luz de gaia   
 
   PERGUNTE AOS MESTRES - "95"
CONGREGAÇÃO DE PAZ E TRANSFORMAÇÃO
PURIFICAÇÃO E TRANSMUTAÇÃO
PAZ, LUZ E AMOR.
Canais: Thiago Strapasson e Michele Martini
11 de junho de 2017
 
luz de gaia
  * Para enviar uma pergunta aos Mestres, acesse o site:http://www.pazetransformacao.com.br/.
O formulário permanece disponível somente às segundas-feiras.


 
PORQUE NÃO TENHO TEMPO DE FAZER AS MINHAS COISAS E ME COBRO TANTO?

Pergunta:


Gratidão por mais esta oportunidade de entrar em contato com a sabedoria e amor divinos. Eu vinha em um ciclo bastante positivo, em que conseguia me aprofundar no meu trabalho de autoconhecimento e autotransformação vibrando na luz e na alegria. Mas em algum momento neste último mês abri as portas para uma angústia que está me apertando tremendamente, me deprimindo. Estou me sentindo identificada com o papel de mãe e vejo quanta restrição e medo eu tenho passado aos meus filhos. Dei-me conta que estou ensinando para eles um olhar para o mundo, distorcido pelas minhas próprias frustrações e limitações. Não me sinto realizada profissionalmente e agora já na meia vida sinto o tempo escorrer pelos meus dedos. Tenho me maltratado através de uma alimentação inadequada e excessiva. Não estou mais confortável dentro da minha pele. Sinto-me escrava da minha rotina, preciso trabalhar para sustentar os filhos, me sinto na obrigação de praticar esporte para cuidar do corpo, preciso cuidar da casa e dos meus filhos, ser filha, irmã, namorada, ex-mulher, amiga. Sinto-me refém das minhas escolhas passadas inconscientes e sinto que não tenho desempenhado bem os inúmeros papéis. Quero tempo para mim, para praticar meu sadhana, para entrar em comunhão com Deus. Para ouvir meu coração e entrar novamente no fluir com o divino que sou. Fui pega novamente pela ilusão e mais uma vez não estou vendo a saída. Estou sentindo ódio de mim mesma e das minhas escolhas inconscientes. Estou me julgando. Julgo tudo o que vejo. Tudo. Excluo-me e me sinto excluída. Rejeito-me e me sinto rejeitada. Saboto-me e me sinto incapaz de lidar com a vida. Onde está a voz do coração que me falava no silêncio? Preciso de uma pausa. Estar tragada pela ilusão me deixa exausta e não me leva a lugar nenhum. Peço ajuda para encontrar o perdão. Peço ajuda para eu me perdoar. Peço ajuda também para identificar a porta que me trouxe a este buraco tão doloroso e conhecido. Não quero cair aqui novamente.

Resposta:

Filha querida. Apenas abandone a cobrança de si mesma. Tudo o que traz hoje como tarefas e obrigações, são criações mentais. Lembre-se que todos são imperfeitos porque ainda manifestam as suas restrições, e, portanto, estão encarnados. E lembre-se que os seus filhos apenas estão ao seu lado, porque necessitam vivenciar a experiência de estar ao lado de alguém que carrega as restrições que você carrega, pois apenas através dessa convivência, eles evoluirão, pois, cada comportamento seu desperta neles a oportunidade de curar uma restrição que eles trouxeram. Portanto, querida, lembre-se que tudo que está próximo, só está por ressonância. Se não tens tempo de praticar esporte, então não pratique. Se o seu coração pede momentos de silencio, se entregue a vontade do seu coração. Seja a sua essência. A sua verdade interior está gritando aos seus ouvidos, pedindo para ser ouvida, e que abandone as ilusões, as cobranças da matéria, que nada dizem sobre a sua verdade. Se entregue a esse chamado e apenas siga o que pede o seu coração.

Sou Mestra Pórtia


PORQUE MEUS RELACIONAMENTOS NÃO DÃO CERTO? OS CONSELHOS QUE RECEBO NÃO ME TRAZEM A RESPOSTA

Pergunta:


Olá Mestres, gratidão imensa por toda a ajuda que vocês me dão! Amo todos vocês e gostaria que me auxiliassem mais uma vez a tentar compreender o que acontece com a minha vida amorosa. Essa parte sempre me pareceu o meu maior desafio e sempre teve um grande entrave, ciclos repetitivos vivem acontecendo e não consigo saber se eu faço algo errado com os homens ou se eles realmente não são para mim. Ver que minha vida amorosa sempre falha me entristece muito e eu fico me sentindo incapaz. A última vez não foi diferente de tantas outras. Procurei seguir todos os conselhos dos mentores, lutar contra o meu medo de me entregar e ser machucada. Mesmo assim o medo de ser rejeitada por essa pessoa a quem tenho sentimentos, ainda agora foi maior. Senti que eu travei e não consegui demonstrar o quanto gostava dele o suficiente. Eu me culpo por isso, pois acho que errei, e se não tivesse errado estaríamos juntos agora. Apesar disso quando fui pedir auxílio espiritual me falaram que não fiz nada de errado e que tem outros problemas que nos impede de ficarmos juntos. Sinto que ele gosta de mim e eu estava lá o tempo todo, porém ele preferiu não ficar comigo e ter um relacionamento. Não entendo o porquê, não entendo o que está nos impedindo de ficarmos juntos. Pergunto-me se o problema sou eu, ou se é ele, ou se não é nenhum dos dois, mas algo externo. O que devo mudar, e como devo agir? Algo no meu coração diz que eu não devo desistir como eu sempre fiz com os outros, mesmo com todas essas confusões. Disseram-me que se eu falar tudo o que eu tenho no meu coração eu vou afastá-lo, mas se eu não falo ele fica achando que eu não quero nada com nada. Estou confusa em como lidar com ele, não consigo saber o que fazer. Tem algo que não estou enxergando? Porque estou tendo que passar por todo esse sofrimento? O que posso melhorar para fazer esse relacionamento finalmente dar certo? Gratidão por tudo, Mestres!

Resposta:

Filha de luz e amor. Temos apenas uma mensagem para ti. Que é a lembrança de que têm se esquecido de se perguntar o que deve ou não fazer, com a sua própria vida e os seus sentimentos. Busca as respostas em lugares externos, mas nenhum deles trará a resposta que deseja, pois, o processo interior é individual, e apenas você, é que deve sentir o que deve ser feito ou falado. Todas essas experiências repetidas filha, ocorrem apenas para que aprenda a voltar-se para dentro de si mesma, ouvir o seu coração e a sua verdade. Deixar de lado a insegurança, o medo de não agradar. Pois apenas deve colocar-se em primeiro lugar na sua própria vida, e perceber o que a agrada. Já perguntaste a si mesma o que a agrada? Perguntaste o que realmente desejas? Apenas poderá receber essa resposta quando silenciares. Dessa forma poderá deixar falar a voz do coração, que mostrará o caminho. Sinta seu coração filha, aprenda a deixar que a sua vida seja guiada pela sua intuição. Se em algum momento sentir que deve silenciar e não dar a sua opinião ao seu amado, se percebe que ele passa por um momento em que precisa de silêncio para refletir, então permita que esse momento aconteça. E assim também proceda da forma contrária, se perceber em seu coração que é momento de dizer algo, em doses menores, mas que trarão aos poucos a sua verdade para o externo, então permita que isso saia de dentro de ti, permita que as palavras saiam de forma gradativa, tudo ao seu tempo, respeitando você mesma e a sua própria experiência de aprendizado. Aprenda a se observar filha, e apenas siga a sua vida fazendo tudo da forma que traz mais mansidão a você, que traz mais paz e acalma o sentimento de ansiedade. Com o tempo vai aprendendo a sentir e se tornará mais fácil, é um treino. Então apenas não se cobre dessa forma. Permita que você leve a própria vida e os aprendizados de forma gradativa, em doses menores, a não causar tanto sofrimento, filha. Aprenda a sentir o seu coração, e manifeste o que sentir no momento, respeitando o seu tempo para que tudo ocorra. Amo-te filha.

Sou Rowena


ESTOU PASSANDO NECESSIDADE, NÃO TENHO EMPREGO, O QUE EU FAÇO?

Pergunta:


Queridos Mestres, preciso de uma Luz! Meus caminhos estão trancados em todos os sentidos. A situação financeira está caótica, não consigo nem comprar um pão. Meu aluguel está atrasado e estou com medo. Não consigo trabalho. Eu tenho trabalhado meu interior, tenho tentado me equilibrar, mas às vezes, as lágrimas caem. Este período está sendo o pior que já tive nesta existência. Tenho quatro cachorros e a mais velha está doente e não tenho como manter os remédios. Meus filhos, só por Deus. Eu sei que vai passar, pois tudo isso é passageiro. Tenho mantido em meu coração, a paz, a certeza e a confiança da minha vitória. Há uns anos atrás tive um sonho com um índio e ele me deu o seu nome e pediu que eu o chamasse sempre que precisar, foi muito lindo. Já tive vários momentos de lucidez, de ter sido em alguma das minhas vidas passadas uma índia americana. Deem-me uma Luz, meus queridos! Gratidão imensa pela oportunidade.

Resposta:

Filha. Procure se desvencilhar da energia que a faz entrar no padrão mental e concentre-se na sua verdade interior. Esse momento em que vive, é a oportunidade do recomeço. Assim como todos no planeta vivem o mesmo período de transformação, você também tem a oportunidade de ver tudo o que construiu e acreditou até hoje, ruir, para que seja reconstruído nos alicerces da verdade. Não encontrará um novo trabalho, enquanto não buscar por aquilo que é a sua essência. O recomeço é a oportunidade de reconstruir a vida nas bases da verdade interior, então de nada adiantará procurar por algo que não está alinhado com o seu propósito. A única porta que se abrirá agora, filha, é a da sua verdade. Silencie, e encontre dentro do seu coração o que a faz feliz e viver com amor e satisfação. E procure esse caminho, verá como as portas se abrirão.

Sou Mestra Pórtia


PORQUE SINTO TANTA NECESSIDADE DE AGRADAR AOS OUTROS?

Pergunta:


Obrigada pela oportunidade e poder ter acesso a todo esse conhecimento que tenho tido através desses blogs. Gostaria de saber qual a minha missão aqui. Desde criança sempre me senti especial. Sentia que nunca deveria desapontar ninguém. Sempre pensei no bem das pessoas. Nunca em mim. Mas sempre achando que isso era o certo. Sempre muito, mas muito medrosa. Agora com 50 anos me sinto ainda assim, que não devo nunca desapontar ninguém. Que preciso ser perfeita, no que os outros pensam de mim. Mas sou muito agradecida a tudo neste mundo. Tive um câncer já há 9 anos, não sei a razão dessa doença que tive, pois passei muito bem com todos esses tratamentos invasivos. Muito obrigada pela oportunidade.

Resposta:

Trabalhe a autoconfiança. Você filha, olha para o externo, deixando de olhar para dentro de si mesma. Apenda a ouvir as suas próprias necessidades, e fazer o que a faz feliz. Esforçar-se para agradar a si mesma e buscar a sua satisfação em todas as suas ações. Estabeleça esse foco a partir de hoje, e verá como, gradativamente, a necessidade de agradar o externo acabará reduzindo até sumir por completo. Os que estão observando, verão como és feliz, e tomarão a sua experiência como exemplo para encontrarem a própria alegria e satisfação interior. Dessa forma poderá agradar sendo a sua própria verdade.

Mestra Pórtia

 
 
-.....---==II==----.....-
 
 
Direitos Autorais:

Canais: Thiago Strapasson e Michele Martini
Colaboração: Ilza Barreto.
Fonte: www.pazetransformacao.com.br
 
Gostou! Indique o site para Seus Amigos.
 
 

luz de gaia