VIVENDO À BEIRA DO SUCESSO
 
Uma mensagem de Sananda canalizada por Gillian MacBeth-Louthan em
 15 de fevereiro de 2009
 
 
Somos o Conselho de Luz de Sananda. Na nossa Trindade há 10 Conselhos de Luz, incluindo os Senhores do Carma e os Conselhos Reorganizadores.
 
 Muitos de vocês estão vivendo suas vidas num estado de estagnação; fazendo o que precisa ser feito, dizendo o que precisa ser dito, mas tudo sem ligação emocional. É tudo muito mundano, como se estivessem lendo um script e não se permitissem participar totalmente da vida. Vocês se sentem menos alegres e mais densos. A cada dia adquirem mais estresse e confusão, permitindo que isto se junte em seus corpos, ancorando-os como o peso de um navio afundado e enferrujado.
 
 Vocês caminham cegamente pelos corredores da vida, entrando em cada porta, em cada situação, com pouca ou nenhuma expectativa. A emoção foi embora e tudo na vida mostra os traços da tensão. Que porção do seu dia lhes traz alguma alegria ou risada? Nem mesmo os seus entes queridos lhes trazem a alegria que antes conheciam. Vocês se sentem nulos e vazios de energia e propósito. Podem culpar a vida ou os outros, ou tomar a culpa para si mesmos. Quando crianças, lhes disseram que deviam crescer e se responsabilizar por suas ações, suas palavras e suas contas. Ao assumir esta responsabilidade, vocês foram reprimidos, engasgaram-se com aquilo que deveriam ser, perdendo o fôlego.
 
 Muitos de vocês sentam-se no carrossel das injustiças do passado, trocando de cavalos, mas nunca saindo de lá. Caminham devagar pelo labirinto de suas mentes, tentando descobrir por que alguém falou isto, por que alguém fez aquilo. Há muito tempo a humanidade vem lambendo as feridas do passado, impedindo que a área machucada seja curada. A alma humana está faminta de cuidados.
 
 As vias neurais do seu cérebro têm muitos becos sem saída. Quando você tem um pensamento intuitivo, seu cérebro libera impulsos elétricos; uma paixão percorre seu corpo, a Adrenalina jorra no seu sangue e você se sente vivo. Geralmente as paixões têm vida curta. Muitas vezes é você mesmo que aborta a paixão, outras vezes é uma simples palavra de outra pessoa que o paralisa no seu caminho. Seu espírito se desencoraja, a paixão se extingue, as luzes se apagam, e você desiste daquilo que uma vez lhe trouxe alegria e razão para viver.
 
 Quantas vezes você desistiu de uma idéia, uma invenção, uma nova casa, um novo amigo, porque os abortou antes que eles pudessem nascer? Seu cérebro tem um arquivo cheio de decepções. Tudo e todos que algum dia o desapontaram ou feriram continuam dando voltas e voltas nas sinapses nervosas do seu cérebro e no seu coração. Você baseia as suas experiências futuras nessas decepções.
 
 Imagine uma máquina muito antiga, parada num canto, sem nunca ter sido usada. Então, certo dia alguém decide usá-la. A máquina solta faísca e engasga com esta nova conexão elétrica, sem saber o que fazer com ela. Da mesma forma, o seu cérebro está recebendo informações elétricas cósmicas, de modo a provocar o acionamento de áreas que estiveram adormecidas durante éons.
 
 A cada dia, em vez de pensar no que não conseguiu, pense no que conseguiu. Você conseguiu despertar neste dia, enquanto muitos não conseguiram. Conseguiu ir trabalhar, enquanto muitos não têm um emprego. Conseguiu dirigir seu carro até o escritório, enquanto muitos têm que ir de ônibus. Você teve sucesso em muitos níveis durante o dia, mas parece não ver esses sucessos como importantes. Menciona os pontos em que fracassou, os pontos em que se decepcionou. Seu futuro se baseia num "labirinto de fracassos e decepções". Mas cada fracasso é uma oportunidade para mudar o futuro, transformando-o na situação em que você deseja estar.
 
 A cada dia, lembre os outros dos sucessos deles e não das suas falhas. Enquanto esta re-padronização do cérebro está ocorrendo, um portal está se abrindo no chacra coronário de todos vocês, e tornando-se disponível para níveis mais elevados de luz. Haverá uma emissão de novos seres de luz, mestres, anjos e guias. Eles vêm para lhes dar carona para o próximo nível do contrato de luz e instruções que vivem dentro de seus corações.
 
 Vocês têm a tendência a se sabotar. Esta sabotagem constante é que faz com que sejam menos do que realmente são e vivam correndo em círculos de dificuldades.
 
 Quando você sente vontade de destruir alguma coisa na qual trabalhou, ou pela qual trabalhou ou se esforçou para conseguir, isto é um sinal de que existe uma necessidade de apertar mais, de fazer mais, de ultrapassar antigos limites. Também quer dizer que você está á beira do sucesso. Mas aqui existe uma armadilha. Quando você está a ponto de ser bem sucedido, há uma "iniciação através da auto-sabotagem". Você se observa fazendo isto e se pergunta: "O que há de errado comigo? Por que tento sabotar o sucesso?" Muitas vezes o ser humano não quer ter sucesso. Muitos se sentem confortáveis tendo um pouquinho de sucesso, mas não sucesso total.
 
 Nós, do Conselho de Sananda, viemos lhe explicar que é importante estar em paz em todas as suas ações e reações. Você vem do corpo da Terra. Sua carne vem da carne dela. Você processa o que ela processa. Isto faz parte da sua jornada. Quando você alcança a paz dentro de si mesmo, quando alimenta sua própria criança interior faminta, o mundo recebe a mesma bênção. Você precisa lutar na sua própria guerra e conquistar a paz interior. Então, e só então, terá feito a sua parte.
 
 
---.=.=.0\0/0.=.=.----
 
Gillian MacBeth-Louthan - PO box 217 - Dandridge, Tennessee 37725-0217 - www.thequantumawakening.com  thequantumawakening@hughes.net


Tradução de:  Vera Corrêa veracorrea46@ig.com.br
Gostou! Indique para seus Amigos.

||Topo da Página||    ||Voltar Menu Gillian MacBeth||    ||Voltar Home||