PORTAIS DO TEMPO E A CAVERNA DO ESPÍRITO
Uma mensagem de Metatron canalizada por Tyberonn em
6 de abril de 2009
 

Saudações! Eu sou Metatron, Senhor da Luz e saúdo todos vocês neste vetor preciso de espaço atemporal. Abraço-os com amor incondicional; amor que é geométrico, amor que é científico, um amor de incomensurável sacralidade. O amor é a fonte de TUDO. Não é uma emoção; é uma ressonância onipotente. A fonte de poder que possibilita a sua consciência atual nunca foi física; e onde eu reino existem muitos seres divinos de luz que nem sequer sabem que existe um sistema físico como o de vocês. Isto os surpreende?

Inteligência Divina e consciência senciente existiam muito antes da sua Terra ser formada. A consciência é o motor de toda a criação, toda a matéria e antimatéria, e forma muitas outras realidades além da sua Terra. Atualmente o ponto de vista de vocês é tão limitado, que lhes parece que a realidade física é a regra e o modo de existência. Seus acadêmicos procuram vida em outros planetas do seu sistema solar, e porque estes são diferentes da sua Terra, eles supõem que não existe nenhuma vida neles. Nós lhes dizemos não só que eles estão transbordando de vida, mas também que os próprios planetas, estrelas e partículas de espaço entre eles são todos seres conscientes. Até o vácuo está vivo. A vida física é a exceção e não a regra.

O sistema físico da dualidade é uma ilusão proposital. Vocês estão sonhando o sonho da humanidade. Vocês são poderosos seres espirituais usando filtros. São centelhas Divinas da Fonte Criadora freqüentando a Universidade da Terra. E assim precisam aceitar este axioma e, do seu ponto de vista, tentar entender as realidades maiores que existem além das suas percepções físicas; e elas são muitas. E o AMOR é o bloco da construção, o “DNA” essencial de tudo.

E então vamos falar de Distorção de Tempo

PERGUNTA PARA METATRON: Ano passado, eu passei um tempo em um ponto de poder muito especial, chamado Grimes Point, situado perto do Lago Tahoe, nos arredores da cidade do Reno, em Nevada, no limite com a Califórnia, EUA. A área é coberta de gravuras rupestres muito interessantes e é reconhecida por alguns Nativos Americanos como um portal para a Nação das Estrelas. Nessa área há uma caverna que possui energias muito interessantes. Passei algum tempo junto às rochas e logo entrei num estado meditativo muito semelhante ao ayahuasca. Senti como se tivesse passado por um vácuo de tempo, fora do tempo linear, e o ambiente fisicamente visível ao meu redor tinha uma onda que parecia neblina e eu sentia uma pulsação elétrica na terra. Você poderia falar sobre essa área? É uma área de distorção de tempo?

METATRON: Grimes Point realmente é uma área de distorção de tempo. Essa distorção se dá em vários níveis. O primeiro é devido a um fluxo gravitacional que ocorre de forma rítmica na área específica. A própria distorção da gravidade também afeta a seqüência contínua do espaço-tempo na área, e cria um campo de abertura dimensional muito semelhante ao que ocorre nos pólos.

PERGUNTA PARA METATRON: Existem estórias dos Nativos Americanos da Tribo Paiute e um relato de um físico dos anos 40 sobre cidades subterrâneas em toda essa área. Você poderia falar sobre isto?

METATRON: Já falamos antes sobre civilizações e colônias que existem no interior da Terra, e falamos sobre a enorme rede de túneis e cavernas subterrâneas que formam uma malha de comunicação no seu planeta. Estes foram construídos originalmente pelos pleiadianos e utilizados extensivamente pelos atlantes adiantados. Aqueles que vocês chamam de lemurianos habitam vários desses vazios sob as áreas do Monte Shasta, Grand Tetons, Arkansas, e amplamente sob as áreas de Grimes Point, Deserto Mohave e regiões do Death Valley, nos Estados Unidos.

Essas áreas existem, não é folclore, mas um fato de sobreposição dimensional no campo unificado. Embora realmente tenha havido incidentes casuais de descoberta dessas cavernas contendo redes de túneis e evidências de civilizações e bases passadas, estes foram negados, selados, e os descobridores foram desacreditados. As cavernas de Grimes Point são realmente a entrada para o sistema atlante de túneis, mas o que ocorre fundamentalmente, nesta época, sob o Grimes Point, é um imenso portal. Especificamente devido às suas freqüências únicas, ele realmente é um ponto de entrada para as bases intraterrenas, usado originalmente pelos pleiadianos. Embora isto pareça fantástico e inacreditável para muitos, é totalmente verdadeiro. Na verdade, vocês se originam primordialmente das Plêiades e de Sírius, entretanto apesar das evidências impressionantes, isto é amplamente descartado como uma ilusão dos seres humanos. Vocês realmente têm origem galáctica, e coexistem na multidimensionalidade, pois estas raças que vocês negam existem.

Vocês falam sobre lendas dos Paiute. De fato a maioria das tribos indígenas reconhecia o que chamava de “Nação das Estrelas”. Muitos idiomas indígenas incluem nomes para os pleiadianos. Os Lakota, Hava Supai e Navajo, todos fazem referência aos pleiadianos e sirianos. Em suas lendas, os Hava Supai mencionam “pessoas-formigas” cinza-azuladas, altas e esguias, que os levaram para cidades-refúgios subterrâneas durante o primeiro e o segundo dilúvio atlante. Estes, na verdade, eram os lemurianos e sirianos. Seus geólogos deduziram que essa área esteve submersa há 12.000 anos atrás.

Os restos humanos daquilo que vocês chamam “Homem da Caverna do Espírito”, encontrados em Grimes Point, é um enigma para os seus antropólogos. Sua tecnologia atual calcula que esses restos sejam de 8.400 AC. Mas o maior mistério é que os restos não são de raça indígena, mas de um ser humano pequeno com características caucasianas.

PERGUNTA PARA METATRON: Então Grimes Point é um ponto de entrada para o interior da Terra?

METATRON: Sim! Um dos muitos. Ele está diretamente ligado com a Cidade de Agartha do Monte Shasta e com um amplo vazio subterrâneo sob a Califórnia, Nevada, Arizona, Arkansas e Wyoming.

PERGUNTA PARA METATRON: Essa caverna supostamente descoberta pelo Dr. F. Bruce Russell é um fato verdadeiro? Aconteceu mesmo? Ele disse que encontrou múmias de homens de 9 pés [2,70 m] de altura, com cabelo vermelho e símbolos geométricos.

METATRON: A caverna foi encontrada e realmente existe. Existem muitas descobertas de “gigantes” em todo o planeta. Aqueles encontrados em Nevada e na Califórnia são da raça atlante de pele dourada e freqüentemente com cabelo louro ou avermelhado. A raça dourada da Atlântida tinha 9 a 12 pés [2,70m a 3m] de altura. Os Arianos da Atlântida eram caucasianos na aparência e tinham entre 5 e 6 pés [1,5 m a 1,80 m] de estatura, assim como os da raça vermelha de Og, que ficaram conhecidos como Nativos Americanos, Maias, Iroquois e muitos outros que são de origem atlante.

Embora não tenhamos nenhum desejo de entrar no que vocês chamam de conspirações e segredos políticos, setores do seu Governo tiveram ligações com alguns dos extraterrestres e lemurianos do interior da Terra durante a maior parte do século passado. Parte desse trabalho é realmente benéfico, outra parte é voltada para um desenvolvimento de tecnologia secreta. Nossa missão aqui não é aprofundar nessa questão, mas apenas lhes mostrar que, no futuro próximo, suas ligações extraterrestres serão muito mais aparentes. Mas voltando ao que dizíamos, essas ligações geralmente eram reconhecidas, sem medo, pelos indígenas.

Muitas das suas sociedades tribais campestres interagiam abertamente com os “Seres das Estrelas” e também com os lemurianos intraterrenos. Mas a interação era para ensinamento e ajuda. Embora o seu Governo esteja em contato com eles agora, não há nenhum desejo da civilização lemuriana intraterrena de se misturar com os seres humanos no presente momento. Eles são seres tranqüilos, muito desenvolvidos espiritualmente, sem nenhuma religião além do reconhecimento do Divino. Estão num caminho separado e muito perto de concluir seu ciclo. Quando vocês desenvolverem a capacidade de elevar a sua freqüência, descobrirão a habilidade de interagir com toda a Inteligência Divina. Descobrirão que vocês são os extraterrestres, vocês são os Seres das Estrelas, os Golfinhos, os Atlantes e os Lemurianos.

GRIMES POINT

PERGUNTA PARA METATRON: Obrigado. Voltando a Grimes Point, as pinturas rupestres que existem lá são muito interessantes. Muitas mostram oscilações de ondas e padrões de ziguezague. Esses símbolos tinham um significado especial?

METATRON: Essas pinturas rupestres são de vários períodos e eras. Algumas são simplesmente cerimoniais. As que mostram oscilações de ondas e ziguezagues são símbolos da distorção do tempo e espaço, que os indígenas pós-atlantes da região sentiram e experienciaram nessa área, pois essa é realmente uma área de muita anomalia gravitacional e, portanto, de concentricidade dimensional do tempo-espaço. Enquanto meditava lá, você descobriu, em primeira mão, que a área irradiava um campo de onda translúcido, semelhante à miragem que se vê quando se observa o calor subindo das ruas de asfalto no alto-verão. O véu que separa as realidades é muito fino em Grimes Point. Cenas reais, acontecimentos em andamento em outros mundos e outras estruturas de tempo podem ser claramente visíveis e fisicamente percebidos com muita facilidade em certos momentos, nesse lugar. Os raios eletromagnéticos, que são indicados pelos ziguezagues e a oscilação de onda das pinturas rupestres, são sinais claros do que ocorre nessa área. Os círculos concêntricos e padrões de espiral indicam o portal-vórtice da área, a entrada naquilo que os indígenas chamavam de Mundo Espiritual. Tudo é bem tangível em Grimes Point, e física e visivelmente aparente em termos de anomalias gravitacionais e distorções do tempo.

As cavernas da região foram usadas em vários períodos – e ainda são – como pontos de entrada para os pleiadianos, e essas energias são muito poderosas. Em períodos específicos, pode-se verdadeiramente acessar parcelas maiores de multidimensionalidade nessas energias em Grimes Point. A energia desse lugar foi reconhecida pelos indígenas como uma “entrada para outros reinos”, devido ao seu campo energético único e seus efeitos no visitante humano. São muitos os seus efeitos. O adepto pode empregar essa energia para resgatar seu Eu integral, para curar e mudar o passado e o futuro. As diversas realidades dimensionais do Eu fundem-se nas percepções gerais do Eu total. Há um intercâmbio subconsciente constante de informações entre essas camadas do Eu total, e isto é um processo extremamente importante. É bem mais fácil realizar essa integração curadora dentro das camadas dimensionais concêntricas das áreas de Grimes Point. Realmente essas energias estão bem disponíveis para o buscador nessa forma.

TEMPO MULTIDIMENSIONAL

A energia de Grimes Point cria uma anomalia do tempo, assim como acontece com outras localidades da Terra. Algumas são reconhecidas, outras não. O tempo é uma ilusão criada, e a gravidade, a proporção de giro da Terra, o eletromagnetismo e os alinhamentos celestes são componentes do seu desdobramento. O tempo é como vocês o percebem; ele é simplesmente isto – uma percepção. Nós lhes asseguramos que, além da dualidade, o tempo realmente não existe na forma linear que vocês acreditam. E mesmo nas lentes filtradas da dualidade, existem certas áreas de sobreposição dimensional que ocorrem no seu planeta, onde podem acontecer anomalias de tempo impressionantes. Entendam que existem muitas Terras ocupando, de forma concêntrica, o espaço que a humanidade percebe que a Terra física ocupa. Existem mecanismos freqüenciais que conectam essas sobreposições de dimensões paralelas, e eles criam portais para outras estruturas de tempo e realidades que coexistem de forma diferente dentro dessas áreas únicas.

Então, de um ponto de vista mais amplo, o tempo, da forma que vocês conhecem, não existe. Tempo e espaço estão intricadamente conectados; são aspectos do mesmo mecanismo. O espaço, de uma certa forma, é uma luz congelada mantida num formato matricial dentro da dualidade, que permite a separação e desdobramento da ilusão das medidas do tempo seqüencial ou interceptado.

Para explicar isto através da analogia com seus computadores atuais, Tempo e Espaço são subprogramas de luz dimensional-digital. Então, Espaço-Tempo é um servidor holográfico que pode guardar simultaneamente vários arquivos e sub-arquivos diferentes dentro da sua capacidade de armazenamento. Assim como existem pontos nos estágios do acesso ao computador que lhes permitem ver todos os programas e arquivos e navegar de um para o outro, assim também existem vetores de localização no programa da Terra que ancoram portais dimensionais holográficos que permitem o acesso a outros arquivos de medidas/matrizes de realidade e formatos de tempo.

Então, enquanto vivem esta vida “atual” no tempo percebido de hoje, vocês também vivem todas as suas existências de uma só vez. Os “programas” de tempo são holográficos e estes programas são multiplicados e codificados em certas áreas, especialmente nas regiões polares. Portais ou acessos a programas múltiplos ocorrem nesses locais.

A área atualmente chamada Grimes Point, perto do Lago Tahoe, em Nevada, EUA, é um desses lugares. Nessa área existem várias sobreposições de dinâmica de energia. É realmente um portal, mas diremos que é um portal aberto, que não só é um “wormhole”(1) no espaço para outros pontos do Cosmos, mas é também (e especialmente) um portal único para outros aspectos dimensionais do que se pode chamar programa da Omni Terra holográfica. Pode ser considerado um vetor de portal de tempo. É um dos muitos pontos de encontro de coordenadas do seu planeta que contêm a escrita do código do tempo. Esses pontos são âncoras que juntam cada realidade com os mundos físicos, a Omn Terra. E então, dentro desse vetor sobreposto concêntrico, outros programas de tempo, outros reinos dimensionais podem ser acessados freqüencialmente com mais facilidade. Os antigos adeptos sabiam disto, e com certeza isto foi experienciado, em vários níveis, por muitos dos que vocês chamam de indígenas.

Vetores de Portais de Tempo não são os únicos meios de acessar outras realidades. Na verdade, isto pode ser feito de uma infinidade de modos, incluindo as energias cristalinas da ressonância phi, em estados meditativos profundos. Mas a diferença dos pontos de coordenadas que são Vetores de Portais de Tempo, é que o próprio programa do Tempo da Omni Terra está ancorado (usando uma explicação simplificada) a certos pontos alinhados que ocorrem no seu planeta, dentro de certas matrizes freqüenciais. Estes são únicos em relação a seus propósitos, e diferem de áreas como Titicaca, Arkansas, Grand Tetons, Shasta e Rosylin, que são Portais Estelares Celestiais primordiais. Nos primeiros, acessam-se outros reinos, outras épocas, outros programas de tempo terrestre, enquanto nos últimos, viaja-se para outras dimensões do Espaço. Entendem a diferença?

PERGUNTA PARA METATRON: Você está dizendo que Grimes Point e outros Vetores Portais de Tempo como esse permitem ou aumentam a capacidade de viajar no tempo?

METATRON: Sim. Mas vamos ser claros; é melhor dizer que todos os programas holográficos de tempo coexistem mais claramente e de forma mais tangível nesses pontos. Isto não quer dizer que, quando alguém entra em Grimes Point, desaparece do presente e se materializa num programa futuro ou passado. O que significa é que as janelas para outras estruturas de seqüência de tempo são mais acessíveis nesse local. Mas realmente lhes diremos que podem ocorrer materializações aí intencionalmente, e ocasionalmente por acaso. As civilizações mais tecnológicas, tanto do futuro quanto do passado (nos seus termos), que entendem a verdadeira ciência da viagem no tempo, escolheram esses vetores de portal de tempo para entrar em outras épocas para vários propósitos. Realmente isto pode acontecer, assim como já aconteceu e acontece.

VIAGEM NO TEMPO

Já houve viagens no tempo, tanto para o seu futuro quanto para o seu passado. Embora haja ocorrências de pessoas que passaram temporariamente para hologramas de tempo diferentes, existem pouquíssimos casos em que a transição foi permanente. O seu Almirante Byrd de fato observou temporariamente uma passagem muito real para um tempo diferente, durante seu vôo polar. A maioria dos desaparecimentos, muito divulgados, de vôos sobre o Triângulo das Bermudas não foi uma transferência permanente. Realmente houve uma interrupção do tempo, mas os aviões não desapareceram completamente numa outra época. O desaparecimento foi causado pelo mau funcionamento de instrumentos, relacionado com isso, que criaram um erro de direcionamento e o emudecimento do rádio, e assim os desaparecimentos foram simplesmente quedas no mar. Alguns dos seus governos, trabalhando confidencialmente com corporações secretas, já desenvolveram mecanismos rústicos de viagem no tempo. Estes ainda não estão em um nível realmente controlável, e provocam um estresse considerável no “temponauta” humano, chegando a envelhecer o seu corpo cerca de 7 a 8 anos em cada viagem. Atualmente, eles só são capazes de viajar aproximadamente 20 anos para frente e são incapazes de navegar para o passado. Com o tempo, quando a aparelhagem utilizada mudar de forças magnéticas para campo cristalino bioplásmico, isso se aprimorará consideravelmente, e a navegação no tempo será intencional e não acidental. A melhor navegação no tempo ocorre Merkivicamente(2) através de um campo Bio-Plásmico de consciência refinada e, embora em termos de vetor de tempo, ela seja certamente auxiliada pela aparelhagem cristalina, ela é posta em funcionamento fundamentalmente pela consciência-luz do viajante. Muitos de vocês viajam através do tempo no estado de sonho, com muita freqüência, e nisto está a chave de como isto pode ser feito mais eficientemente em estados expandidos de consciência.

De fato existem Leis da Física que se aplicam ao modo de se navegar interdimensionalmente no tempo e espaço. E com o tempo, as fronteiras aparentes entre passado, presente e futuro serão mais bem compreendidas como ilusões filtradas, causadas pelas limitações da capacidade dos seres humanos perceberem fisicamente a dimensionalidade na dualidade. Realmente essas simples lentes filtradoras é que criam a ilusão linear do desdobramento seqüencial do tempo. Então, esta é exatamente a razão porque a humanidade acredita que um momento existe e depois se vai para sempre, e o momento seguinte chega e, assim como o anterior, se evapora na grande neblina ilusória do passado. Mas lhes dizemos que tudo na Omni Terra e no Multiverso existe ao mesmo tempo, simultaneamente. O passado, o presente e o futuro só aparecem para aqueles que existem na realidade tridimensional. E os programas que separam os arquivos de tempo-época da Omi Terra podem ser navegados.

O PASSADO NÃO É FIXO

O passado e o futuro, “como vocês acreditam que sejam”, existem como uma série de receptores eletromagnéticos na parte cristalina do cérebro físico e na mente não-física dentro do campo ultravioleta. Esses códigos eletromagnéticos podem ser mudados e de fato encontram-se em um fluxo constante. Vocês escrevem seu destino, e seu destino não é uma dinâmica de mão única. Sua criação do seu passado é tão importante quanto a criação do seu presente e futuro. Então o passado é bem maleável e não é mais fixo do que o seu futuro. O seu processo mental e suas crenças criam seu passado, e existem tantas versões válidas do passado quanto existem do futuro. Nós lhes dizemos que, se fosse ensinado a toda a próxima geração que o Império Romano governou o mundo até o século XVII, esse passado tornar-se-ia uma realidade e seriam encontradas evidências para confirmá-lo. Entretanto, seria um passado totalmente diferente daquele que foi construído pelas gerações mais velhas. Mas AMBOS seriam verdadeiros. Ambos seriam arquivos separados mas válidos, dentro dos programas holográficos do tempo.

Como seres humanos na dualidade, vocês aceitam sem questionar que a ação presente pode mudar o futuro, mas as ações presentes também podem mudar o passado, e realmente mudam. O passado não é mais desligado e não envolvido com o seu presente do que as decisões que você toma hoje. Compartilhamos esta grande verdade com vocês, para que reflitam sobre ela: tudo o que vocês fazem afeta o seu passado, e conseqüentemente, vocês podem remover aquilo que chamam de traumas e más ações que ocorreram há muitos anos atrás ou em outras encarnações, a partir da sua posição atual. Além do mais, todos vocês são chamados a fazer isso! Os portais cristalográficos eletromagnéticos no interior do cérebro humano são criados e ocultados totalmente e completamente por cada um de vocês, e apenas por vocês. O passado provável pode ser mudado, e essas mudanças não são nada incomuns. Estas mudanças acontecem espontaneamente numa base subconsciente. Agora vocês podem aprender a fazer isto conscientemente.

O aspecto linear do passado raramente é aquilo que vocês se lembram que foi. Na verdade, vocês reorganizam constantemente a sua memória do passado com a experiência de cada novo momento, de cada novo acontecimento. É uma metamorfose constante a partir do instante de qualquer evento experienciado. Seus terapeutas que usam hipnose estão conscientes de que pseudo-lembranças de acontecimentos passados fictícios ou alterados podem ser implantados nas mentes dos seres humanos, através da indução de um estado profundo. E, num sentido muito verdadeiro, essas lembranças e o modo que elas afetam as questões do presente tornam-se bem reais. Isto nos leva a considerar que o futuro, o presente e o passado são sempre recriados pelo indivíduo, já que as crenças, atitudes e associações evoluem e mudam. E observem que o que ocorre é uma recriação verdadeira em tempo-real, e não uma recriação metafórica. As mudanças que vocês fazem são muito reais. A criancinha interior continua dentro do ser humano adulto, à medida que vocês envelhecem. Mas essa criança interior é sempre dinâmica, e não moldada numa versão permanente que permanece como era. A criança no interior do ser humano muda constantemente, a cada dia, assim como o adolescente, o adulto jovem e o idoso que vocês virão a ser no futuro.

RE-ESCREVENDO O PASSADO

Conseqüentemente, a incumbência de vocês agora, ao entrarem nas energias da Ascensão, é agarrar o poder do AGORA, e entender que podem e devem mudar o passado – seu passado individual – a partir do ponto de vista do Agora. Dentro do AGORA, vocês podem se converter MerKabicamente(3) para a MerKiVa e, desta forma, adquirir o controle de tudo o que existe na nossa multidimensionalidade. Esta é uma Verdade Universal sagrada, e esta Verdade se expande, quando vocês penetram nela. Ela se expande em poder que lhes oferece o sustentáculo da co-criação no momento singular do AGORA, acima do tempo linear e das estadias holográficas temporárias no tempo da Omni Terra.

Nós lhes dizemos que as questões pessoais e bloqueios podem surgir, e realmente surgem, quando o desenvolvimento apropriado do passado é frustrado e impedido de acontecer espontaneamente. Em alguns casos ocorrem sérias neuroses, exatamente porque o indivíduo não mudou o seu passado. Como exemplo, o canal tem alguns amigos íntimos que ás vezes sentem grande pânico de claustrofobia e paranóia quando em meio a multidões. Ele está consciente de que isto ocorre porque essas pessoas sofreram um esgotamento traumático numa vida passada, quando participaram da fuga caótica de Atenas, carregando seus filhos, algumas horas antes dos turcos destruírem a cidade, literalmente deixando tudo para trás e correndo aterrorizados por suas vidas, com as crianças nos braços. Agora lhes dizemos que muitas dessas almas que passaram por essa experiência em Atenas foram levadas à re-encenação, porque o trauma que haviam sentido quando tentaram desesperadamente escapar do tremor de terra em Atlântida, atravessando o estreito que a ligava ao Yucatan, criou tal carga elétrica no ser multidimensional delas, que se tornou uma energia recorrente. Tal é o poder de emoções extremas e medo. A Lei da Atração funciona em todas as suas estadias na Terra. Qualquer evento pode “vasar” para um outro e atrair experiências semelhantes, devido à sua intensidade. Este é um exemplo perfeito de trauma de vida passada que ocorre e afeta osmoticamente o presente no AGORA simultâneo. Se esse passado provável for encarado e deliberadamente mudado, ele pode eliminar – e realmente eliminará – o pânico e a neurose resultantes desse distúrbio. Isto se consegue mudando-se o passado. Quando vocês re-escrevem seu passado e mudam a experiência do passado, o medo que havia por trás dele é eliminado. É como se o trauma nunca tivesse acontecido, e isto é exatamente o que ocorre. Este é apenas um exemplo. Então, independe dos detalhes específicos, todos vocês têm traumas no seu passado que podem e serão alterados para que adquiram a perfeição necessária para a co-criação iluminada. Não se apavorem, isto é perfeitamente passível de ser realizado e, num nível subconsciente, vocês já o fizeram muitas vezes no estado de sono. Nós lhes asseguramos que isso pode ser feito conscientemente na Merkivah, no AGORA.

E exatamente porque o passado, o presente e o futuro existem simultaneamente, não há razão nenhuma para vocês não conseguirem reagir a um evento e alterá-lo, independentemente de ele se incluir ou não no espaço limitado da realidade da qual vocês participam normalmente. Vocês têm a capacidade de remover traumas do passado a qualquer momento, e a partir de uma visão mais ampla, que é a parte que completa a lição relativa à razão de vocês terem escolhido passar por essa experiência no “passado”.

PORTAIS DIMENSIONAIS DE TEMPO

Os lemurianos que escaparam das ilhas de Mu, indo para os reinos internos da Terra, não fizeram isso simplesmente através do estudo das cavernas. Eles não descobriram uma caverna de repente e começaram a se aventurar cada vez mais profundamente no seu interior até que acabaram descobrindo um vasto mundo interno. O que aconteceu foi que eles entraram num programa diferente da Omni Terra, precisamente por se juntarem nas coordenadas de um Portal Dimensional de Tempo e elevarem suas próprias freqüências através da intenção e da automaestria, a fim de mudarem para um outro holograma. Este processo também foi seguido pelos atlantes da Era Dourada, através de sistema e técnica muito mais científicos e para um propósito diferente. Os lemurianos contavam principalmente com vetores naturais de portais de tempo, enquanto os atlantes possuíam aparelhos sofisticados e cristais, que criavam portais de tempo. Entretanto ambos requeriam a Maestria do Eu para elevar o nível vibratório a freqüências diferentes.

Muitos seres humanos experienciaram os aspectos do portal dimensional de Shasta e de Grand Tetons, e leram sobre as proezas de Guy Ballard (fundador do movimento I AM) com o amado Saint Germain e os Mestres Ascensos nas Cidades de Luz Etéricas que existem acima e no interior das montanhas. Na verdade, essas cidades de luz não estão nem acima e nem embaixo, em um sentido direcional, mas são programas separados que ocorrem no mesmo espaço ilimitado, e são acessadas por Portais Dimensionais ancorados à matriz de energia específica desses locais. Essas áreas – essas cidades de luz etéricas – são pontos de codificação chave no seu planeta. Todos vocês, em algum momento, passarão algum tempo dentro deles. Considerem-nos como escolas, como faculdades. O acesso a eles envolve o mesmo mecanismo que os portais de tempo. É bom visitar essas áreas e exercitar conscientemente o que vocês já sabem como fazer nos estados inconscientes de sono. Na verdade, vocês visitam essas áreas com bastante freqüência nos estados de sono.

ENCERRANDO:

A capacidade de deixar de estar fixo no tempo – a capacidade de se libertar do tempo – e realmente navegar por ele tem uma utilidade clara que serve à cura integral do Eu total dentro da multidimensionalidade. Algumas áreas do seu planeta facilitam o acesso aos hologramas de tempo e aos aspectos multidimensionais. Grimes Point, Grand Tetons, Arkansas e Monte Shasta estão entre as mais potentes delas. Isto se deve às energias freqüenciais que são liberadas nesses portais. Entretanto, isto pode ser conseguido Merkivicamente em qualquer ponto. Nenhum acontecimento está “escrito na pedra” nem predestinado. Qualquer evento pode ser modificado, não apenas antes e durante, mas também depois da sua ocorrência. Escrever seu futuro e mudar o passado continua sendo um dos desafios finais para muitos de vocês, e nenhum momento é mais poderoso do que o AGORA.

Eu sou Metatron e compartilho estas Verdades com vocês.

E assim é.

 
-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-

Tradução de Vera Corrêa veracorrea46@ig.com.br

 

Os direitos autorais desta canalização pertencem a www.Earth-Keeper.com. A publicação em websites é permitida, desde que as informações não sejam alteradas e os créditos do autor e seu site sejam incluídos. Este material não pode ser publicado em jornais, revistas e nem re-impresso sem a permissão do autor. Para pedir permissão, escreva para EarthKeeper@consolidated.net  

 

 Fonte: http://spiritlibrary.com/earth-keeper/earth-keeper-chronicles/time-gates-and-spirit-cave

(1) NT:- Um wormhole é um atalho hipotético que liga duas regiões de um espaço-tempo (ou hiperespaço). Os wormholes (tradução à letra: buracos de verme) oferecem um mecanismo para viagens interestelares rápidas. Fonte: http://www.oal.ul.pt/oobservatorio/vol6/n8/vol6n10_4.html

(2) N.T.:- Para saber mais sobre MerKaBah, MerKiVah e estados MerKáBico e MerKáVico, ver canalização de Metatron “MERKABAH PARA MERKIVAH” em: http://www.luzdegaia.com.br/metatron/tyberonn/merkivah.htm

 

 

Gostou! Indique para Seus Amigos

|Topo da Página|    |Voltar Menu Metatron|   |Voltar Home|