PERGUNTEM AOS MESTRES
Através das Vozes Celestiais
11 de Dezembro de 2014.
APRENDENDO SOBRE NÓS MESMOS
 
   
Uma pergunta do Reino Unido incita os Mestres a esclarecer o valor de nascer com amnésia sobre as experiências de vidas passadas. Embora nós, seres humanos, possamos ter as nossas dúvidas, nossas almas sabem o que está na agenda de aprendizagem desta vez e as condições favoráveis para a conclusão de nossas lições.

A sensibilidade à energia, às vezes, perturba uma Americana. Os Mestres tratam da sua pergunta sobre os efeitos planetários nos corpos humanos, e, então, aconselham-na a se concentrar mais na energia que emana dos seres humanos. Suas dicas sobre proteção são úteis para todos nós.

Da Índia, vem um pedido de ajuda com confusão, indecisão e negatividade. Como tem ocorrido muitas vezes, os Mestres enfatizam o uso da liberdade para fazer escolhas, com base nos sentimentos e não na análise, que certamente são influenciadas pelas informações de outros. Eles também salientam a importância de ser positivo em relação às coisas.

As perguntas desta semana exemplificam algumas das questões em que nos agarramos, enquanto nos esforçamos para descobrir quem somos e por que estamos aqui. Faz sentido que quanto mais nos interiorizamos e prestamos atenção aos nossos sentimentos, mais nos aproximamos de nossa alma e de nossa verdadeira identidade. É um objetivo que vale a pena perseguir.

Luz, Amor e Risos

Toni e Peter

contact@mastersofthespiritworld.com
Celestial Voices, Inc | 13354 W. Heiden Circle | Lake Bluff | IL | 60044 | USA

AS PERGUNTAS

PERGUNTA: Será que a amnésia arruína tudo?

PERGUNTA:
Mestres, como uma alma aprende e evolui, se a cada vez que ela nasce, ela “esquece” o que aprendeu na vida anterior, e tem que “recomeçar”? Certamente, você continua a aprender as mesmas lições e comete os mesmos erros? – Lou, Reino Unido.

RESPOSTA: A cada vez que uma alma vem ao planeta, ela tem planos para uma série diferente de lições. Seu propósito é trabalhar primeiro em cada lição e descobrir, ou lembrar-se, quem é realmente como alma. Ter todas as respostas no início tira a necessidade de usar o livre arbítrio para se mover através desta vida.

Se uma alma tiver um desejo de ser um mestre em uma área específica, como o abandono, lembrando como ela lidou com a perda dos pais, por exemplo, iria impedi-la de ser capaz de trabalhar de forma significativa com o abandono do cônjuge, sem saber que é apenas uma lição que ela escolheu, que tem uma série das mesmas emoções com que ela lidou em outras vidas. Compreender as nuances e permutações de uma característica humana é a única maneira de alcançar a mestria.

Mestres não são almas que são melhores do que outras, mas sim, aquelas que estudaram e viveram através de todas as variações possíveis de um tema. Neste exemplo, um mestre seria especialista em todas as maneiras possíveis de criar e de lidar com o abandono, e também assumiria o papel do abandonado para sentir todas estas emoções também.

Na escola, se alguém lhe desse todas as respostas para o exame final antes que você começasse o curso, é muito provável que você não passasse muito tempo estudando sobre o assunto.O mesmo efeito ocorreria se você soubesse como lidar com as suas lições antes que elas se apresentassem.

Você nem mesmo vem com o conhecimento de suas lições específicas. Você tem que trabalhar para descobri-las a partir dos medos e dúvidas que surgem enquanto você passa pela vida. Frequentemente, lições interligadas escondem as principais, até que você lide com as menos importantes. Por exemplo, com a culpa, a falta de autoconfiança e a ausência de amor próprio há dificuldade em perceber e trabalhar com o abandono. Eles têm que ser elucidados antes que você possa enfrentar as versões do tipo particular de abandono desta vida.

Uma vez que todas as lições sejam concluídas, a alma pode ter o retorno à consciência o que ela fez em vidas anteriores e como estas experiências podem ter afetada esta vida.

LIDANDO COM A SENSIBILIDADE À ENERGIA

PERGUNTA: Mestres, sinto como se eu fosse sensível à energia, possivelmente eu até seja empática. Sinto como se eu fosse sensível às forças celestiais (corpos), sobre o que eu, obviamente, não tenho controle. Como posso evitar ser bombardeada por estas energias e me afastar da montanha-russa emocional? Suspeito que sou sensível a todos os tipos diferentes de energias. O que preciso para ser apenas uma observadora? Há algum benefício em ser sensível à energia? – Suzanne, Estados Unidos.

RESPOSTA: Em primeiro lugar, um comentário sobre os efeitos celestiais (principalmente planetários) de um corpo humano. O homo sapiens é, em grande parte, composto de água. Grandes massas de matéria sólida – tais como a lua, Saturno e até mesmo a totalidade do sistema da Via Láctea – atraem, impulsionam, aquecem e resfriam o corpo. A maior parte das pessoas está inconsciente destas influências que podem ter um impacto nos hormônios e fluidos no corpo, a maioria dos quais, literalmente, surge inesperadamente nesta poção de energia, semelhante a líquido, causando o seu efeito de montanha-russa.

Você é extremamente sensível ao movimento da energia. Há muitos tipos de energia. A energia planetária é algo que você pode direcionar para longe de você, com a sua intenção. Você pode ver o seu corpo coberto por uma “barreira” que impede que as vibrações não a atinjam e nem a afetem. Isto irá tirar do caminho a sua montanha-russa.

As energias que lhe causam mais dificuldades são aquelas que são emanadas de outras almas que estão compartilhando o planeta com você. O pior impacto decorre da negatividade de pessoas envolvidas nos dramas da terceira dimensão. Particularmente, quando você é atraída para o drama, como um argumento, você pode sentir a energia positiva sendo tirada de você. Evitar se envolver em conflitos verbais irá levar o seu ambiente ao equilíbrio.

Como uma empática aberta, você sente as flutuações de energia daqueles ao seu redor. Se você não tiver proteções para evitar ser assaltada pela negatividade de outros, você sentirá cada partícula de ruptura dentro deles. Você precisa aprender a fechar os seus “receptores” para interromper ou moderar a quantidade do mundo do outro que você sente. Isto novamente tem a ver com o uso de sua intenção de se cobrir com a luz branca protetora pra protegê-la e de não ter estas emoções.

Com cada uma destas técnicas de proteção e de blindagem, você tem a capacidade de diminuí-las. O benefício de ser tão sensível é a capacidade de perceber quem você deve evitar por causa da negatividade e do desejo de roubar a sua energia, e a quem você pode ajudar, caso queira, enviando-lhe a energia de amor e cura.

OUVINDO OS OUTROS

PERGUNTA: Mestres, eu preciso de sua ajuda. Estou muito confusa em minha vida. Tenho medo de tomar decisões em minha vida e depois de tomar decisões eu penso muito nas consequências. Qual é a razão por trás deste meu comportamento e como posso superar isto?

Eu tive dúvidas até mesmo da minha decisão de me casar com a pessoa que amo em minha vida. Eu também me sinto muito negativa na maior parte do tempo. Esta negatividade está causando problemas em meu relacionamento. Sei que Deus está derramando as suas bênçãos em mim, mas a minha atitude está estragando tudo. Por favor, ajudem-me, Mestres – Shruti, Índia.

RESPOSTA: Você é como muitas outras pessoas que querem que alguém lhes diga o que fazer, de modo que elas não se sintam responsáveis pelas consequências de suas ações. Você não pode aprender sobre si mesma e sobre a vida, a menos que se aperfeiçoe e tome as suas próprias decisões. Isto é chamado de uso do seu livre arbítrio para aprender.

Por trás do seu problema está uma falta de autoconfiança e de respeito próprio. A negatividade é uma escolha. Se você se sente assim é porque você escolheu estar na negatividade. Você pode reverter esta energia, escolhendo manter sempre uma perspectiva positiva. Você cria o seu mundo e os sentimentos nele. Isto exige trabalho.

Deixe de pensar e comece a sentir. Quando você pensa, você está entregando o poder a todos aqueles que têm enchido a sua cabeça com opiniões e idéias. Os sentimentos é quem você realmente é. Quando pensa e analisa, você o está fazendo com o propósito de julgamento (esta idéia está certa ou errada?). Deixe de se preocupar com a decisão da sociedade sobre algo ser bom ou ruim e apenas decida se é algo que você deseja fazer.

Uma vez que tenha tomado uma decisão por conta própria, sem a interferência de familiares e amigos, veja se isto permite que você aprenda sobre si mesmo. Se assim não for, pode ser o momento de avançar para outra coisa. Não era a coisa errada para você – isto lhe permitiu avaliar se você precisava disto em sua vida.

Não importa quanta energia do amor incondicional você tenha em sua vida. Isto não irá ajudar, a menos que você a aceite e esteja determinada a usá-la para enriquecer a sua existência. Escolha uma atitude de amor e de vida positiva.

http://www.mastersofthespiritworld.com/?page_id=587

GUIA DE REENCARNAÇÃO

James,dos Estados Unidos, pergunta aos Mestres: Nos últimos dezoito meses, de quatro a doze vezes por mês, eu tenho o mesmo sonho. Estou em edifícios diferentes e vejo pessoas diferentes e sonho que ganhei na loteria, mas sempre compro apenas dois bilhetes ao acaso!

RESPOSTA: Você é um sonhador e está tentando manifestar uma fortuna, ganhando na loteria. É um pensamento muito bom, mas isto não se encaixa em suas lições de vida de trabalhar para aprender sobre si mesmo e os seus talentos. Lembre-se, porém, que você não pode ganhar nada, se não comprar os bilhetes.

SSK, do Brasil, pergunta aos Mestres: Estou na conclusão de um amargo processo de divórcio. Tenho três filhos muito jovens para cuidar, que eu amo imensamente. Agora estou confusa quanto a que direção tomar – que país e até mesmo se eu deveria começar a trabalhar, pois os meus filhos são muito jovens e precisam de mim para cuidar deles ainda. Não tenho certeza se o pai dos meus filhos irá se comprometer, pois ele tem provado ser de outra forma.

RESPOSTA: O pai dos seus filhos não gosta de responsabilidades e, quando for dada uma chance, irá se afastar tão rapidamente quanto possa de sua família. Você deve criar o futuro. Você tem que equilibrar a sua vida e a dos seus filhos e trabalhar ou não irá depender da necessidade dos recursos financeiros. Sonhar é bom, mas os fatos lhe dizem o que deve ser. Conheça os recursos que você tem e as suas necessidades para o futuro – nada é imutável e você é quem deve desenvolver.

Sandra, do Brasil, pergunta aos Mestres: Estou sem um emprego por mais de um ano. Gostaria de saber por que a minha vida e as minhas finanças são cheias de altos e baixos, pois quando consigo me erguer, eu perco tudo novamente.

RESPOSTA: Cada pessoa cria a sua própria ilusão da vida. Sempre que você é bem sucedida em algo, você fica aborrecida, fica com preguiça e desiste. Cada mudança coloca uma pressão adicional em você. É hora de levar a sério e encontrar o propósito em uma profissão, seja ela qual for.

Rosemary, da Escócia, pergunta aos Mestres: A Hierarquia dos anjos existe mesmo, ou é somente uma classificação dos homens?

RESPOSTA: O único lugar onde há classificação, graduação e coisas como certas ou erradas, é na Terra. No Lar, na energia incondicionalmente amorosa, todos são exatamente iguais, as experiências apenas variam.

Lari, do Brasil, pergunta aos Mestres: Vivo com o meu namorado já há algum tempo, mas o meu relacionamento com ele é diferente de todos os meus últimos relacionamentos. O que começou com fogos de artifício, é agora um rio muito calmo. Sinto que a minha missão com ele é a de ensiná-lo a ser uma pessoa melhor. Ele é uma pessoa que eu encontrei em outra vida? Qual é a minha missão com ele?

RESPOSTA: Você não será capaz de lhe ensinar nada que ele não queira aprender e ele está contente com ele mesmo. Você imaginou que isto seria diferente, mas você estava vendo um sonho e não uma realidade. Você não tem nenhuma missão com ele, somente com você mesmo. Seu propósito é aprender quem você é como uma alma e manifestar as suas habilidades.

Cameron, dos Estados Unidos, pergunta aos Mestres: Em diferentes culturas, as pessoas de pele escura sofrem mais. Por quê?

RESPOSTA: Quando uma alma quer passar por uma vida difícil, ela escolhe o seu corpo humano. Raça, sexo, religião, nacionalidade, todos estes fatores, apresentam muitas lições com que lidar. Cada alma está exatamente onde ela quer estar, experienciando exatamente o que ela deseja. É um meio para um fim.

Andrea, do Brasil, pergunta aos Mestres: Minha vida parece ter parado no tempo. Parece que não há nada para mim em minha profissão e pensei em seguir a Educação, mas também não vejo nenhum meio de chegar lá. Estou falida, com dívidas, morando com a minha irmã que é uma pessoa muito difícil e que não parece feliz com a minha presença e a minha filha teve que ir morar com o pai. Mas o pior de tudo é ver que não há nenhuma perspectiva de sair desta situação. Sei que há uma maneira, mas não sei por onde começar. Qualquer conselho será bem-vindo.

RESPOSTA: Deixe de ver tudo como negativo. Alguns obstáculos surgem para fazê-la parar, fazer uma avaliação de sua situação e proporcionar um novo ponto de partida. Você vê apenas o fracasso e, assim, isto está se intensificando ao seu redor. Comece a ver o sucesso e você permitirá que ele venha para você. Não se concentre no que não pode fazer, mas no que está disponível para você. Pegue seus certificados e encontre meios diferentes de aplicá-los.

Íris, do Brasil, pergunta aos Mestres: Meu relacionamento acabou e não consigo superar isto. Mudei toda a minha vida para estar com ele e agora estou desorientada. Tenho medo de nunca encontrar alguém novamente e tudo parece sombrio. O que eu deveria fazer?

RESPOSTA: Deixe de sentir pena de si mesma. Você criou uma relação de sonho que esteve condenada desde o início, porque você o visualizou como algo que ele não era. Você nunca pode mudar uma pessoa, a menos que ela queira ser mudada e quando você a vê como você quer que ela seja, em vez de como ela realmente é, não há esperança. Comece a partir deste momento a ver somente o que aí está, não como você acha que deve ser. Diga sempre o que pensa e não o que acha que ele quer ouvir. Isto irá atrair um companheiro para você.

Anne, dos Estados Unidos, pergunta aos Mestres: Estou tentando avaliar por que eventos extremos continuam a acontecer com a minha casa. Nos últimos dias, tive um congelamento na tubulação de água e que envolveu a minha garagem em camadas de gelo. Quase houve uma explosão de gás em meu fogão. Há agora novos eventos que estou administrando. Estou tentando aprender a lição. No início, pensei que era uma continuação do aprendizado de como me defender e ser auto-suficiente. Mas agora parece que a mensagem é que eu não deveria estar lá neste momento. Este é o momento de seguir em frente. Poderiam me dar alguma sugestão?

RESPOSTA: Você passa o tempo lutando em vez de avaliar o que está acontecendo em sua vida. Uma vez que aprenda a usar a sua força e poder, então será o momento de encontrar um lugar onde possa ter novas lições em que trabalhar.

Karen, da Finlândia, pergunta aos Mestres: Recentemente rompi com alguém. Estávamos apaixonados, mas ele não estava preparado para se comprometer, assim eu o afastei. Senti que não tinha outra opção do que deixá-lo no momento. Agora, sinto a falta dele mais do que nunca. Ele estava apenas em minha vida como uma lição, ou ele retornará?

RESPOSTA: Você já ouviu o ditado: Cuidado com o que pede? Você tentou colocar limites e o fez. O que você não fez foi chamar outra pessoa para a sua vida ao mesmo tempo. Você sente a falta dele apenas porque está sozinha. Comece a trabalhar para trazer um substituto. Examine quais são as suas prioridades. Você cria a sua realidade. Tudo é uma lição.

Marcele, do Brasil, pergunta aos Mestres: Nunca me senti tão confusa. Algumas vezes, sinto como se estragasse tudo o que acontece, então, eu preciso recomeçar. Estou me sentindo desorientada e não sei como encontrar a direção que devo seguir.

RESPOSTA: Você está correndo como uma galinha sem cabeça. Você está totalmente inconsciente do seu ambiente. Pare e se conscientize do presente, veja realmente o que está ao seu redor. Pergunte-se como você se sente sobre as coisas ao seu redor e como elas a atraem ou rejeitam. Então, você será capaz de ver a sua direção.

Steve, dos Estados Unidos, pergunta aos Mestres: Meu pai morreu há quase 4 anos. Tudo parecia muito difícil e não havia muita ajuda. Ocorreu-me nesta manhã, enquanto pensava nele, que isto era uma “lição de vida” e, talvez, eu tenha me saído bem, e não da forma tão terrível como inicialmente eu pensei.

RESPOSTA: Tudo em uma vida humana é uma lição com a qual você veio à Terra para aprender. Sua falta de auto-estima veio de todas as crenças que lhe foram impostas durante a sua vida e que você assumiu para ditar o que deveria ou não fazer. Quando você se deu conta de que a sua interação com o seu pai estava direcionada pelas lições de vida, você conseguiu ver cada uma como uma maneira de crescer. Parabéns.

 
-.....---==II==----.....-
 
 
Direitos Autorais:
https://www.facebook.com/pages/Reincarnation-Guide/137191392985848
Traduções para o Português:
http://rayviolet2.blogspot.com/search?q=Vozes+Celestiais
Arquivos:
http://rayviolet.blogspot.com/search?q=ask  the masters
Fonte: http://violetflame.biz.ly
Tradução: Regina Drumond – reginamadrumond@yahoo.com.br
 
 
Gostou! Indique o site para Seus Amigos.
 
IITopo da PaginaII - IIMenu Perguntas aos MestresII - IIVoltar HomeII