Luz de Gaia - Ajudando Você a encontrar a SUA verdade.

Siga o seu coração que não haverá erro - O Criador/Fonte está em Você.

Assuma o SEU poder.

IDENTIFICANDO E MUDANDO AS CRENÇAS NEGATIVAS

PARA DESTRAVAR A VIDA

Liam de Melo

30 de Janeiro de 2018

luz de gaia

 

Na prática. Identificando e mudando as crenças negativas para destravar a vida!

Você já deve ter visto pessoas recebendo bênçãos em várias igrejas e templos, e até mesmo sem se vincular à religião. Isto mostra que a cura/benção/milagre não está fora, mas dentro. Em outras palavras: A Luz* está em todos os lugares, o interruptor só pode ser acionado dentro de nós. Algumas pessoas conseguem “ativar” esta benção ao tocar numa imagem, outras, sob o óleo da unção, e outras não precisam de estímulo extra para tal.

Estou falando isto para que você fique muito tranquilo em relação à sua fé e religião. Se lhe faz bem, não prejudica o próximo e o ajuda a “conectar” com algo maior (Deus, Universo, o-que-for), você está no lugar certo para você.

*Se fizer sentido e lhe servir, ótimo, se não, ignore: Todas as coisas vêm da mesma fonte: Deus, Luz, Universo, Tao, Big Bang. Portanto, não complique demais! Assim como não existe eletricidade para celular, eletricidade para TV, eletricidade para chapinha, etc., não existe “luz de cura”, “luz de amor”, “luz de prosperidade”… Eletricidade é eletricidade, para qual propósito você vai usá-la é questão de escolha e necessidade. Luz é luz (Deus é Deus), para qual propósito você vai usar/focar esta Força é sua escolha e necessidade.


#1 Meditação

Meditar não é necessariamente fechar os olhos e não-pensar-em-nada, é parar um pouco e se concentrar em algo.

A Luz, isto é, o potencial de cura/benção/milagre está em todos os lugares! É porque A Luz está em todo lugar que as pessoas conseguem bênçãos em todas as religiões.

Apesar de o sol ser extremamente quente, ele não incendeia tudo o que toca. Mas quando você pega uma lupa e foca/concentra toda aquela luz em um ponto só, pega fogo (literalmente). É o mesmo sol, a única diferença é que antes a luz estava dispersa e agora está focada num só lugar. Este é o poder do foco.

Imagina você recebendo toda a energia do Universo e focando em um só lugar.

Quando você recebe luz e distribui para todos os seus planos, sem foco, eles demoram a concretizar.

Quando você recebe luz e foca num só objetivo. Faça o teste!


#2 Metas e prioridades

Tenha uma lista de metas, para o dia, a semana, o mês, o ano, a década e a vida. Tenha escrito. Meditação é crucial para isto: parar tudo e focar, escrever, estar lá com corpo, mente e alma.

O que você mais quer da vida? Quando você morrer, quer ser lembrado pelo o quê?

Por que? O que isto significa para você? Por que isto o emociona? (se não o emocionar, não é seu caminho)

Como você vai fazer isto? Quais são os meios? Quem e ou o que você precisa saber, ter e conhecer?

Qual é a prioridade número um? Quando descobrir, “esqueça” as outras coisas e FOQUE 100% nela.

O que você precisa fazer? O que você pode fazer hoje, já, agora? Faça!

Cuidado para não confundir o “meio” (como) com o “fim” (objetivo final):

“Eu quero ser médica”. Por que? Porque o rapaz que eu gosto é fã de House. E se eu fizer medicina, ele vai me achar mais interessante. Ou seja, este querer é, na verdade, sobre relacionamento, não carreira.

Você -> o meio -> o fim

Você -> medicina -> relacionamento (versus)
Você -> medicina -> ajudar pessoas

Muito cuidado para não confundir o “meio” com “crença”:

“Eu quero ser médica”. Por que? Porque eu gosto de ajudar pessoas. Ótimo. Faça!

“Não dá”. Por que? Porque é caro, difícil e ninguém da minha família/bairro/cidade conseguiu, então não tenho chances.


#3 Identificando as regras erradas e eliminando-as

(Este é o último e mais importante passo. Provavelmente é a coisa mais importante de tudo que eu já falei para você em todos os outros textos. É o melhor presente que vou lhe dar. Mas sem os outros passos, é como uma Ferrari sem gasolina.)

Por que você ainda não concretizou seu desejo?

A resposta está DENTRO de você.

Lembre-se: pare de culpar os outros e procurar motivos externos para justificar sua vida, é entre você e você. Quais atitudes você precisa tomar e por que não tomou? Qual crença está impedindo-o e por que você pensa assim?

Repita a pergunta até chegar à crença-raiz.

Exemplo:
Por que? Porque não tenho tempo.
Por que? Porque trabalho longe.
Por que? Porque não consigo emprego perto.
Por que? Porque eu não acho que tenho esta sorte. (Neste exemplo, é esta crença que você vai mudar)
Por que? Porque sempre que procurei, só encontrei longe. (Esta foi a experiência que gerou a crença)

As crenças são as regras do jogo!

Você determina que vai conseguir o que quer se/quando atingir X. Só vou conseguir um namorado se/quando emagrecer. Serei curado se/quando eu jejuar por x dias.

Você registrou que A significa B. Enquanto eu não estiver nos padrões de beleza significa que as pessoas não vão gostar de mim de verdade. Não ser 100% justo significa não receber bênçãos de Deus.

Se você acredita que é difícil, vai ser difícil. Se você acredita que vai ser fácil, vai ser fácil.

É a regra! E é você quem dá!

É sério, isto é muito importante e muito poderoso. Dedique-se mesmo a isto. Escreva.


3.1 Quais momentos da sua vida que o marcaram?

Por mais ruim que seja sua memória, sempre há aquelas lembranças das quais você nunca se esquece. Grandes chances de suas crenças estarem enraizadas nesses momentos.

Uma chinelada/castigo, uma ofensa/insulto, uma vergonha/constrangimento, uma rejeição, uma briga, uma decepção, uma vez que a lei da atração “não funcionou” – especialmente para este item, experimente ler “11 coisas que podem estar atrapalhando a sua Lei da Atração” –, uma oração não atendida..

Quais são estas lembranças? Em:

Questões pessoais e fé;
Corpo e saúde;
Estudos;
Carreira e finanças;
Amor e relacionamentos.

E também: quais características e atitudes dos outros que o incomodam/afetam tanto? Pode ser que estas coisas sejam coisas mal resolvidas em si também. Gente rica o incomoda? E gente que faz sucesso? Casal meloso o irrita? Gente bem resolvida?


3.2 Como você se sentiu? Como você entendeu o ocorrido? O que significou para você?

Se você levou um tapa porque tirou nota baixa na prova, você se sentiu burro e incompetente. Significa que/você associa algo novo com dificuldade, dificuldade com erro, e erro com dor. Para evitar dor você evita novidade.

Se alguém o rejeitou por causa da sua aparência física, você sentiu vergonha/constrangimento e insatisfação consigo.

Significa que ser bonito é estar nos padrões, e estar nos padrões é fundamental para ter relacionamentos.

Assim por diante.


3.3 “As definições de vírus foram atualizadas”

Risque (se necessário, ponha fogo) estas crenças mal interpretadas e desatualizadas. Escreva as novas crenças/regras e leia-as em voz alta, todos os dias, com convicção (Você não está pedindo ou perguntando, está decretando! Se tiver vergonha, ponha um pano na frente da boca para abafar, mas é importante que fale em voz alta e escute a própria voz). Treine até soar convincente.

“Eu sou corajoso e me dou bem com novidades. Eu aprendo com os erros. Eu arrisco e isto é fantástico!”

“Eu sou lindo. Eu sou maravilhoso. Eu sou incrível. Eu sou aceito. Eu me aceito.”

Uma pesquisa do psicólogo, Dr. Matthew Lieberman, diretor do Laboratório de Neurociência Cognitiva Social da Universidade da Califórnia, mostrou como as crenças ajudam o cérebro a ver as coisas como “boas” ou “ruins” – que para nós pode ser traduzida como “quero” ou “não quero”, “permito” ou “não permito”. Para ele, as memórias e as crenças são bem similares, quanto mais você as (re)vê, mais fortes elas são.

Ou seja, uma vez que, para esquecer as memórias você precisa parar de alimentá-las, e o mesmo serve para as crenças, para criar e fortalecer novas crenças/regras você precisa alimentá-las! Quer mudar as crenças? Alimente as memórias/crenças que você quer ver forte.

 

         -.....---==II==----.....-