VEJAM, EU SEMPRE ESTOU COM VOCÊS
Uma mensagem de Jesus/Jeshua canalizada por Judith Coates
Sábado, 1 Dezembro, 2007 
 
Amados, neste mês quando muitos estarão voltando sua atenção a mim, ou ao menos ao meu presumido aniversário, haverá um senso aumentado da minha presença. Algumas vezes esta consciência continua após os dias sagrados até o ano seguinte, mas algumas vezes ela é logo esquecida. Entretanto, mesmo quando o foco da atenção retorna para o mundo do trabalho, minha presença está sempre com vocês. Havia uma promessa que eu lhes fiz na qual veriam anos e anos depois que: “Hei, eu sempre estou com vocês”. E isto é verdade. Eu estava com vocês em uma vida há dois mil anos atrás, e vocês estavam comigo. Isto é porque vocês estão atraídos pela minha mensagem agora.

Vocês conheciam a mensagem, vocês conheciam o amor, e vocês os conhecem agora neste dia e época. E através daquilo que veriam como sendo a história linear desde aquela época até o que chamam de “agora”, eu sempre estive e sempre estarei com vocês. O Cristo sempre está com vocês.

Nós falamos anteriormente que vocês são energia divina – Pensamento – vindos à forma. Nós, como Pensamento – Pensamento divino – somos a energia deste Pensamento, e seus cientistas estão agora achando as suas provas da Unidade na qual tudo está ligado, que tudo é energia, manifestada de maneiras diferentes, e ainda que tudo vem da mesma única Fonte de energia. Eles têm chamado isto de vários nomes, vocês talvez a conheçam como a teoria das cordas, a energia toda sendo conectada uma à outra. Eles irão juntá-la ao conceito da mola (espiral), onde se vocês têm todas as voltas das molas amarradas juntas, e se alguém pressionar a mola numa das pontas, isto será sentido por todas as molas até a outra ponta das molas; tudo respondendo, tudo conectado.

Há a conexão, porque vocês são a conexão. Então quando eu lhes digo: “Hei, eu sempre estou com vocês”, é verdade. Eu sou o Cristo, assim como vocês são os crísticos; nós somos da mesma Fonte de Energia divina, vinda para experienciar e para expressar a divindade; para brincar – para brincar com todas as formas criativas que alguém possa pensar, e com as novas acontecendo o tempo todo.

Assim se vocês reconhecerem o Cristo em vocês, se vocês reconhecerem uma personalidade chamada Yeshua, Jesus, não importa. O Ser de vocês É, sempre tem sido mesmo antes do tempo, e sempre será, além do tempo, e a única coisa que vocês realmente desejam é conhecê-lo. O Cristo sempre está com vocês porque isto é Quem e o Que vocês são. Por muito tempo – muitas, muitas vidas – vocês compraram a crença do mundo – e vocês pagaram um alto preço – de que a vida tem que ser uma luta, que a realidade é dura, que independente da esquina que virarem, irão ter problemas. Este tem sido o ensinamento do mundo repetidamente.

Mas como eu disse, e como está citado nas suas Escrituras sagradas – porque elas têm alguns dos meus ensinamentos corretos – meu reino não é deste mundo. Seu reino não é deste mundo. Seu reino é o feito pelo Cristo, e vocês são livres para fazê-lo – a realidade que experienciam – vocês são livres para fazer esta realidade de qualquer modo que queiram fazê-la e ser feliz nela.

Uma das melhores maneiras de começar o dia é acordar com um dizer que foi dado para vocês através de muitas gerações: “Este é o dia que o Senhor fez; eu me alegrarei e me regozijarei nele”. Agora, quem é o Senhor? Bem, vocês, naturalmente. Este é o dia que vocês estão fazendo. “Eu me regozijarei”. Vocês têm a intenção; vocês têm a escolha e a intenção. “Eu me regozijarei e me alegrarei nele”. Esta é a maneira mais poderosa de começar seu dia.

Bem, eu lhes disse muitas vezes, e esta é uma grande Verdade – “V” maiúsculo – que vocês são aqueles que estão mudando o mundo. Vocês são aqueles que, a cada momento, têm a liberdade e estão despertando para esta liberdade de mudar o mundo apenas no modo como escolhem olhar para o seu mundo e como escolhem estar em alegria com ele.

A Verdade do seu ser – “V” maiúsculo – é que vocês são a expressão divina do Um Criativo. Vocês são todo-poderosos, e são livres. Há certas sugestões que o mundo irá lhes fazer, e vocês podem seguir estas sugestões ou podem dizer: “Não, eu estou cheio destas sugestões; eu vou tentar uma nova maneira; eu vou tentar algo que parecerá milagroso aos velhos pensamentos do mundo; eu vou tentar olhar para as coisas com alegria, com possibilidade e probabilidade e então trazer à realidade”.

Joguem primeiro com possibilidade. Se querem ter uma certa experiência, se querem ser uma certa expressão, ir pela vida de uma certa maneira, joguem com possibilidades. Perguntem-se: “Como eu posso fazer isto possível? O que faria isto possível? ”Atirem fora todos os velhos condicionamentos.

Todos vocês vieram a esta vida com alguns pensamentos limitadores, e isto não é dito como julgamento; é dito como discernimento, como uma verdade – neste caso “v” minúsculo. Vocês trouxeram com vocês velhas feridas, velha bagagem, velha auto-imagem que tem sido reforçada pelos pais, pelos educadores, pelos seus ensinamentos religiosos/filosóficos.

Mas vocês chegaram a um certo lugar em seus pensamentos onde disseram: “E se? E se todos aqueles velhos ensinamentos são apenas isto – velhos ensinamentos? Não verdadeiros, mas apenas velhas maneiras de pensar. E se houvessem outras maneiras de olhar para algo de modo que eu pudesse sentir alegria de novo na minha vida?” Este é o seu presente de natal para vocês mesmos.

Isto é o que todos estão querendo sentir, não importa quanto anos acumularam, curtos ou longos. Todos estão querendo sentir alegria na vida novamente e sentir que há esperança e que há uma razão para existir. Todos os dias vocês procuram uma razão para sair da cama, uma razão para se vestir e sair entre os colegas, irmãos e irmãs.

Sim, algumas vezes parece necessário ganhar as moedas de ouro, assim vocês saem da cama e fazem o que têm a fazer, mas vocês têm um profundo reconhecimento dentro de vocês mesmos de que estão procurando mais do que isto. E vocês querem ficar realmente alegres por estarem aqui e por existirem.

Joguem com as possibilidades. O que os faria alegres? Não importa o que seja, ou quão longe pareça estar da esfera das possibilidades quando sentarem e pensarem sobre isto; não se preocupem com limitações. Brinquem com as possibilidades. Como se parece? Quando vocês se permitem se tornarem verdadeiramente despertos e vivos e estão contentes com vocês mesmos, todos ao redor sentem isto e começam a entender o mestre que vocês são. Eles começam a sentir um estado de ser o qual eles não esqueceram completamente, mas eles o colocaram em um lugar onde ele foi quase esquecido. Eles começam a lembrar o sentimento do Cristo: “Eu sou o poder do Ser, eu sou o poder do Cristo. Eu sou o que eu sou. Hei, eu sempre estou comigo”.

Vejam, eu sempre estou com vocês. “Vejam, eu sempre estou comigo”, como dirão a vocês mesmos, “sempre”. Vocês não podem escapar de Quem vocês são. Por éons de tempo tentaram, e a divindade de vocês sempre lhes permitiu jogar em realidades que disseram que vocês são menos do que Aquilo que vocês são verdadeiramente. Mas vocês estão ficando cansados destas realidades, e seus irmãos e irmãs estão ficando cansados desta realidade também. Eles estão esperando por aqueles como vocês que irão dizer: “Eu sou a alegria, a liberdade, a felicidade, Eu sou o Cristo. Vejam, eu sempre estou comigo. Este é o dia que eu fiz. Eu me regozijarei e me alegrarei nele”. Este mês quando celebrarem meu nascimento, regozijem-se e alegrem-se nele, e saibam que é o seu aniversário também. É o aniversário do Cristo, relembrado e celebrado em sacralidade – a lembrança da Totalidade do Um, vinda desde antes do tempo começar para se regozijar no poder da expressão criativa. O Cristo está sempre criando. Celebrem meu aniversário este ano com criatividade inovadora; pensem em novas maneiras de colocar o Cristo de volta no Natal. Vocês têm estes dizeres no seu mundo. Convidem seus amigos para celebrar a Vida com vocês – este é o verdadeiro significado do dia do nascimento: celebrar uma nova vida. Dêem e recebam Amor e amizade. Sejam criativos e regozijem-se neste dia.

Re-gozijem-se. Uma vez mais – re-vivam em alegria. Re-gozijem-se. Relembrem. Reponham aquilo que parece estar separado, aquilo que tem estado desmembrado e colocado de lado. Re-lembrem e re-gozijem-se. Restabeleçam tudo uma vez mais, como era no início, mesmo antes do tempo existir. Vejam, eu sempre estou com vocês – no meu aniversário e sempre.

Que assim seja.

- Jeshua ben Joseph (Jesus) 
em expressão através de Judith
 
.....ooo00000ooo.....
Direitos Autorais 2007 Universidade Oakbridge. O material de Oakbridge é protegido por direitos autorais, mas gratuito para qualquer pessoa que queira usá-lo, contanto que os créditos apropriados sejam listados, incluindo o nosso endereço: www.oakbridge.org

Tradução: Liliana Bauermann – lilianab@sinos.net

Gostou! Indique para seus amigos.

|Topo da Página|    |Voltar Menu Jesus/Yeshua - Judith|   |Voltar Home|