TUDO ESTÁ CONECTADO
Mensagem de Maria canalizada por Pamela Kribbe
30 de julho de 2017
 
luz de gaia
  Queridos amigos, eu sou Maria, mãe de Jeshua, e saúdo-os em amor e afinidade. Somos todos da mesma família, conectados através do coração e, na verdade, nunca realmente separados uns dos outros. É só na realidade material que nós parecemos separados, mas, na verdade, tudo está conectado. As almas não podem se separar, apenas os corpos podem. Os corpos são ligados ao tempo e ao espaço, mas as almas não o são. As almas estão constantemente vinculadas umas com as outras, e num processo de troca energética, embora isto nem sempre seja perceptível para a sua consciência cotidiana.

Por que estou dizendo isto agora? Porque desejo que cada um de vocês se conscientize da rede de energias na qual se encontra no seu dia-a-dia. Você é o centro de uma rede, de um campo de energias que é constituído principalmente de energias de almas: as almas daquelas pessoas que o cercam, as quais você ama. Mas há também um círculo mais amplo de almas, com as quais você está conectado, e que não estão aqui na Terra, mas ainda pertencem a você de alguma forma. E existem também almas que estão esperando por você, que você ainda não conhece, mas que desejam ser tocadas pela sua luz e consciência.

Você foi chamado para trazer consciência à Terra nestes tempos de mudança. E, além disto, para enfrentar sua própria dor interna e tornar-se consciente da sua própria força. Também faz parte do seu caminho compartilhar seus insights e a consciência do seu coração com aqueles que o cercam. Inclusive, isto lhe traz cura interna, pois uma tarefa não é separada da outra.

Peço-lhe agora que se mantenha muito tranquilo internamente e respire calmamente pelo seu abdome. Simplesmente relaxe e permita que as energias do estresse e agitação sejam lavadas pela luz que eu irradio em sua direção. Sinta essa luz ao seu redor como uma ducha e deixe que ela leve embora o estresse, a ansiedade e a agitação, de modo que você fique tranquilo por dentro e comece a sentir que se encontra nessa rede, nesse campo de energias, ao qual você está conectado.

Deixe sua consciência descer até a área do seu abdome, na sua pelve, e sinta como ali existe um centro de percepção que está muito bem aterrado e calmo, e que não pensa tanto, mas vivencia e sabe. Desça até lá e olhe ao redor, a partir do centro do seu corpo, com um novo olhar, observando se sente pressão em algum ponto do seu corpo, algum tipo de pressão vinda do mundo exterior. Quando digo “seu corpo”, refiro-me especialmente ao campo de energia que você é, à sua aura. Sinta se existe algum ponto do seu ser onde há inquietação ou discórdia, mas permaneça no seu abdome. Não pense no que está acontecendo no seu ser, apenas observe-o e simplesmente imagine aquela ducha de luz derramando-se sobre você e lavando a pressão e o estresse que estão aí.

Então, volte ao centro do seu abdome e imagine que você está numa rede de energias, que você é um dos elos de ligação dessa rede. Olhe à sua volta e veja o rosto das pessoas com as quais você está intimamente ligado. Apenas olhe de forma bem neutra para quem aparecer aí. Tome uma pessoa que se destaque para você no momento e, puramente a partir do seu abdome, observe a troca energética entre vocês dois. Perceba se existe um equilíbrio entre dar e receber; se isto parece correto para vocês dois, ou se está faltando alguma coisa.

No nível do abdome, existe uma troca fundamental com o outro, embora haja uma corrente subjacente que não é totalmente expressa em palavras. Conscientize-se desse fluxo, que é essencial em todos os seus relacionamentos. Você se sente à vontade ali? Você se sente visto? Caso não se sinta à vontade, caso haja uma leve sensação de descontentamento, ou se você não tiver certeza, então observe esse descontentamento com muito cuidado, porque esse é o nível que contém a informação essencial que você precisa.

A intenção é que você leve sua alma até o nível do abdome – ao nível terreno – de modo que ela possa se manifestar lá. Inclusive porque, nesse nível, a alma fala com você. Se nesse nível você perceber suficientemente os seus relacionamentos, sua luz se espalhará pelo mundo porque estará ancorada nas suas emoções terrenas, no seu aspecto humano.

Agora, mova-se para o seu coração e conscientize-se da amplidão dele. A partir da perspectiva do seu coração, dê uma nova olhada no relacionamento que é o foco da sua atenção neste momento, e sinta a conexão entre você e o outro, ou a possível falta dela. O coração é mais espaçoso do que o abdome; muitas vezes ele pode ver as coisas de um ponto de vista diferente, porque está conectado com a sua alma. Mas o coração sabe que uma boa conexão também deve sentir-se bem no nível do abdome, e que, no nível humano, deve haver um equilíbrio entre dar e receber.

Agora, deixe esse relacionamento específico de lado e sinta-se parte de uma rede, de um campo de relacionamentos. Sinta quanta luz deseja fluir para você a partir desse campo; todos os tipos de inteligência, de almas vivas, estão conectados com você. Existem aqueles que estão menos ligados ao tempo e espaço e que têm uma perspectiva mais ampla do que você, porque estão livres da dependência à Terra. Sinta, neste momento, a luz e ajuda desses seres, e o quanto eles desejam apoiá-lo e encorajá-lo no seu trabalho na Terra. Eles criam muita alegria e luz em você, então receba-as e sinta-se fortalecido.

Você está fazendo um trabalho de consciência, que é muito mais importante do que imagina. É um trabalho de grande capacidade e alcance, e não é apenas para você pessoalmente. As almas do outro lado, que o apoiam, oferecem-lhe sua cooperação para ajudá-lo nesse trabalho; então receba o amor delas. Deixe sua aura ser preenchida com a luz desse outro mundo que você conhece muito bem, um mundo de leveza, liberdade e conforto. Permita que ela flua através de todas as células do seu corpo, do seu chacra coroa até seus pés.

Agradeço-lhe por seu trabalho interior e saúdo-o com alegria e felicidade.
 
 
-.....---==II==----.....-
 
 
Direitos Autorais:
© Pamela Kribbe
www.jeshua.net
Tradução de Vera Corrêa veracorrea46@ig.com.br
 
 
Gostou! Compartilhe com os Seus Amigos.
 
 
 
IITopo da PaginaII - IIVoltar Menu Joshua Pamela  II - IIVoltar HomeII