AS ROSAS DO AMOR SUPREMO
Mensagem da Amada Kuan Yin Canalizada por Elsa Farrus
Em 19 de setembro de 2014
 
 
  Amada filha, sou Kuan Yin.

Veio Kuan Yin e eu a vejo com rosas violetas, em suas mãos umas alças de luz que representam a bandeja que as contém.

São as rosas do amor supremo.

Elas identificarão com a ressonância do amor supremo para poder renascer em seu ser a consciência de paz interior.

Estas rosas de tom violeta carmesim trabalham internamente em contato com o seu chakra da coroa a integração do seu propósito de alma, cancelando a dependência de outros seres, apegos e “maldade ou solidão”, pois tudo isso são criações mentais que somente os conduzem ao alinhamento entre seu ser físico consciente e seu ser solar.

No jardim das rosas de Maya Gaia as criações de essências são infinitas como são infinitas as manifestações de realidades que vocês, uns com os outros, criam em todo momento aqui em Gaia.

Para cada experiência há um aroma, uma fragrância que dignifica ou equilibra.

São milhares de anos de trabalho na criação de essências que entram em contato com o seu ser interior.

Amada filha, há as rosas do amor supremo, elas são para vocês, de modo que poderão trabalhar com elas e com o raio magenta, em união entre o chakra base, o corpo físico e a coroa.

Respirem fundo e permitam que um grande raio de luz de cor magenta se dirija em vertical para vocês, descendo pouco a pouco desde “o firmamento” até o princípio de seu prana universal, a parte do prana que se encontra desde seu chakra da coroa até o último de seus chakras transpessoais, o chakra da consciência solar, em vertical para cima.

Continuem sentindo como a energia vai baixando e iluminando o prana, descendo, até entrar em contato com o chakra da coroa.

Respirem fundo por três vezes formando sobre vocês uma pequena esfera de luz magenta.

A energia continuará descendo em vertical, até o sexto chakra, onde respirarão três vezes novamente, depois o quinto, quarto, terceiro, segundo e o chakra base com suas respectivas respirações.

O propósito da frequência magenta nesta ocasião é alinhar a essência lemuriana do amor em conexão com Andrômeda, em conexão com os laços de amor do universo, aqueles que sustentam toda a criação da natureza, ainda que não seja perfeita em sua manifestação, mas que nutra e ame a todos igualmente, no que cada ser sustenta sua experiência e a compensa.

Uma vez que a energia se encontre no chakra base, sintam como segue descendo pelo prana, na busca de unir-se com o núcleo cristalino de Gaia, respirem nove vezes enquanto esta união se dá e sintam ao respirar como a energia não somente se dirige para o núcleo de Gaia, mas também avança para o conjunto de seu corpo expandindo-se na horizontal e saindo para o exterior através de sua pele envolvendo-os em uma grande esfera de luz de frequência magenta.

Respirem fundo e neste toroide que se formou, seu ser em união com o raio magenta, sintam como o núcleo de Gaia, desde o interior do prana sobe para o chakra da coroa uma frequência de luz branca cristalina, sobe na vertical e se une ao chakra da coroa depois de nove respirações formando uma linda rosa, loto ou peônia, formando a rosa de seu ser acima de sua cabeça enquanto continuam respirando e sentindo como se desenvolve.

Respirem novamente e me chamem com qualquer protocolo, por exemplo:

Em nome do eu sou em mim, invoco a Amada Kuan Yin (repetir três vezes), respirem e sintam se lhes chega uma luz, uma imagem, um ser e perguntem: “É Kuan Yin em nome da luz e do amor?”.

Se sentirem em seu interior um sim, sou eu, ou se a imagem ficar mais intensa também; se não repitam o protocolo.

Uma vez que se sintam sintonizados comigo, respirem de novo e me peçam para impregnar seu loto da consciência crística, situado no chakra da coroa, com a fragrância e a frequência da Rosa do Amor Supremo.

E sentirão como o raio violeta em sua frequência mais intensa vai impregnando a rosa loto branca pela borda de suas pétalas com o tom violeta intenso granada segundo cada um até que toda a cor repartida pelas suas pétalas converge em seu interior, no interior da rosa e daí desce para o seu prana iluminando um por um os seus chakras.

Permaneçam respirando vários minutos enquanto todo esse processo toma forma e desenhem uma rosa idêntica à do chakra da coroa no chakra base, unificando os pontos bases de união de sua energia como ser vivo e a energia da Mãe Terra no chakra base e a união com a energia universal no chakra da coroa.

Respirem fundo por várias vezes e sintam como a possibilidade de chegar a ser e estar em sua coordenada energética em seu prana se reforça.

Respirem, despeçam-se de mim como sentirem e peçam para descansar energeticamente até que tome a forma física concreta para o cotidiano.

Esta união entre os pontos distintos de seu prana e suas partes físicas, mais densas nos sete chakras principais e os chakras mais sutis, ajudará para que sincronizem o físico com o estabelecido energeticamente, não falamos de destino e sim de livre arbítrio a partir da consciência de luz em seu próprio ser para reestabelecer a comunicação fluída e constante com a mãe natureza e a sua própria natureza.

Amada filha, sou Kuan Yin e estou aqui junto com vocês; onde vocês virem ainda imperfeição, injustiça e falta de serenidade, com a frequência destas rosas vocês podem enviar luz a todos esses planos para que se recordem de sua essência perfeita ou se identifiquem em vocês os laços de consciência que ainda os unem a eles.

Em cada ser vivo, desde nós em outros planos até o mundo subterrâneo há uma conexão de vida maior do que percebem ou creem, pois somos uma unidade constante em plena evolução.

Outra coisa é que não se recordam de como ver esses fluxos, mas estão, estão aí e fazem parte de todos nós e de todos vocês, por isso o importante não é corrigir, é vibrar, ser e permanecer para a amplitude de consciência ir consolidando e nos permita manifestar o plano harmônico em toda a criação.

Um abraço, irmãos, desde o grande sol central.

Amada Kuan Yin.


Obrigada.
Elsa
 
 
-.....---==II==----.....-
 
  Direitos Autorais:

Fonte: http://www.ascensiongaia.es/
Tradução: Blog Sintese http://blogsintese.blogspot.com 
 
 
Gostou! Indique o site para Seus Amigos.
 
IITopo da PaginaII - IIVoltar Menu Elsa FarrusII - IIVoltar HomeII