luz de gaia   
 
   PERGUNTE AOS MESTRES - "129"
CONGREGAÇÃO DE PAZ E TRANSFORMAÇÃO
PURIFICAÇÃO E TRANSMUTAÇÃO
PAZ, LUZ E AMOR.
Canais: Thiago Strapasson e Michele Martini
15 de agosto de 2017
 
luz de gaia
  * Para enviar uma pergunta aos Mestres, acesse o site:http://www.pazetransformacao.com.br/.
O formulário permanece disponível somente às segundas-feiras.


 
PORQUE SOU MAL INTERPRETADA E JULGADA POR FOFOCAS?

Pergunta:


Olá Mestres gratidão! Bom, primeiramente gostaria de entender um pouco, porque venho sonhando com entidades da umbanda, sem nunca ter frequentado um terreiro? Venho me questionando sobre a espiritualidade, ando meio perdida com meus pensamentos sabe, às vezes penso e atraio coisas ruins, como, por exemplo, sempre me envolvo em alguma fofoca, já foram 4 e eu sempre saio como errada da história, gostaria de saber também se algum dia as pessoas que magoei irão me perdoar, me sinto mau por isso, por ter ofendido a família de um amigo do meu esposo, o pai desse rapaz até faleceu, mas a mãe e a irmã dizem sentir muita mágoa de mim, e por ter descoberto coisas erradas da minha sogra, deu a maior confusão na família, me sinto a pior pessoa do mundo, queria que essa sensação fosse embora pois não me sinto nada bem com isso. Bom esse é meu questionamento. Obrigada Mestres.

Resposta:

Filha. As experiências precisam ser transcendidas a partir de nossa mudança interior. Você não resolverá essas situações enquanto mantiver esse padrão. Esse ciclo de dor e sofrimento é você que cria, ao tentar interferir em situações que não lhe dizem respeito. Aprenda a se afastar, a estar em paz e cuidar de si mesma. Deixa de dar importância ao externo, e verá esse ciclo de interromper. Enquanto não mudar seu próprio comportamento, sua forma de reagir, você estará a enfrentar esses ciclos de dor em sua vida. Liberte-se.

Sou Lis


TOMEI A DECISÃO CERTA EM TERMINAR UM RELACIONAMENTO?

Pergunta:


Amados Mestres, muito obrigada por toda orientação que tem me dado durante todo esse ano. Minha vontade de constituir uma família, aos 45 anos, fez com que eu usasse os aplicativos de celular para conhecer homens. Não foram muitos, mas entre os 4 que conheci, o último parecia ser uma pessoa séria e verbalizou que tinha desejo de constituir uma família comigo. Tivemos momentos felizes, inclusive com o filho dele que conheci desde o primeiro encontro, e que se trata de um menino abençoado. No entanto, durante o convívio eu descobri que ele ocultou algumas coisas importantes, além de ter um histórico com processos de dívidas e outro de agressão a uma ex-namorada, e comportamentos promíscuos, ocorrido, seis anos atrás. Também observei alguns desencontros entre o que ele dizia e fazia, que me fizeram duvidar da verdade do que falava. Avaliei todas as situações e achei que esse relacionamento não ia ser harmonioso, já que eu não confiava mais nele e resolvemos terminar. No entanto, sinto falta dele, dos momentos que vivemos e planos que fizemos. Fico em dúvida se tomei a decisão correta ou se fiz baseado nos julgamentos da minha mente, já que alguns fatos que influenciaram minha decisão aconteceram há anos atrás. O que os Mestres me orientam? Muito obrigada.

Resposta:

Filha. Saudações com todo amor que trago no coração. Há encontros e desencontros na vida. Cada um deles nos traz um aprendizado. Nesse caso você foi capaz de se desprender, de se colocar em dúvida e fazer aquilo que desejava. Olhe e se compare com aquela pessoa que ansiava por encontrar um par. Isso é evolução. Fique em paz minha amada irmã. Você encontrará seu par quando estiver confiante nesse caminho, de ser feliz e não estar junto de outro a qualquer custo. Seguiu seu coração e assim deve ser. Use esse aprendizado com paciência que o melhor virá à sua vida.

Sou Rowena


PORQUE TENHO DEPRESSÃO?

Pergunta:


Queridos Mestres. Eu tenho enfrentado um mesmo tipo de problema ao longo de toda a minha vida e agora aos 54 anos atingiu o limite do suportável. Não sei bem como explicar, mas atravessei a vida sem conseguir me conectar realmente com as pessoas. Quando tive amigos e amigas mais próximos me apeguei a essas pessoas até ter algum atrito e romper a amizade. Hoje estou cuidando de minha filha mais nova com depressão severa há mais de dois anos e eu mesma entrei em depressão e pânico (só fico mais calma quando meu marido chega em casa à noite) e estou sofrendo muito com tudo isso e não tenho muitas pessoas próximas para me ajudar, apenas duas amigas que conversam comigo mas moram longe e então eu me sinto extremamente sozinha e desesperada. Além de tudo isso, há uma semana minha filha mais velha teve nenê, e ao contrário do que eu esperava e imaginava, não estou me sentindo feliz e não me sinto conectada nem com minha filha nem com o bebê. Estou fazendo terapia, mas nada alivia, me sinto sozinha e perdida, quase como uma criança, e não sei lidar com as situações mesmo as mais simples. Tenho ido à igreja, faço muitas preces, peço aos anjos, ao Espírito Santo e Jesus Cristo a ajuda para me reconectar com a vida e as pessoas. Em 1995 eu tive uma crise de depressão como essa, eu orei muito também e recebi uma grande bênção, numa noite depois de muitos dias sem dormir, eu cochilei e vi três pessoas no meu quarto que impuseram as mãos e eu dormi e, no dia seguinte acordei me sentindo perfeitamente bem e conectada com a vida e com o presente, e a cabeça calma e livre do excesso de pensamentos ruins. Infelizmente, depois de alguns dias esse bem-estar foi desaparecendo aos poucos, e voltei ao estado depressivo e demorou mais de um ano para melhorar. Preciso conseguir reconectar com a vida e com as pessoas e, por incrível que pareça, é exatamente o mesmo problema da minha filha com depressão. Gratidão!

Resposta:

Filha. Saudações de paz e ressurreição. A depressão é fruto da desconexão, mas não com o mundo apenas, mas principalmente com a essência. O medo que sente é fruto de restrições que traz em seu corpo. Não diz sobre sua essência. É como se estivesse ancorada em medos que te seguram o desenvolvimento. Por isso sente essa desconexão. Isso é fruto da não conexão consigo mesma. O que precisa é realizar essa busca, a busca pelo pertencimento. Mas como fazer? Como se buscar? A sua família, filha, poderá lhe abrir as portas. Observe o que há neles que te conduzem a esse estado de solidão. Rompa com esse encargo que assumiu, com esse papel que trouxe a sua vida. Deixe ir essa que não diz sobre quem é. Busque sua verdade. Comece por buscar atividades que te traga alívio, alegria, procure pessoas que te façam rir. Haverá grupos de pessoas que poderão te receber. A partir daí conviva e busque essa felicidade em sua vida. Essa será a chave para sua reconexão: rompimento e felicidade. Trilhe esse caminho e seja feliz.

Sou Serapis Bey


O RELACIONAMENTO QUE TERMINEI BLOQUEAVA A MINHA VIDA E IMPEDIA A MINHA FELICIDADE?

Pergunta:


Estou separando-me de meu marido após mais de 30 anos de relacionamento. Quero muito encontrar um amor verdadeiro e encontrar o equilíbrio financeiro. Penso que esse longo relacionamento me ensinou muitas coisas, mas agora quero algo maior para minha vida. Precisei de muita coragem para essa decisão. Estou no caminho correto? Era esse relacionamento que bloqueava minha vida e não me deixava ser feliz? Com gratidão!

Resposta:

Filha. Ninguém é capaz de bloquear a sua vida e a sua felicidade além de você mesma. Observe como inicia a sua nova jornada, já inicia trazendo resquícios da carência do passado, que a fizeram permanecer por longo tempo em um relacionamento que não trazia felicidade. Busca encontrar um amor verdadeiro, mas esquece-se de que passou anos negligenciando, o amor por você mesma. O que necessita focar nesse momento é o resgate do amor perdido por ti, o amor próprio. Hoje está mais forte e consciente de tudo o que passou, agora entra em uma fase onde deverá adquirir maturidade, por você mesma, e não a projeção da sua felicidade na expectativa de outro relacionamento. Busque a paz e a completude em si, até que se sinta abundante em amor por você mesma, e então estará preparada para atrair todo o amor externo para junto de si.


Sou Mãe Divina

 
 
-.....---==II==----.....-
 
 
Direitos Autorais:

Canais: Thiago Strapasson e Michele Martini
Colaboração: Ilza Barreto.
Fonte: www.pazetransformacao.com.br
 
Gostou! Indique o site para Seus Amigos.
 
 

luz de gaia