A APARENTE DESCONEXÃO PARA SE ELEVAR A SER UM COM A FONTE
Mensagem do Grupo Arcturiano através de Marilyn Rafaelle
04 de junho de 2017
 
luz de gaia
  É nosso trabalho de amor aconselhar e ajudar cada um que esteja despertando a entrar em um novo e mais verdadeiro estado de consciência. Vocês estão fazendo um ótimo trabalho nisso, apesar da confusão que frequentemente resulta da descoberta de que muitos tentaram e de que crenças verdadeiras não eram nada mais que conceitos aceitos como realidade. O primeiro passo de toda mudança é a consciência.

Gaia e seu povo estão experimentando as energias de uma mudança maciça para formas de compreensão mais altas e mais verdadeiras. Os véus estão saindo e isso pode ser traumático para os despreparados porque todo mundo viveu centenas de vidas no denso sistema de crenças tridimensional, abraçando-o como realidade. Abrir-se e admitir que isso foi formado a partir de conceitos ilusórios de dualidade e separação pode ser muito difícil de aceitar.

Os estágios iniciais do despertar geralmente trazem à tona emoções de culpa e vergonha. Isto acontece porque, quando certas ações passadas são relembradas com nova consciência, elas são reconhecidas como sendo negativas e egoístas. Quando e se isto acontecer, gentilmente aceitem que vocês estavam atuando a partir do seu mais elevado senso de direito naquela época, que é tudo o que qualquer um tem que fazer, e tenham em mente que culpa e arrependimento são emoções baseadas na identificação com um falso sentido de si mesmo.

Ao mesmo tempo, fiquem atentos para o fato de que muitas daquelas experiências passadas que agora causam vergonha e arrependimento foram, na verdade, interações pré-planejadas, oportunidades importantes para o crescimento espiritual de todos os envolvidos. Estejam alerta para as emoções, conforme elas surgem, não resistindo a elas, mas vendo-as como sinais perfeitos apontando para falsas crenças persistentes – “Em que estou acreditando que está fazendo eu me sentir desse jeito?”.

É tempo de começarem a pensar, acreditarem e aceitarem a si mesmos com Seres Divinos, como EU SOU, ao invés do sentido pessoal de identidade como “Maria” ou “João”. Sim, o mundo continuará a ver vocês como humanos e vocês continuarão a desempenhar suas atividades humanas, mas até que vocês possam aceitar e conhecer a si mesmos como EU SOU, vocês estarão para sempre numa jornada de busca. Jornadas são destinadas a levar a algum lugar, não destinadas a seguir indefinidamente.

Continuar a manter apenas o sentido pessoal de si mesmos bloqueia o alcance de estados de consciência mais elevados. Muitos aceitam intelectualmente a ideia de unidade, mas continuam agarrando-se firmemente a um falso sentido de individualidade que acredita ser somente humana, separada e indigna de ser Uma com Deus. Muitos, especialmente aqueles encharcados de doutrina religiosa, consideram a ideia de unidade como sacrilégio – as mesmas crenças obscuras que resultaram na crucificação de Jesus.

A identificação do pequeno eu como o Eu Superior, uno com a Fonte e tudo que é essa Fonte, é o próximo nível da evolução espiritual, e até que um estudante da verdade esteja desejando dar o passo para aceitar que toda vida é uma expressão da UNA Divina Vida, incluindo a si mesmo, ele não pode se elevar na consciência espiritual, mas, ao invés disso, permanece numa roda, indo a lugar nenhum e em uma perpétua busca.

Ao longo do seu dia, usem a experiência diária para praticar o conhecimento de ser o “EU SOU”. Por exemplo, quando vocês olham dentro de sua carteira e não encontra nada lá, ao invés de dizer para si mesmo “Não tenho dinheiro nenhum” o que servirá para criar perfeitamente essa coisa exata, diga: “Sim, eu vejo e reconheço essa aparência de falta, mas eu sei que o eu que eu sou é autossustentado e automantido e, portanto, eu sou a própria substância da abundância.” Então, siga o fluxo, vivendo o “eu tenho” ao invés de “eu não tenho”, na convicção de que vocês são criadores poderosos.

O fluxo pode ocorrer em todos os níveis, fisicamente, abrindo mão daquelas coisas que você não usa ou não precisa mais e doando dinheiro, até mesmo um centavo. Emocionalmente, tirando um tempo para ouvir alguém que precisa de um ouvido, e mentalmente, sabendo a verdade sobre o outro. A chave para mudar a consciência de "eu careço” para “eu tenho”, relativamente a todas as coisas (não apenas dinheiro), é compreender que todas as coisas boas fluem através de você, não de você. Personalizar algo turva o bem Divino interior.

Não esperem uma cesta de dinheiro cair subitamente do céu, mas saibam que vocês estão no caminho para a mudança e experimentando a fruição de sua realização de Unidade, uma consciência que sabe que Deus não dá abundância, ao invés disso, Deus É abundância e, portanto, “Eu Sou abundância” em todas as formas (ideias, criatividade, sabedoria, paz etc.), uma consciência que sabe que a substância de tudo o que é necessário já está presente no seu EU interior.

Vocês estão espiritualmente prontos para separar “buscar” de “ser” e adentrarem a compreensão de que “Eu Sou tudo que eu busco”. Vocês fizeram o trabalho e agora estão prontos para irem além; “Se eu apenas puder conhecer verdade suficiente, o bem virá para mim.” Pensem nessas duas afirmações porque existe uma diferença sutil, porém muito importante.

É a habilidade de viver cada situação da melhor forma que vocês podem (até quando necessita dar alguns passos muito humanos) de um lugar de “Apesar das aparências, eu mantenho a verdade de que eu sou a própria substância, energia e realidade de completude e inteireza em todas as suas formas porque o eu que eu sou é Divino, Deus, a Fonte se manifestando e se expressando como eu.”.

A verdade sempre parece ser ignorante e ingênua para os não despertos, mas vocês que estão prontos precisam aparecer vivendo sua consciência. Isto não significa que subitamente não existem mais discórdias, porque vocês ainda não atingiram completamente, mas significa que vocês iniciaram o processo de estar “no mundo, mas não ser dele”.

Conforme as velhas energias carregadas através de vidas vão sendo limpas, clareadas e liberadas, e vocês começam a acreditar e confiar mais e mais na realidade de quem e o que vocês são, isso começará a ser refletido no cenário exterior.

Traduzir continuamente as coisas aparentemente ordinárias da vida real para a verdade que elas representam abre e treina a mente para novas formas de interpretação. Deixada em si mesma, a mente humana simplesmente se baseia naquilo que já está presente na consciência pessoal e coletiva. A mente é uma avenida de consciência. A maior parte das experiências daqueles que vivem completamente no sistema de crenças da terceira dimensão são expressões do pensamento habitual e não iluminado – tagarelice da mente traduzida em manifestação.

Vocês são Seres Divinos. Vocês são Um com a Fonte. Vocês são completos e inteiros – AGORA, não após mais anos de estudos, aulas, livros e cerimônia. A Evolução é simplesmente a jornada de se mover de uma inconsciência da Unidade para a completa consciência e experiência Dela.

Isto NÃO significa que vocês nunca podem assistir a uma aula, ler um livro ou fazer meditações específicas as quais vocês possam ter sido guiados a fazerem, mas, ao invés disso, significa que vocês façam essas coisas com a compreensão de que elas não podem torná-los espirituais, mas podem, em lugar disso, despertá-los mais profundamente para a compreensão de que vocês já são espirituais.

A evolução espiritual necessita de um processo porque o corpo físico não suporta a plenitude de energia da Luz de uma só vez. Houve mudanças instantâneas, mas essas são raras e ocorrem quando um indivíduo foi completamente preparado em outras vidas ou quando um Ser espiritual completamente evoluído toma forma humana a fim de ajudar o mundo.

Cada célula de cada órgão no corpo físico carrega a memória celular associada com aquele órgão ou função em outras vidas. Essas velhas energias são baseadas em ilusão, mas, ainda assim, ressoam e influenciam um indivíduo até serem clareadas e liberadas ou até que um estado de consciência seja atingido, no qual elas simplesmente se dissolvem no nada que elas são, libertando a pessoa de sua influência física, mental, emocional ou espiritual.

As energias da verdade são a realidade, mas as energias da ilusão ainda são predominantes para a maior parte do mundo porque crenças obscuras manifestam-se exteriormente como forma e são o que os olhos físicos podem ver. A iluminação vem através da Graça, quando uma pessoa está evoluída o bastante para entender e abraçar a verdade. Vocês que leem essas mensagens estão prontos ou não as estariam lendo ou até mesmo as compreendendo.

A hora é agora para se moverem em direção à verdade, não apenas pensando sobre ela, falando sobre ela e procurando por ela, mas sendo-a. Quando um indivíduo continua a procurar externamente depois de saber que tudo que eles procuram já está dentro de si retém a si mesmo na velha energia que continua a se manifestar como dualidade e separação, frequentemente questionando por quê. Como de todos têm livre arbítrio, a escolha é sempre honrada. Vocês acreditam em UM e nesse UM se manifestando como vocês ou não?

A evitação pode continuar por vidas porque, sob muitos aspectos, é mais fácil. Existe a presença da consciência coletiva apoiando as escolhas compatíveis com a terceira dimensão. Viver a verdade é difícil no começo porque demanda constante alerta para mudar o pensamento de uma pessoa ao longo do dia e frequentemente vem uma sensação de desconexão daqueles que estão em volta, levando a sentimentos de solidão. “Sou a única pessoa que vê as coisas dessa forma?”

Essa sensação de desconexão é temporária porque ela não tem nenhuma lei para mantê-la no lugar e é simplesmente a expressão de velhas energias de separação ainda ressonantes.

Os estágios iniciais de viver a verdade são mais frequentes do que não pensar e agir diferente do habitual nas formas confortáveis mas ilusórias a que vocês estão acostumados, com uma grande dose de esforço no sentido de corrigir os processos de pensamento de uma pessoa. Com tempo, persistência e prática séria (bem como um bom senso de humor), viver como “EU” ao invés de apenas Maria, José ou João gradualmente se tornará um estado de consciência atingido, vivido sem esforço.

Apenas a Fonte em sua infinita plenitude É. ELA é o que vocês são. Sejam ELA.

Nós somos o Grupo Arcturiano.
 
 
-.....---==II==----.....-
 
 
Direitos Autorais:
Marilyn Rafaelle
Fonte: http://www.onenessofall.com/
Tradução: Sementes das Estrelas / Suzel Mendonça  - http://www.sementesdasestrelas.com.br/
Revisão: Sementes das Estrelas / Amanda Cordeiro
(https://www.facebook.com/amandacordeiroterapeuta/)
 
 
Gostou! Compartilhe com os Seus Amigos.
 
 
 
IITopo da PaginaII - IIVoltar Menu Arcturianos Outras Canalizações II - IIVoltar HomeII