Luz de Gaia - Ajudando Você a encontrar a SUA verdade.

Siga o seu coração que não haverá erro - O Criador/Fonte está em Você.

Assuma o SEU poder.

Lei da Atração:

KARMA - O UNIVERSO REAGINDO A VOCÊ!

Raquel Gonçalves

06 de Janeiro de 2018

luz de gaia 

 

Caro leitor, fique à vontade. Pegue um café ou uma água, porque quando o assunto é karma e até o mais cético mortal tem suas dúvidas e certezas.

Vamos começar do começo. Assim, caso você não esteja totalmente inserido no assunto, logo compreenderá melhor o peso desta pequena palavra sobre a vida de cada um de nós.

A palavra Karma vem do sânscrito, uma antiga língua indiana, e ao pé da letra, significa “ação”.

No mundo atual, várias doutrinas como o hinduísmo e o budismo utilizam-se do termo para explicar aos adeptos que sua presença no mundo é importante ao ponto de o universo sempre oferecer respostas.

Sintetizando, de maneira genérica, os ensinos dessas muitas filosofias e religiões, o karma (também escrito como ‘carma’) diz que para toda ação há uma reação. Assim, como exemplo banal, podemos utilizar um barco de papel sobre um lago. Soprando-o, faremos com que deslize sobre a água. Logo, a ação foi o sopro, e a reação, o distanciamento do barco.

É importante ressaltar que, em outras doutrinas e culturas, o termo ‘karma’ pode ser associado também à posição de uma pessoa ante o universo, e seu dever durante a passagem por esta vida.

Para a conversa de hoje, evidenciaremos a vertente que trata o karma como o universo reagindo a você, e não o contrário.

Nossas ações interferem de maneira efetiva em nosso derredor. Mesmo que não percebamos ou nos demos conta, tudo o que for ofertado será devolvido, portanto, lançando ao universo palavras duras, pragas, xingamentos e ofensas, a nós será devolvida uma sucessão de dores e problemas, que se não observadas corretamente, levar-nos-ão a atirar ainda mais pedras sobre a situação causada por nós mesmos.

E este ciclo continua a repetir-se, até termos maturidade e bom senso suficientes para compreender que não estamos sendo punidos, apenas necessitamos de uma lição.

A Bíblia (livro sagrado dos cristãos) curiosamente traz no capítulo 22 do livro de Provérbios a afirmação: “Quem semeia a injustiça colhe a maldade; o castigo da sua arrogância será completo”.

Apesar de a doutrina cristã não utilizar-se do termo ‘karma’ em seus ensinos, percebemos aqui a semelhança entre um ensino e outro. Sendo o semeador de injustiça o colhedor de maldade, compreendemos que quando agimos de maneira enganosa com nossos semelhantes, automaticamente teremos de arcar com as consequências ruins oriundas do mal causado.

Aqui entramos em uma interessante questão; possivelmente você já ouviu a frase ‘está colhendo o que plantou’, a respeito de uma situação complicada enfrentada por outra pessoa. Como, por exemplo, um vizinho ao qual a vida não anda para frente, apenas patina para trás, e que, infelizmente, tem o costume de maltratar animais. Esta triste sucessão de acontecimentos (maltratar animais – não conseguir prosperar) é fruto da ação do karma, ou seja, o universo está trabalhando para que esta certa pessoa perceba suas más ações e as abandone.

Por vezes, a ação do karma ocorre na mesma intensidade e frequência da ação primária. Como quando vemos um colega de trabalho ocupado demais em fazer com que a demissão de alguém ocorra, e logo após alcançar seu desejo, é também demitido. Ou quando numa amizade entre várias pessoas, uma decide “fazer a cova” da outra, ou seja, ficar com o amigo apenas para ela, e, por fim, de maneira brusca, acaba ela ficando sem os dois amigos.

Mas a infalível lei do retorno funciona também para os gestos de bondade e generosidade. Perceba como uma pessoa amável e sincera atrai para perto de si boas propostas, abraços e pessoas importantes.

Quando colaboramos com o andamento da sociedade, sem interferir de maneira negativa nas vidas ao nosso redor, o universo se encarrega de nos levar exatamente onde devemos estar, para que tudo dê certo sempre.

Lembra-se de nosso exemplo sobre o colega de trabalho demitido devido à tramoia de outro? Pois bem, certamente, ele logo estará trabalhando em outro lugar, e, não repetindo o mal outrora feito ele, prosperará. Porém, ao que tramou contra até ocasionar a demissão, ficará o peso de não ter onde trabalhar.

É importante ressaltar que quando falamos de karma, não necessariamente a resposta virá 5 minutos depois. Algumas coisas poderão levar meses, anos e até mesmo vidas, mas em hipótese alguma aquele determinado dia será esquecido pelo universo, e muito menos pelo dono dele.

Portanto, amigo leitor, pensemos com carinho antes de arrancar lágrimas dos olhos de nossos companheiros, amigos, familiares e qualquer outra pessoa ou animal que cruzar nosso caminho. A probabilidade de você se afogar em um maremoto de choro após causar uma chuva de lágrimas é realmente grande.

Da mesma forma, tenha sempre a certeza de que seus gestos de amor brevemente lhe serão devolvidos, e você se alegrará sabendo que semeando paz, colherá abundância de dias.

 

         -.....---==II==----.....-