luz de gaia   
 
   PERGUNTE AOS MESTRES - "176"
CONGREGAÇÃO DE PAZ E TRANSFORMAÇÃO
PURIFICAÇÃO E TRANSMUTAÇÃO
PAZ, LUZ E AMOR.
Canais: Thiago Strapasson e Michele Martini
22 de novembro de 2017
 
luz de gaia
  * Para enviar uma pergunta aos Mestres, acesse o site:http://www.pazetransformacao.com.br/.
O formulário permanece disponível somente às segundas-feiras.


 
O PROCESSO DE ASCENSÃO E DESIDENTIFICAÇÃO COM O EGO ME PERTURBA

Pergunta:


Primeiramente quero agradecer a existência deste canal, cujas mensagens eu tenho acompanhado, e que tantas vezes tem me provido alento. Já fiz outras perguntas a respeito desta minha jornada, e sei que avancei muito desde que fiz as outras perguntas, mas novas dúvidas e angústias surgem à medida que caminho (ou as mesmas tomam novas formas) e é muito difícil encontrar com quem falar sobre isso. Tenho buscado silenciar a mente o quanto consigo, mas há algo que me impede de vivenciar os momentos da vida de forma plena e livre de angústia. Embora haja momentos em que me sinto cheia de amor e vontade de viver essa aventura, eu logo me sinto perturbada por preocupações metafísicas sobre a existência, o mundo, pela consciência do sofrimento nesse mundo, especialmente seres inocentes, que não consigo entender. Também me perturba uma “desidentificação do ego”, e não sei direito quem sou, pois penso que tudo que amo nesse mundo, minhas aspirações, até meus problemas, são ilusões e parece que resta um vazio. Era mais fácil ter apenas preocupações humanas, com relacionamentos, dinheiro, pois ao menos eu me sentir inserida na história, pois agora pareço muitas vezes estar olhando tudo de longe. Sofrendo, mas sabendo que não há motivo real para sofrer! E muitas vezes não sei se isso é um despertar espiritual ou se estou ficando louca, e tenho que lutar muito para sempre encontrar um centro em que me apoiar e não me desesperar numa espiral de pensamentos ruins. Sigo em frente, mas me canso, tendo que fazer constantes milagres para criar forças e enfrentar um novo medo, e com toda a ansiedade que essa instabilidade emocional e angústias me causam, e também sensações físicas, provavelmente causadas pela ansiedade. Procuro ter fé que tudo isso vai desaguar em algo bom, mas também tenho que lidar com muitas dúvidas e medo sobre o que pode acontecer comigo. Tenho consciência de que estou num momento de intensas mudanças, em mim mesma e em minha vida, e isso pode contribuir para toda a sensação de insegurança, por abandonar e me desidentificar com o antigo, e muito está surgindo das profundezas para ser purificado, ao menos é o que me parece, e só posso esperar que em algum momento, me sentirei mais estável e em paz. Realmente gostaria muito de sentir paz interior sem perdê-la logo em seguida para outra turbulência. Minhas percepções estão corretas? Como devo lidar com minhas angústias? Ou devo simplesmente continuar a fazer o que estou fazendo e esperar pelo melhor, e que tudo irá se clarificar no momento certo? Há algo que possa me proporcionar maior paz durante isso que penso (e espero) ser uma transição? Perdoem a longa mensagem e agradeço novamente de coração.

Resposta:

Filha. Apenas um exercício: Traga em sua tela mental o abandono de toda essa busca, de tentar entender, de expansão de consciência, de que nada mais faz sentido. Se veja inserida em seu dia comum, com as suas aspirações comuns, inerentes da matéria. Essa visualização mostrará a você, através do seu coração, que não necessita buscar nem modificar a sua vida ou forma de pensar. Que você pode apenas soltar e deixar que a vida transcorra de forma natural. Perceberá com o simples exercício, certa leveza, a soltura de algo que a incomodava e pesava. Apenas solte, viva a vida na matéria, mesmo enquanto preservar a compreensão e sabedoria de que tudo é apenas algo criado pela mente. Ainda que criado pela mente, é algo a ser desfrutado, e esse desfrutar da vida trará a leveza que perdeu pelo caminho.

Sou Kuthumi

COMO MELHORAR OS SINTOMAS FÍSICOS QUE SENTIMOS DEVIDO AS MUDANÇAS ENERGÉTICAS?

Pergunta:

Amados Mestres. Gratidão por toda ajuda que venho recebendo. Tenho procurado melhorar cada dia mais, mas sei que ainda há um longo caminho a percorrer. Há algum tempo, quando me deito para dormir, sinto atividade no meu chacra frontal (sensação de frio, formigamento ou movimento), nesse momento nunca sinto medo, e o sono vem logo em seguida, porém raramente me lembro dos meus sonhos (que ultimamente têm sido bem confusos). Tenho tido também alguns sintomas físicos, principalmente na parte gástrica e intestinal. Minhas perguntas são: Há algo que eu possa fazer para melhorar esse trabalho que está sendo feito no meu chacra frontal? Os sonhos confusos e os sintomas físicos podem ser fruto da readequação energética? Posso fazer algo para melhorar também nesse aspecto? Gratidão! Paz e luz aos canalizadores!

Resposta:

Filha. Estamos a todo tempo caminhando entre dimensões. Embora vocês olhem e pensem que estão ancorados nessa dimensão exclusivamente física, vocês estão a todo tempo fundindo energias dimensionais. Vocês caminham em diferentes dimensões, e acoplam energias de outras dimensões no plano físico. Muitas das grandes almas hoje encarnadas vieram com essa missão tão simples ao ego. O ego espera algo mais complexo, com imagens extra-sensoriais, sons, etc. Essa é apenas uma exigência do ego. Mas muitas almas vieram apenas para estar na terra, fundindo energias de diferentes dimensões, porque é da sua natureza caminhar com maior facilidade entre esses multiversos. Quando tiver essa sensação em seu chakra frontal, silencie-se, aquiete-se. Depois faça uma espécie de corte imaginário em seu chacra frontal ou outra parte do corpo, como se estivesse retirando esse pedaço que pulsa, eleve-o a uma dimensão mais sutil e pura, traga-o de volta limpo e coloque no mesmo lugar de seu corpo físico. Faça isso quantas vezes for necessário, com qualquer incômodo corporal que tenha. Você é sua própria benção, sua própria purificação. Nesse ato está a realizar a fusão de dimensões, ancorando energias dimensionalmente mais sutis em seu corpo, ajudando seu processo de transformação e purificação. Esteja em paz filha.

Sou Melchizedeck


MEUS SONHOS COM O MESTRE SANANDA FORAM ENCONTROS REAIS?

Pergunta:

Namastê. Minha pergunta é para o Mestre Sananda. Eu tive sonhos com Ele, e uma vez cheguei a ter uma visão. Foi rápido, mas me proporcionou muita paz. Em outro sonho, Ele veio na roupagem de um idoso e falou comigo. Gostaria de saber se foram encontros reais.

Resposta:

Filha. Não temos encontros, porque eu estou em seu coração e você no meu. Estamos a todo tempo juntos. Eu sou em você e você é em mim. Você apenas olha, através do seu ego, e pensa que estamos separados, a nos encontrar. Mas jamais me separei de ti, assim como jamais você se separou de mim. Esses sonhos são apenas uma forma de lembrar-te que estou guardado em seu coração, assim como você está no meu. É uma possibilidade de relembrar a paz que representa. Somos Um em todo amor, com tudo o que é. Esteja em paz.

Sou Sananda


COMO ME ENTREGAR A INCORPIRAÇÃO DOS GUIAS, E TAMBÉM DESENVOLVER O DOM DA CURA?

Pergunta:

Amados Mestres, agradeço por toda a espiritualidade que me guiou até vocês, e este canal que tem trazido tanta luz e esperança para o meu coração. Suas palavras (junto com o trabalho dos meus guias) me ajudaram muito, me deram forças no momento em que eu mais precisava. Gratidão! Minhas dúvidas são referentes à minha espiritualidade: 1. Tenho tido um pouco de dificuldade em me entregar na incorporação dos meus guias. Não sei se é medo, insegurança. Faço o máximo para tentar me concentrar e me entregar, mas gostaria de saber o que eu poderia fazer para auxiliar na incorporação, de forma que eu interfira menos e deixe as entidades trabalharem. 2. Tenho em meu coração uma profunda vontade de ajudar outras pessoas, especificamente através da cura. Gostaria de saber como posso desenvolver esse dom.

Resposta:

Filha, saudações de luz e amor. Sou seu irmão, Sananda. Na vida tudo se transforma. Sente essa dificuldade porque está a se prender ao antigo. Mas tudo se transforma à medida que vamos expandindo nossa consciência, as antigas formas de incorporação, canalização, mediunidade, começam a deixar de existir para que outras venham. O que precisa é estar a todo tempo se reinventando, abrindo-se a nova maneira de fazer o antigo. Deixe fluir sua intuição sem se prender às formas que isso se dava, porque talvez elas simplesmente não ressoam mais com você, e está tentando buscar no passado algo que transcendeu. Se pudesse lhe dizer algo, eu diria: se possui vontade de trabalhar com cura, abra-se ao novo que sua alma tenta te conduzir, e deixa que tudo flua com sabedoria e paz. Sou seu irmão de amor.


Sananda
 
 
-.....---==II==----.....-
 
 
Direitos Autorais:

Canais: Thiago Strapasson e Michele Martini
Colaboração: Ilza Barreto.
Fonte: www.pazetransformacao.com.br
 
Gostou! Indique o site para Seus Amigos.
 
 

luz de gaia