OS CAMINHOS DE FERRO
Mensagem de Sananda e Melquisedeque
Por Elsa Farrus
Em 05 de novembro de 2013
 
 
  São muitos de vocês que nesta data veem órgãos ou parte de seu corpo com imagens de estruturas metálicas.

Alguns entre vocês os chamam de implantes.

Esses cancelamentos ou privações são partes de vocês que foram canceladas ou por decisão própria, ou por medos herdados ou por limites autoimpostos.

Muitas das escolas filosóficas atribuem esses implantes a agressões de outros planos de consciência ou invasores energéticos.

E sim, alguns deles têm esta origem.

Mas para a maioria, nestes tempos, é o momento de liberá-los e de tomar consciência desses limites autoimpostos.

Vamos recomendar um exercício de reconstrução energética para que vocês mesmos possam realizar este processo de regeneração celular e de conexão de novo em vocês, para poder regenerar os tecidos danificados com lesões físicas ou emocionais.

Mas além de tomar consciência disso, a energia entrante nos próximos meses é o grande propulsor para o cancelamento de todos eles, até o final de dezembro.

Muitos de vocês estão conscientes do trabalho da energia sozinha, e muitos de vocês reconhecem o despertar que experimentam com ela.

Bem, todo esse trabalho se realiza graças ao Mestre RAY Sol, alguns de vocês o conhecem por bibliografia, outros em uma oitava inferior por seu trabalho como Saint Germain (ou seja, o Eu Superior de Saint Germain).

O Mestre Ray Sol é o Mestre Ascendido que trabalha a consciência solar em todos os seres.

Ele viaja todo ano para Gaia, desde o portal de Leão em agosto até o solstício de dezembro, de 21 a 25... quando vai embora de Gaia, renovando fortemente a energia do chakra do coração.

Por este motivo são tão intensas as emoções nessa data e em algumas culturas adotaram-se essas datas para festas religiosas em torno da luz, incluindo o suposto nascimento de Jesus.

Todo ano, e mais intenso a cada ano, nesta ocasião, Ray Sol traz a Gaia uma forte potência de energia, aumentada pelas emissões solares, para que façamos um forte uso da luz solar ou dos raios de consciência solar (conhecida como raio dourado, ouro-rubi, ki, chi... depende da cultura) e a usemos para a consciência, para reconstruir todo nosso DNA.

Cada um trabalhará gradualmente, não mais que cinco minutos por dia.

Após um bom relaxamento, trabalhará um pedacinho de seu veículo físico, ou seja, seu corpo físico, para integrá-lo em seu corpo de luz, tirando pela vibração os implantes, limitações ou privações que trouxe de outras vidas, ou de decisões que o afastaram de seu coração.

O veículo físico é o que permanecerá depois de seu processo de ascensão, é o que será realmente o grande portador de sua alma, integrada.

É uma ascensão física e planetária, por isso, agora mais do que nunca, é o momento em que todos os tecidos se regeneram e se realizam as uniões energéticas entre eles e os corpos de luz ou energéticos que compõem sua alma.

Exercício: é importante realizar isto de maneira pessoal, atuando somente em si mesmo e estando em um lugar cômodo e com a coluna reta.

Cada um de vocês deve realizar um trabalho de ancoragem no momento presente com respiração, meditação, mantras, como desejarem.

Após algumas respirações vocês vão trabalhar diretamente com seu eu superior, vão respirar e chamar seu eu superior pelo seu nome:

Em nome do Eu Sou em mim, invoco ao Eu Superior de........... (seu nome e sobrenome) por três vezes.

Respirem fundo e sintam como uma silhueta de luz pousa diante de vocês.

Peçam a ela que se delineie um corpo físico, como um manequim, bem na sua frente.

Respirem fundo novamente e peçam falando ao seu Eu Superior que ele lhes mostre gradualmente aqueles pontos metálicos que devem se aclarar em seu corpo físico e energético. Somente um por sessão.

Ao respirar fundo novamente, vocês verão como este ponto energético se delineia melhor.

Antes de começar a trabalhar, perguntem a seu Eu Superior: Como pôde estar aí?, e para que servia.

Depois perguntem: Para que me servirá liberá-lo, qual parte de mim se consolidará?

É possível que vocês se emocionem ou se sintam agitados no processo.

Assim que tenham esclarecido suas dúvidas e tomado consciência dessa limitação, vocês chamarão ao Arcanjo Metatron e aos cirurgiões Arcturianos com o mesmo protocolo:

Em nome do Eu Sou em mim, invoco a ........... por três vezes.

Peçam a eles que os ajudem a restaurar a consciência com uma luz ouro, dourada, Reiki, ou seja, um raio de luz de consciência solar que desce até vocês na vertical e entra por seu chakra da coroa e pouco a pouco os vai enchendo de luz, até que o manequim ou figura delineada por seu Eu Superior esteja totalmente brilhante.

Respirem fundo por três vezes e deem a ordem para que os Mestres ou cirurgiões Arcturianos os assistam, enquanto a energia de luz apaga todo o registro antigo com respeito a esse implante.

Respirem novamente até que sintam que o processo terminou e um pouco depois, peçam ao Arcanjo Metatron, ou Metatron, como desejarem, para integrar em vocês os canais de energia que estavam privados de conexão por esse implante ou metal ou código genético errôneo que atrapalhava seu processo pessoal.

É provável que sintam muito calor nesse momento, ou sonolência, é bom, ou alegria. Permitam-se fluir.

Respirem fundo novamente por três ou quatro vezes, agradeçam aos mestres e deixem-nos ir.

Permaneçam acomodados alguns minutos enquanto respiram várias vezes e sentem como esse fluxo de energia dourada se expande ao redor de vocês e os ajuda a fortalecer a união de todos os seus corpos energéticos e seu corpo físico (que todos eles sejam Um), sejam seu veículo físico.

Recomendamos que deixem passar de um a três dias entre as integrações. Isto é bom para assumir as mudanças emocionais e as que se materialização com essas mudanças internas.

Respirem fundo novamente e voltem à consciência da realidade, centrando sua atenção no corpo físico.

Movimentem-no um pouco e quando se sentirem capazes, abram os olhos.

São dias de grande atividade solar que os reforçarão em todos esses processos pessoais de integração de memória.

Este pequeno exercício foi compartilhado com vocês para aliviar aqueles processos que não têm uma relação física e que, no entanto, provocam dores físicas ao entrar em algum lugar ou ao entrar em uma recordação ou ao tomar uma decisão.

Obrigado irmãos pelo esforço tão lindo que estão realizando e pela vontade de despertar na Terra.

Um abraço,
Sananda e Melquisedeque


(Os anjos vivem nos corações daqueles que ousam amar...)

Desejo agradecer a todos por compartilhar esta mensagem e difundi-la.

Um feliz dia a todos,
Elsa
 
 
-.....---==II==----.....-
 
  Fonte: http://ascensionalquimicageometrica.blogspot.com.es/
Tradução: Blog SINTESE http://blogsintese.blogspot.com/
 
 
Gostou! Compartilhe com os  Seus Amigos.
 
Facebook    
 
 
IITopo da PaginaII - IIVoltar Menu Elsa FarrusII - IIVoltar HomeII