessidade, e sobrevivência? Poderia este espírito co-existir com o outro espírito mais permanente que já está no corpo? Alex, Estados Unidos.

Resposta: Cada corpo é animado por uma única alma. A alma tem vários componentes, incluindo um eu consciente, um eu inconsciente e um eu superior que está parcialmente ainda no Lar, no universo. O eu consciente não tem qualquer consciência de suas outras partes, a menos que a mente consciente se torne interessada em aprender sobre a sua própria jornada espiritual, o que é chamado de iluminação.

Durante momentos de stress extremo, a psique humana pode cortar o acesso consciente com as seções de sua mente. Isto é demonstrado por múltiplas personalidades e memórias reprimidas, que podem surgir durante o aconselhamento ou a hipnose. Estas não são almas separadas, mas apenas partes de uma alma que se compartimentou e se rompeu da principal, geralmente para se esconder do sofrimento.

Estudos sobre a “criança interior”, provam que quando um ser humano alcança o seu limite de tolerância, ele se retira da realidade e se esconde do que está acontecendo. Seções inteiras da memória de uma pessoa podem estar inacessíveis sob circunstâncias normais, porque a alma colocou paredes em torno dela, para impedir que a dor assuma.

Uma situação em que um único corpo humano pode conter mais do que uma alma ocorre quando a alma original, a quem o corpo pertence, convida a alma errante de um desencarnado para se unir a ela. Esta pessoa geralmente será diagnosticada como psicótica, por causa da incapacidade de controlar a entidade que compartilha o corpo.

Sua alma deixa uma parte de si mesmo fora do seu corpo, conectada ao universo, em todos os momentos. Esta seção não é superior, nem mais permanente de que a que está permitindo que o corpo funcione.

OS CONTRATOS SÃO DETERMINANTES E OBRIGATÓRIOS?

PERGUNTA: Mestres, como funcionam os contratos da alma? Por exemplo, se eu sou de um país e destinado a encontrar alguém em outro país e nunca mudo. Os meus contratos de alma mudam, ou as coisas aconteceriam de modo que eu sempre encontraria este contrato original da alma? Ele deve ser mais flexível, com um contrato de apoio da alma? Ou as coisas sempre acontecem, de modo que você termina com o contrato original da alma? – Suyeon, Singapura.

RESPOSTA: Os contratos da alma surgem de acordos determinados pela liberdade de escolha do indivíduo. Eles não são permanentes e vinculativos, nem são puníveis por lei, porque não há julgamento. Uma vez que duas almas falem sobre algo que gostariam de experimentar e elas concordam – o que a maior parte chama de “criar um contrato’ – que tal e tal coisa é desejável. Nada é absoluto, porque circunstâncias e escolhas que interferem, podem tornar o acordo inicial desnecessário ou contraditório à atual direção que a alma está seguindo.

A liberdade de escolha é o principal fator para estruturar a vida da alma. Não há jornada inflexível ou imutável quando vocês entram no domínio da Terra. Embora você começasse com a idéia de que queria experienciar um relacionamento abusivo e feito um acordo com alguém, você pode ter testemunhado o abuso suficiente entre os seus pais para compreender que não é algo que você tem que experienciar pessoalmente. Portanto, você não precisa ter o contrato cumprido.

Uma vez que o contrato não seja necessário, a alma escolhe outra direção e lição para preencher o espaço do contrato desnecessário. Tê-lo, de outra forma, seria predestinação, significando que todos seguem um plano pré-estabelecido – como as direções e ações de um jogo. Isto anularia a sua liberdade de escolha. Em vez disto, você tem a improvisação espontânea.

Uma vez que a lição desejada seja compreendida e casos adicionais desta atividade não sejam necessários, você está livre para avançar em qualquer direção ou para qualquer lição para a qual se sinta atraída.

http://rayviolet.blogspot.com/2013/11/ask-masters-19-november-2013.html



GUIA DE REENCARNAÇÃO

Fátima, de Portugal, pergunta aos Mestres: Gostaria de saber se a ajuda que o meu marido e eu demos às pessoas, ao nível espiritual, é correto, porque, apesar disto, temos muitos problemas no trabalho e no campo financeiro. É este o nosso propósito de vida, ou não?

RESPOSTA: A vida que as suas almas escolheram não traz uma recompensa automática para a ajuda que vocês têm dado aos outros, além da satisfação do que fizeram. Lições de vida não estão ligadas ao seu trabalho espiritual. Elas são desafios negativos que as suas almas escolheram livremente, de modo que, com a ajuda de suas almas amorosas, vocês possam enfrentar os desafios e resolvê-los.

Cheryl, do Canadá, pergunta aos Mestres: Eu tive uma tosse crônica por 15 anos e algo parece errado em meus sistemas digestivo/respiratório. Os médicos não conseguem encontrar a cura para isto. Eu queria saber se isto é um problema físico, ou algo interiormente que não fui capaz de eliminar.

RESPOSTA: Você tem energia negativa que está brincando com o seu corpo. Há alguma fraqueza de uma vida passada. A hipnose pode ser muito útil em lidar com os dois problemas.
A Lei dos Estados Unidos não nos permite diagnosticar ou tratar condições médicas. Por favor, compreenda que os nossos comentários são somente com propósitos educacionais.

Archana, da Índia, pergunta aos Mestres: Estou totalmente saturada com o meu casamento. Ele abusa de mim, verbalmente, todos os dias, sobre coisas insignificantes. Até mesmo a minha filha está ficando com medo dele. Ele fica em casa, sem fazer nenhum trabalho, e justifica tudo a partir do seu ponto de vista. Estou interpretando errado? Será que ele está certo? Ou seria melhor sem ele?

RESPOSTA: Não há certo ou errado – há uma situação abusiva que a está deixando e a sua filha, infelizes. Por que você pergunta se está interpretando isto de forma errada? Não se envergonhe pelos problemas de outra pessoa. Se a sua resposta a sua pergunta se vocês ficariam melhores sem ele, é “sim”. Então, separe-se dele tão logo queira. Não é provável que ele mude.

Angel, da Holanda, pergunta aos Mestres: Recentemente, eu conheci um homem e nos apaixonamos. Ele é casado e há obstáculos no caminho, por estarmos juntos em um curto prazo. Sentimos intensamente que o nosso encontro tem uma ligação com vidas passadas e um propósito nesta vida. Será que poderiam, por favor, dizer-me mais sobre o motivo de nos conhecermos e se poderemos ficar juntos, em uma relação estável durante um período de tempo?

RESPOSTA: As coisas são geralmente muito mais simples do que considera o pensamento humano. Vocês se conheceram. Não há destino envolvido em duas pessoas que se encontram ou que permanecem juntas, porque a ideia do destino não permite liberdade de escolha, que é uma lei universal. Assim, quando vocês se conheceram, a atração animal desempenhou a sua parte. A liberdade de escolha dá a ambos, a oportunidade de planejarem ficar juntos por algum tempo – ou não. Se isto irá funcionar bem, cem por cento cabe a vocês. Cada alma está plenamente no comando de sua existência humana. Sim, vocês tiveram pequenos papéis em outras vidas, juntos.

Kim, dos Estados Unidos, pergunta aos Mestres: Durante anos eu estive cuidando de minha mãe, o que está cada vez mais difícil (tenho uma ajudante). Minha mãe é muito crítica e sofre de demência. Minha tia mais idosa, mas encantadora, vive também comigo. Minha mãe não está feliz, mas persiste. Esta situação difícil é uma lição de vida dela ou minha? Gostaria de seguir em frente.

RESPOSTA: A primeira coisa a aceitar é que a demência rouba das pessoas quem elas eram e elas não sentem culpa pelas coisas desagradáveis que elas dizem. Você está no comando de sua vida e precisa continuar com a sua vida. Você tem sorte de ter uma ajudante e uma tia que podem proporcionar-lhe o tempo para fazer as coisas para si mesma. Afaste-se, despoje-se da emoção que sente, veja isto, não como uma obrigação que é demasiada para você, mas uma situação que quando bem tratada, irá ajudá-la a construir uma nova vida que será sua completamente quando a sua mãe fizer a transição. A lição de vida foi para todos aqueles que são diretamente afetados.

Smiley, do Reino Unido, pergunta aos Mestres: Por que eu ainda lamento por um gato amado, chamado Fudge, que caiu da minha varanda? Estou terrivelmente triste pela sua perda. Tenho muitos gatos, mas perder Fudge me oprime. Será que poderiam lhe dizer que eu o amo muito? Será que irei vê-lo em outra reencarnação? Por fim, provavelmente tenho um tumor no cérebro. Não estou preocupado em retornar ao Lar, pois será uma coisa adorável. Será ele fatal?

RESPOSTA: Fudge o está representando em sua dor. A ameaça de um tumor cerebral é difícil de suportar e o seu gato amado está lhe proporcionando uma maneira de expressar a raiva ao perdê-lo, e, eventualmente, chegar ao fim de sua vida física. Você poderá vê-lo novamente, caso queira, quando tiver feito a transição. Da mesma maneira, você poderá visualizar todos os dias, o seu tumor encolhendo e não mais sendo uma ameaça para a sua saúde. Esta ação positiva em que você pode derramar a sua energia, irá ajudar em ambas as situações.

Jazzi, dos Estados Unidos, pergunta aos Mestres: Sou uma pessoa muito intuitiva e durante anos, senti-me muito estranha em relação à mãe do meu namorado. Batalho em meu interior, se devo perdoar o seu comportamento e manter o pensamento positivo, mas sinto que ela não é uma pessoa confiável. Por que sinto tanta negatividade nela? Será que é o meu ego? Além disto, como poderia me ajudar a estar mais em sintonia com as mensagens do meu eu superior e dos anjos mais amorosos?

RESPOSTA: Você pode aplicar a situação “mãe” para a sua comunicação com a sua alma e os anjos. Eles a ouviram buscando a sua ajuda neste relacionamento, mas você achou difícil a sua resposta. Saia do passado e venha para o presente. Capte as pequenas idéias positivas em seu coração que lhe pareçam amorosas, em relação a toda a sua vida. Transforme os seus sentimentos em ação. O fortalecimento do seu amor próprio desta maneira e a sua conexão mais forte com a sua alma irá lhe proporcionar esta resposta que você precisa.

Luzia, do Brasil, pergunta aos Mestres: Tenho um relacionamento virtual com um homem de outro país, por quase seis anos. Por favor, ajudem-me, pois finalmente viveremos juntos, pois parece que ele o quer. Ou ele não é um homem honesto e sim um mentiroso? Estou precisando decidir a minha vida e preciso ter certeza em relação a isto. Confio que irão me ajudar.

RESPOSTA: Você precisa ouvir a sua dúvida. Por que você duvida de viverem juntos? Tome cuidado em ser honesta com você mesma, sobre as suas dúvidas: de onde surgiu a idéia de que ele é um mentiroso? Se você está dizendo que suspeita de que ele irá usá-la, tirar todo o seu dinheiro e deixá-la – então fuja o mais rápido que as suas pernas a levem. Se a verdade é que você não quer viver com uma pessoa totalmente estranha, então que o diga. É claro que ele tem escrito coisas agradáveis para você: mas este era um relacionamento virtual e não real. No entanto, se ele passar em seus testes, então, boa sorte!

Jacques, AS, pergunta aos Mestres: Por que eu sou um gay, com mais de 50 anos e ainda no armário? Será que irei ficar sozinho e inútil, até que morra?

RESPOSTA: É claro que sim – a menos que faça algo em relação ao seu problema, que é o medo. Não é difícil sair com alguns amigos que quase certamente sabem que você é gay. Ser homossexual é uma lição de vida na ambigüidade, não um crime, ou uma doença. Ao sair, você diz ao universo que sabe que não há nada de errado com você. Você gostará da experiência! Reserve um tempo para se amar, para dizer a si mesmo que não é realmente a pessoa solitária que imaginou durante toda a sua vida. Sua alma está cheia do amor incondicional da Fonte: não há nada melhor do que isto.

Teresa, dos Estados Unidos, pergunta aos Mestres: Estou aprendendo a entrar em contato com o meu lado espiritual e quero saber se tenho alguns dons intuitivos. Além disto, gostaria de saber se há algo me seguindo e/ou aos meus filhos, ou se é algo na casa em que vivemos?

RESPOSTA: Talvez a sua alma tenha se sintonizado com uma alma perdida onde você mora. A intuição se desenvolve quando é praticada. Ouça especialmente os sentimentos intuitivos positivos que chegam até você e pratique fazer o uso deles. Isto irá ajudá-la a desenvolvê-los.

Michael, dos Estados Unidos, pergunta aos Mestres: Sou um aspirante a monge xamânico. Dicas?

RESPOSTA: Visualize que você já alcançou o nível de compreensão que você precisa para ser bem sucedido. Chame os seres e a energia da Luz para o bem maior, de modo que eles possam confirmar a sua capacidade. Pratique, pratique, pratique.

 
-.....---==II==----.....-
 
  Direitos Autorais:

http://violetflame.biz.ly
Tradução: Regina Drumond – reginamadrumond@yahoo.com.br

 
 
Gostou! Compartilhe com os Seus Amigos.
 
Facebook    
 
 
IITopo da PaginaII - IIVoltar Menu Perguntas aos MestresII - IIVoltar HomeII