Luz de Gaia - Ajudando Você a encontrar a SUA verdade.

Siga o seu coração que não haverá erro - O Criador/Fonte está em Você.

Assuma o SEU poder.

Lei da Atração:

PRÁTICAS PARA CUIDAR DA NOSSA ENERGIA PESSOAL

Juliana Xavier

06 de setembro de 2018

luz de gaia

No texto anterior, abordei sobre como a nossa energia é nosso maior tesouro e o quanto é importante termos a consciência de que é preciso cuidar da nossa energia. Estamos a todo momento em contato com pessoas e ambientes, situações em que nossos campos vibracionais se cruzam e, muitas vezes, absorvemos uma energia que não é nossa.

Podemos pagar um alto preço por não cuidar da nossa energia e não sabermos nos proteger, pois quando estamos à mercê das vibrações ao nosso redor, podemos passar a ter pensamentos e emoções que não são nossos.

Isso mesmo: quando somos muito sensíveis e passamos a absorver a energia das pessoas e dos ambientes com facilidade, podemos, pouco a pouco, apresentar um comportamento que não condiz conosco.

Dependendo da intensidade e do tempo em que estamos absorvendo energias alheias, podemos inclusive originar transtornos e doenças mais facilmente, como apresentar síndromes, medos, fobias, até mesmo depressão, por, no fundo, não sabermos lidar com essas energias e nem tomar a consciência de que “isso não é meu”.

Por isso é tão importante que possamos investir em nós mesmos, para nos cuidarmos e, acima de tudo, nos protegermos vibracionalmente, para que sejamos mais fortes e mantenhamos, na medida do possível, o nosso próprio equilíbrio.

Claro que é preciso relativizar e não sair acreditando que qualquer problema é culpa da energia de alguém ou de um ambiente. Muitos pensamentos e emoções são nossos mesmos, mas quando estamos nos cuidando, é mais fácil saber diferenciar o que é nosso do que não é.

Mas isso só é possível quando adotamos algumas práticas em nossa vida para cuidar mais da nossa energia, as quais cito abaixo:

1. Autoconhecimento
Esse é o primeiro passo para começar a se proteger mais. Como eu disse anteriormente, muitas vezes temos sensações e comportamentos que não são nossos. Mas também não estão ali por acaso, não fomos “vítimas” de tal energia. Somente atraímos aquilo que está em ressonância com o nosso próprio campo vibracional. Por isso é tão importante se conhecer. Ter o “Orai e Vigiai” constante, assim temos mais consciência do nosso próprio mundo interior, sabendo quando é momento de mudar a nossa vibração, identificando o que é nosso ou não. Somente assim conseguiremos ter mais equilíbrio e não ser tão suscetíveis a tudo que está ao nosso redor. A nossa maior proteção vem de sermos fortes interiormente, e podemos alimentar essa força com nosso autoconhecimento.

2. Conexão espiritual
A realidade energética é basicamente invisível e sutil: não a vemos, mas a sentimos. E muitos problemas de desequilíbrio energético surgem na alma, a nível de espírito. Por isso, é muito importante cultivarmos práticas espirituais em nossa vida. Não necessariamente relacionadas com religião, mas que seja um momento de nos conectarmos com algo maior. Quando buscamos uma atividade espiritual, naturalmente passamos a trilhar o item 1 acima e vice-versa, pois espiritualidade tem tudo a ver com se conhecer mais. Meditar, participar de grupos, Yoga, Terapias Alternativas, estar em contato com a Natureza, oração… enfim, alternativas há para todos os gostos e para todos os bolsos. É essencial para a nossa proteção vibracional termos contato e nos sentirmos amparados por algo maior.

3. Ritual de limpeza
É muito saudável alimentarmos alguns rituais de limpeza como, por exemplo, o banho de sal grosso, amplamente conhecido. A questão que muitos não sabem é que o sal grosso desmagnetiza totalmente, não só limpando as energias negativas, mas também as positivas. Por isso, sempre após um banho de sal grosso, faça um banho de ervas, de mel ou até de flores. Algo do seu gosto. O banho de ervas pode ser feito uma vez por semana e o de sal, no máximo, uma vez por mês. Durante o banho diário, também, podemos mentalizar que toda a impureza seja retirada de nosso campo energético, que a água leve embora toda negatividade, limpando e purificando todos os nossos corpos. Aproveitar esse momento para respirar profundamente, potencializa essa ação, uma vez que a respiração profunda transmuta as energias de nosso campo sutil.

O mais importante é querer começar, ir atrás, sair do piloto automático e conscientizar-se de uma vez por todas que é necessário cuidar da nossa energia. Hoje o que não faltam são oportunidades para aprendermos mais e mudar alguns de nossos hábitos, vivendo melhor.

Cuide-se! A sua energia e, consequente, a sua alma agradecem!

 

         -.....---==II==----.....-