PARA ONDE VAMOS A PARTIR DAQUI
Mensagem de Jeshua ben Joseph (Jesus) através de Judith Coates
Janeiro de 2013
 
 
  Amado, eu vi você se sentar com uma pergunta, uma questão que parece ser bastante pesada, e de repente uma ideia virá até você, e você aparece e você faz o improviso. Você vai com a terceira opção, que talvez não fosse até a alguns momentos atrás, ou não parece ser - realmente era, mas você não a reconheceu - e você faz um pouco de improviso e tudo muda, porque tem que mudar, porque você é o único a criar.

Você é a extensão do divino, uma fonte criativa e você é criativo. Uau, você é criativo! Eu vi você com as suas criações e eu vi você lutar com algumas das visões que você tem e com o tempo, aparentemente, sendo o adversário, dizendo: "eu vou ter que ter paciência."

Você inventou o tempo como um presente nesta realidade, para que você não se meta em demasiadas confusões. Se você pudesse instantaneamente, na realidade que você está fazendo para si mesmo, fazer a escolha e ser imediatamente em tudo o que parece ser a escolha, você muitas vezes esta pulando da frigideira para o fogo, em outras palavras, talvez em um lugar onde você realmente não quer ser.

Então você tem dotado a si mesmo, um criativo que você é, o dom do tempo para que você possa contemplar, talvez não por muito tempo, mas não tem que ser estendido, ou pode ser, e você pode ver: "Bem, , se eu fizer tal e tal, parece que estas são algumas das consequências que podem vir a partir dele. Talvez eu queira repensar isso. "E como você medita, enquanto você contempla, como você repensa, haverá outras ideias. E você faz o improviso para que você venha com uma nova realidade.

Como você está olhando para o holograma de que você chama de sua realidade, permita-se ser não julgado. Muitas vezes o ego separado será executado no palco e diz: "Bem, este holograma, esta realidade que você está fazendo para si mesmo, é realmente uma bagunça. Eu não sei como você entrou nessa bagunça. "Isso é separado do ego que não reconhece o EU SOU Ego, o verdadeiro Eu Sou de vocês. É uma reacção habitual de um velho amigo com quem você viajou durante muitas vidas.

Mas agora você está vindo para o lugar onde você está dizendo: "Espere um minuto. Eu não tenho de julgar. Talvez tudo o que eu escolhi é com o intuito de me levar ao despertar que eu assim desejo. "E é. Tudo o que você escolhe leva-o para a próxima etapa, que leva você para o próximo passo que com o tempo, você leva para o lugar onde não há tempo.

Mais tarde nesta mensagem nós vamos fazer o que é chamado de meditação que irá permitir que você vá ao lugar sem tempo, mas agora eu vou falar um pouco mais. Todos vocês que estão lendo estas palavras estão caminhando para um futuro alegre como você vê o tempo linear. Por quê? Não porque eu vos digo, mas porque você tem decretado. Você já decretou que você é completo, com sofrimento, com preocupação, com medo de que alguém pode ter poder sobre você.

Mesmo neste momento, enquanto você lê as palavras, você se mudou para um novo espaço de possibilidade, probabilidade, um lugar de esperança, que diz: "Eu não estou confinado por ninguém da verdade minúscula" v ". Eu estou num lugar onde eu estou começando a entender a tomar de volta o meu poder, meu poder criativo divino ", que não é um poder sobre outra pessoa, é um poder de escolha, de sua própria escolha. E você pode ser tão feliz como você quer ser.

"Wow! Eu nunca pensei sobre isso dessa forma. Eu posso ser tão feliz quanto eu quero ser? Ei, talvez eu não queria ser. "Isso é verdade. Outras vezes você não queria ser feliz. Você queria a luta, porque pelo menos você estava fazendo alguma coisa. Ou o pequeno ego de você pensou estava fazendo algo que você lutou com os "desafios".

Então, eu falo para você de um futuro alegre, que é a sua herança divina para conhecer a alegria, para ser livre do juízo do mundo, para ser livre do pequeno ego, e sair de vez, para sair do medo, para chegar a um lugar onde você diz: "Eu sou livre", porque sabendo a verdade do seu ser vos libertará.

A verdade de seu ser é que você é o Divino Espírito Self - capital "S" - criando toda a realidade que você joga. Eu comento sobre essa palavra, "brincar", porque é uma peça dentro de uma peça dentro de uma peça, às vezes você faz esse complexo, de modo que você nem sabe que é uma peça dentro de uma peça dentro de uma peça de teatro.

Eu vos digo, nunca faça uma escolha errada. Você faz escolhas e vive com as consequências dessas escolhas, mas todas elas fazem parte de sua jornada. É a jornada divina do despertar, e você nunca tem feito uma escolha errada. Cada escolha tem levado a um lugar de estar aqui, agora, aceitar o seu poder para si mesmo. Você está fazendo a sua realidade a cada momento. Isso é o quão poderoso você é. E, na verdade, você não pode dar o seu poder. Você pode fazer uma realidade onde parece que você tem dado a sua realidade para outra pessoa e as suas crenças e suas profecias, mas na verdade, você não pode dar o seu poder, porque é você.

Deixe que se afundam em um momento. Seu poder é o seu “Isness” divino, e ele está levando você para casa. Não importa quais as escolhas que você fez, não importa quantas vezes o ego separado tem gritado quando você fez a escolha errada, cada escolha que está levando para casa. Então, seja feliz com isso. Sei que realmente você está voltando para casa.

Você pode jogar com um caso de realidade inferior "r", que a casa é em outro lugar e você tem que fazer todo tipo de ritual para encontrá-la e para ser digno de encontrá-la. Que foi ensinado a você através de muitas gerações por suas "autoridades", seus líderes religiosos que dizem que você tem que enfrentar em uma determinada direcção, você tem que comer certos alimentos ou não comer determinados alimentos, você tem que ficar em uma perna , você tem que cruzar a outra perna atrás de você, você tem que segurar uma narina fechada, etc., todos os diferentes rituais que vão fazer você digno de conhecer a sua santidade.

E quando você tem todos aqueles ensinamentos, então eles vêm para cima com mais uma coisa: você tem que fazer uma grande doação para a organização religioso / filosófica ou alguma outra organização e, em seguida, eles vão orar por você. Você não precisa de alguém para orar por você. Você precisa orar por si mesmo. Você precisa reconhecer o Ser interior, o Ser divino, e falar com o Eu divino muitas vezes.

Isso é o que a oração é. É para falar com o Ser interior. Você pode chamá-lo de falar com Deus como você reza, mas a Divindade está dentro de você. Você pode dizer que você está orando para mim, mas eu sou como você e eu estou dentro de você, então realmente você está orando para dentro de si mesmo, sendo o interior de vocês. E você usa a oração para esclarecimentos.

Você ora com palavras, com ideias, e então você ouve. Isso é meditação. Muitos de vocês e os irmãos e irmãs rezam sempre montes de palavras, eu ouço-os. E então, quando a resposta pode estar chegando para você, você fecha-a e você vai para algum lugar, porque você tem que fazer alguma coisa, ou você não percebe que realmente você tem o poder de saber o seu eu interior, para saber a verdade do seu ser .

Então, quando você orar, é uma coisa muito boa para rezar, e esclarecer para si mesmo a situação. E você pode orar por um determinado resultado. Não há nada de errado em orar por um determinado resultado, um visionamento, se você quiser. Faça o visionamento vir da maior e melhor para todos os envolvidos, por si mesmo e para todos os outros que parecem estar nessa visão com você.

E, em seguida, medite sobre o que você tem orando. Ouça. Aquietai-vos e ouçam a voz interior. Não tenha muita pressa para correr e fazer. Ao fazer vai cuidar de si mesmo.

Cada fase da vida apresenta-lhe oportunidades. Às vezes, eles não se parecem com as oportunidades, mas agora você está mudando a forma como você vê as coisas. Se você precisa de um novo par de óculos, sair e conseguir um novo par de óculos para permitir que você veja as coisas de forma diferente. Experimente. Você pode deitar os guarda-sóis fora. E você vai ficar cego com a sua própria luz? Sim, provavelmente, por um momento, mais ou menos, mas depois você ajusta-se. Vai ficar tudo bem. Jogue com todas as ferramentas que você pode ter até com que lhe permitem reconhecer o divino “Self”, que é você.

Reconhecer as realidades em que você joga, e realmente joga dentro dessas realidades. Alguns de vocês vieram ao lugar agora de reconhecer que você é livre para escolher o que jogar, que você não tem que lutar com todas as percepções do mundo.

Isto é o que eu vos falei á dois mil anos atrás, quando você era meu discípulo. Eu tinha mais de doze discípulos, você sabe. Meu Deus, como eu iria me limitar? Não. E não eram todos os homens. Eu tinha um monte de amigos homens, como eu faço neste dia e hora, mas eu também tinha, naquele dia e hora, e agora, um monte de amigas. E às vezes o feminino intuitivo compreende a minha mensagem mais rapidamente do que a energia masculina, que quer saber a lógica de como colocar A, B, e C juntos.

Então, às vezes você tem que colocar de lado o mental e permitir-se a permanecer no amor feminino, que diz: "Eu me amo, mesmo que eu não seja perfeito, e Jesuá me diz que eu sou perfeita. Bem, talvez ele esteja certo. Ouvi-lo antes, e às vezes ele estava certo. E talvez se ele às vezes estava certo, talvez ele possa estar certo em mais vezes do que apenas uma ou duas vezes. "E eu lhe asseguro que estou correcto em dizer de sua natureza divina.

Será que eu profetizo? Não. Possibilidades, probabilidades, talvez. Eu profetizo neste dia e hora? Não. Sabe por que eu não profetizao? Porque eu não tenho o poder de dizer o que você vai escolher, no momento seguinte. Eu vi você em sua improvisação criativa. Posso dizer-vos que na próxima semana, no dia do meio da semana, chamado de quarta-feira em uma hora da tarde, vai ser um raio-metafísica, isto é, que está indo para golpeá-lo até um lugar onde você vai ter um novo entendimento. Talvez isso irá acontecer. Talvez não, talvez sejam duas horas no período da tarde. Será como você decretou. Então, eu não profetizo, e eu não dou mais o meu poder de profecias.

Agora, gostaria de fazer com você o que é chamado de meditação. Permitir descansar os olhos. Permita-se a tomar a respiração profunda, que traz para você a um lugar de paz interior. Permita-se entrar para o lugar de paz que o mundo não sabe, o lugar de paz que o seu Eu divino sabe, o lugar de paz, onde você pode voltar atrás de tudo o que está acontecendo, tudo o que aconteceu, tudo o que você tem previsto que poderia acontecer, o lugar da paz, que é o eterno agora.

Isso é onde você respeitar: no lugar do Agora eterno, sempre vai para a frente no Agora. Respire paz no agora. Respire a paz no seu Agora, e conheça a paz que é a sua herança divina como o santo Filho, não separado de sua paz. Conheça a paz de seu ser.

Sei que realmente você é amado com um amor eterno que nunca vai abandonar você, porque você nunca vai abandoná-lo. Você vai permanecer sempre no amor. Você vai respeitar sempre como o Um, um santo agora.

E, tomando outro fôlego fácil, trazer à mente algo que tem sido em sua realidade o que parece que você teria que pensar sobre isso, tem que habitar sobre ela, talvez, trazê-lo para a paz, mantendo a paz do agora com você. Permita-se a permanecer na paz e olhar para o que a questão parece ser.

Estenda a mão e leve essa questão pela mão. Ande com essa questão de amigo para amigo. Ande com esse problema até à borda do holograma que vocês têm chamado para a sua realidade. Ande com essa questão de mãos dadas até a borda. E, olhando para baixo a partir da borda daquela realidade que você disse tem que ser tão verdadeira, caso de menor "v", olhe para baixo e veja o espaço que está lá em baixo, só espaço, abertura indefinida. Olhe em todo e veja o espaço antes, aberto, indefinido. Olhe para cima e veja o espaço que está aberto acima de você; espaço eterno cheio de amor, cheio de confiança, cheio de conhecimento de “Isness” divina.

Para onde quer que vá, de mãos dadas com o que parece ser um problema, você entra na “Isness” divina de você, ainda indefinida, e está tudo dentro do seu poder. Então você liga para o assunto e vocês dizem: "Vamos para a frente?" Você entra no espaço da paz do eterno Agora, e a questão que parecia tão ameaçadora, tão complexa, torna-se como uma não-coisa Ele se torna parte de você. Você aceitou-o em si mesmo como parte da paz de seu agora.

Não há nada a temer, sem espaço abaixo, não há espaço de diâmetro, sem espaço acima que seria terrível, apenas permanece a paz no espaço ao seu redor. Essa é a chave e o poder de vossa paz.

Sempre vos permanecerdes no eterno agora e a paz eterna do Agora, e qualquer problema que você tem em que a paz se tornará como seu amigo, vai tornar-se como parte de você e se dissolvem no amor de seu coração. Qualquer questão, leva-a em seu coração e amá-lo e senti-lo dissolvendo-se no amor e na paz. Saiba que nenhuma coisa, nenhuma pessoa, nenhuma circunstância, nenhuma questão tem poder sobre você.

Você criou o que você pensou ser algo a caminhar com você, e que você tenha atingido a sua mão e de ter tomado a mão desse problema e você já disse, "Venha comigo até a borda da realidade e deixe-nos olhar para o espaço do eterno Agora, abrindo, ainda indefinida ".

Respire. Conheça a paz. Respire. Sinta-se em paz. Respire. Saiba que você está criando tudo em sua realidade e, portanto, você pode cancelar e criá-lo. Você pode levá-la pela mão e levá-la em seu coração e dissolvê-lo em amor, pois não tem poder sobre você. Você criou, e você pode cancelar a criá-lo com amor.

E agora tome outra respiração profunda, deixe a consciência voltar ao corpo. Sinta a paz onde você esteve e traga-o de volta com você. Sinta o poder da nulidade de qualquer problema, pois é um amigo, e você pode ter um amigo em sua paz e dissolvê-lo em amor.Traga a consciência de volta a esta sala. Traga a consciência de volta ao corpo.

Saibam que verdadeiramente vós permanecerdes na paz do eterno Agora, aberto e indefinido até que você escolha uma definição. É um presente que você tece em sua realidade. Reconhecê-lo, muitas vezes, para a paz do quanto ainda indefinido eterno. Agora é a verdade capital do seu ser. E nesse espaço de grande paz me junto a você como a extensão de um criador de Tudo O Que É.

Assim seja.

- Jeshua ben Joseph (Jesus)
in expression through Judith
 
 
-.....---==II==----.....-
 
 
Direitos Autorais 2012 Universidade Oakbridge.

O material de Oakbridge é protegido por direitos autorais, mas gratuito para qualquer pessoa que queira usá-lo, contanto que os créditos apropriados sejam listados, incluindo o nosso endereço:
www.oakbridge.org 

Traduzido por: José Silva <silva.jjose@gmail.com>
 
 
Gostou! Indique o site para Seus Amigos.
 

IITopo da PaginaII - IIVoltar Menu Joshua - Judith II - IIVoltar HomeII