AÇÃO DE GRAÇAS - VIVENDO A VIDA CRÍSTICA
Uma mensagem de Jesus / Yeshua canalizada por Judith Coates 
Quinta-feira, 27 de Novembro de 2008 
 
Amados, realmente dar Graças é o corpo de Cristo. Pois quando alguém desperta para a percepção que ele/ela é o Filho de nosso Pai Celeste, eternamente sustentado pelo Reino, nada faltando, ele/ela vive cada momento no espírito de gratidão. O indivíduo acorda cada manhã com a canção dos pássaros em seu coração, grato pela Vida que ativa o corpo, grato pela paz da noite, pela alegria do dia, grato ao Anjo do Sol por sua luz e seu calor, grato ao Pai Celeste pela luz que você é. A vida Crística é aquela que é vivida eternamente em um espírito de Agradecimento.

O termo Cristo foi atribuído a mim, Jeshua ben Joseph e foi escrito nos Livros Sagrados que eu era o Filho de Deus e que eu era o Cristo encarnado. E isso é verdadeiro. Eu era e sou o Filho de Deus – assim como você também é. Eu sou o filho do nosso Pai Celestial – assim como você também é. E é verdadeiro que eu sou o Cristo – assim como você também é o Cristo.

Você é um grande raio de Luz. Você é a Luz Crística. E quando você desvia o foco de sua atenção da agitação do mundo, do barulho e da atividade do mundo que quer lhe convencer que há muita complexidade e muita atividade, quando você focaliza sua atenção na paz do coração, você se conecta com seu Eu Crístico.

Em qualquer momento em que o mundo lhe fale de caos, de tumulto, daquilo que poderia ser visto como desafios e problemas, retorne imediatamente àquele lugar no seu coração. Respire fundo, estando totalmente presente naquela respiração, e isso lhe restituirá a paz que foi momentaneamente esquecida.

A Vida Crística é a que é vivida no conhecimento de Quem se é. É vivida momento a momento no lugar de paz, de amor – o Amor que se é. É aquela que mergulha primeiro no lugar do coração, recolhendo toda a sabedoria, e então caso haja necessidade de ações ou palavras, elas lhe serão dadas, e você age a partir do lugar do coração.

Vivendo-se a Vida Crística, significaria isto que você é retirado de alguma forma desse mundo, que você se encontrará transportado a uma realidade angélica em algum lugar acima das nuvens, algum lugar distante daqui? Não, de fato não. Você perceberá que continuará a ver seu irmão e sua irmã à sua frente. Você se perceberá indo ao seu emprego. Você ainda se perceberá freqüentando aquilo que chama de supermercado, seus postos de gasolina para abastecer seus veículos que têm os cavalos em seu interior ao invés de fora.

Você se perceberá ainda muito comprometido com as atividades mundanas, mas a partir de uma nova perspectiva. Ela virá do lugar do coração. Ela virá do lugar de paz. Ela virá do lugar do Cristo que você é. De forma que, sim, você ainda se perceberá interagindo com outros de seus irmãos e irmãs. Você se notará realizando sua rotina diária, mas ela será vista com muito mais beleza. Ela será vista como parte da Inteireza que você é.

Muitos de vocês perguntaram, “Por que estou aqui? Qual é o plano maior? Como eu me encaixo nele? Qual é a minha missão? O que eu deveria estar fazendo da minha vida? Haveriam aulas ou treinamentos que eu deveria fazer? Existe algo que eu deveria estar fazendo para me preparar para o despertar o para a chegada da consciência do Cristo que eu sou?”

E eu lhes digo, as aulas e preparações são vão bem conforme sua orientação (interna) lhes dirige. Vá primeiro ao coração e pergunte, e embasada na paz que reside dentro do coração, todas a respostas vão lhe serão reveladas. Você pode se encontrar sendo direcionado a receber treinamentos em diversos métodos de cura, recebendo treinamentos que lhe darão as credenciais que seu mundo exige para que você chegue a lugares – empresarial, talvez – para interagir com seus irmãos e irmãs. E conforme você falará palavras que eles entendem, talvez através de um enfoque empresarial, você também estará compartilhando com eles seu amor e sua Luz.

Porque estando na presença deles, sem dizer uma única palavra do que está em seu coração, eles sentirão a paz em um nível muito profundo. Nada é oculto, porque todas as mentes e todos os corações são unidos. E mesmo que se pense que é possível ter um pensamento e mantê-lo consigo, não há nada que é secreto. As próprias vibrações que são emanadas se misturam com o que seria visto como as vibrações de outro indivíduo e vocês não são separados.

Há muitos que apelam a mim em seus momentos de confusão e tormento e tristeza, em seus momentos de desespero, e querem que eu fale com eles e, no entanto, quando eu falo – porque eu respondo sempre – eles não me escutam. Eles não confiam na Voz que ainda é pequena. Mas eles entenderão as palavras que você fala a eles. Eles vão entender o sorriso que você dirige a eles. Eles vão entender quando você puser o seu braço ao redor de seus ombros e disser para eles “Eu entendo, pois já passei por isso. Mas eu não estou mais nessa situação porque eu descobri um segredo – um segredo que não é oculto. Está disponível a todos. Eu descobri um lugar de paz dentro do meu coração.”

Muitos verão a paz que você sente. Muitos pedirão, quer em palavras quer silenciosamente, para conhecer o que você descobriu. E você vai compartilhar com eles como viver a Vida Crística. Você pode não vir a escolher aquelas palavras porque elas podem não ser as que seriam aceitas prontamente. Você falará o idioma que pode ser entendido. Mas o exemplo da Luz e a paz que você emana falará com o potencial que eles são. Falará mais alto que palavras, simplesmente sendo quem você é.

A cada momento de seu tempo sempre retorne àquele lugar de paz. Respire fundo. Retorne sempre ao lugar do Cristo, à consciência Crística, e então aja a partir daquele lugar. Isso não quer dizer que você vive uma vida de grande seriedade. Não quer dizer que você deve andar por aí vestindo farrapos. Isso quer dizer que você estará expressando Quem e O Que você é em liberdade, e você se descobrirá rindo e isso virá de um lugar de conhecimento da sua Inteireza – um lugar de conhecimento da sua santidade – e de ser capaz de se tornar o exemplo aos outros que também estão à procura do conhecimento da inteireza de si mesmos.

O Cristo que eu sou não está a grande distância de você. Na realidade, quando você retorna ao lugar de paz dentro de seu coração, nós somos um. Quando você entrar em suas caixas com rodas, quando você freqüentar os restaurantes, quando passear nos shoppings, pare a cada momento e recorde o Cristo que você é. Tome um momento na próxima vez que estiver em um de seus frenéticos shoppings para simplesmente parar no meio do que você vir como imensos corredores e observe seus irmãos e irmãos. Permaneça em paz e sorria. Sorria para cada um que passar por você. Veja quantos de seus irmãos e irmãs notam o sorriso. Será divertido. Lembre-se a cada momento do Cristo que você é.

Você é o filho de nosso Pai Celestial. Você é o Cristo. Por muitas vidas você escondeu sua Luz de si mesmo e pensou que ela estava longe, em alguma outra pessoa. E você a alocou em mim e em muitos mestres, e pensou que talvez se vivesse uma vida que fosse pura o suficiente, talvez algum dia Eu viria com minha varinha mágica, e eu tocaria sua cabeça e eu diria então que você agora é um Cristo. Eu lhe digo que você é um Cristo, e não cabe a mim lhe oferecer aquilo que é seu direito divino como Filho de Deus.

Já é hora que você desperte para a totalidade do Cristo que você é. Em verdade a alegria que preenche o coração quando se está na consciência da Luz Crística é realmente abundante.

É minha vontade que todos vocês venham comigo. E isso não significa deixar onde você está e abandonar quem está contigo e partir para um lugar distante. Significa voltar para Casa comigo no coração. Lembrar a cada momento o Amor que você é. Recordar a cada momento o ilimitado que você é. Entrar em contato, como dizem por aí, com o sentir de como se sente ser um Cristo. Mantenha isso profundamente em seu coração. Brinque com isso – porque em verdade isso é Luz.

Sua tarefa de casa para retornar para Casa é brincar a cada momento – brincar de ser Cristo. Como é ser o Cristo? Como Cristo agiria numa situação dessa? O que pensaria o Cristo? Como Cristo se sentiria?

Em verdade, você é Belo. Você é o Filho do Pai Celeste. Você é uno comigo. Você é o Cristo. Caminhe com Gratidão dentro do coração, não apenas nessa época do ano, nas em todos os momentos o ano todo. Viva a Vida Crística no espírito de Ação de Graças e você está em Casa comigo. 

Que assim seja. 
 
.....ooo00000ooo.....
Direitos Autorais 2007 Universidade Oakbridge. O material de Oakbridge é protegido por direitos autorais, mas gratuito para qualquer pessoa que queira usá-lo, contanto que os créditos apropriados sejam listados, incluindo o nosso endereço: www.oakbridge.org

Gostou! Indique para seus amigos.

|Topo da Página|    |Voltar Menu Jesus/Yeshua - Judith|   |Voltar Home|