SEU MAIOR MEDO
Mensagem do Conselho por Ronald Head
13 de novembro de 2018
 
luz de gaia
  Uma das perguntas recentes que vocês nos enviaram pede que nós discutamos ainda mais sobre seus maiores medos.

“Sim, eu gostaria de mais informações sobre este tópico…. (XIII: É realmente possível ancorar o próprio Deus dentro)

Eu assumo que uma das razões pelas quais temos tanto medo de aceitar nosso próprio poder e quem nós somos, é porque aceitar isso também significa aceitar (e perdoar a nós mesmos por) ter criado o estado da Terra (a “dor” e “disfunção”), e também, assumindo a responsabilidade pelo fato de que nós mesmos nos colocamos (de volta) aqui. (nós escolhemos experimentar a limitação e a falta/separação) Você gostaria de comentar mais sobre isso? ”

Você está correto no que declarou e há outros fatores também. Vamos discutir isso mais adiante, como pedido.

O que você precisaria "possuir" se, de repente, as portas fossem abertas e você não pudesse evitar conhecer a si mesmo como o que/quem você realmente é?

Você poderia se perdoar por ter feito coisas ou, de ter participado de coisas que são abomináveis ​​para você?

E se você tiver roubado, assassinado, torturado o outro?

E se você fosse o flagelo da Terra em uma outra vida?

E se você teve um grande prazer em matar?

E se as coisas que você fez forem muito piores do que mencionamos? Pior ainda, no seu entendimento atual, é claro.

Você não pode perdoar ninguém que faz essas coisas agora. Como você poderia se perdoar?

Você vê o problema?

Porque, nós prometemos a cada um de vocês que, mesmo com as milhares de vidas que vocês já viveram, vocês têm feito muito para não perdoar os outros nesta vida, neste momento.

Então a solução é você perdoar. Perdoar um ao outro. Ponto.

Eles não sabem quem eles foram e são mais do que você. E eles são criações Divinas, assim como você é.

Perdoe á si mesmo. Perdoe udo o que você fez, disse, pensou ou experimentou que lhe trouxe até este momento.

Perdoe a Deus, ou o que você chama de Divino, por permitir que você criasse o que você criou.

Quando você amaldiçoa o outro, quando você se condena, você está condenando e amaldiçoando sua própria divindade. E muitas vezes, você culpa a divindade. "Como Deus poderia ter feito isso?"

O perdão não é preferível. É uma necessidade. Porque o único ser que está condenando qualquer coisa é você mesmo.

Agora ... agora que você se perdoou totalmente, e está pronto para aceitar seu verdadeiro eu, você está pronto para o fato de que você é tão extremamente poderoso que, neste novo ambiente, cada pensamento que você tem, cria novas realidades?

Você realmente tem total controle de sua mente?

Essa é uma proposta assustadora para você?

Bem, isso não é algo que irá acontecer quando você atingir um certo nível mágico e conquistar esse poder.

Essa é simplesmente sua realidade. Agora. Sempre foi. Você é o manifestador.

Todo pensamento que você tem começa a se manifestar, a tomar forma, assim que você o tem. Novas possibilidades começam a se solidificar quando necessário. Possibilidades infinitas. É isso que seus pensamentos iniciam. Você continua a pensar esses pensamentos? Existe poder de emoção e sentimento ligado a eles? Ou você "cancela" eles através de intenção ou negligência?

Você pode ver que a ilusão do tempo e a inércia do material são, na verdade, bênçãos disfarçadas.

Eles poupam muito sofrimento. “Oh, caia morto!”, “Oh, lá está ela de novo. Eu desejo….. ”, você vê, não são apenas seus desejos que criam.

Mas o maior problema, na verdade, é que, a essa altura, você nem sequer alcançou a capacidade coletiva de jogar fora os séculos e séculos de mentiras que aceitou sobre si mesmo.

Você sofre da monumental Síndrome de Estocolmo. Melhor o que eu sei do que o que poderia ser.

Nós estamos divagando. Mas este é o nosso tema favorito.

Como incentivamos, encorajamos, ensinamos o que precisa ser aceito? Isso é tão essencial para nós quanto para você.

Não há prazo. Não há pressa. Mas para você, a ilusão de um curto tempo de vida faz parecer que sim.

Desculpe, mas aí está. Você, meus amigos, são eternos. E neste momento, a parte de você que pensa que você é Claire, ou Fred, ou Tamashiro, é a única parte de você que não sabe disso.

E isso é bom. Isso é motivação.

É o suficiente para esse dia. Obrigado por nos convidar para esta discussão.

O Conselho
 
 
-.....---==I__.=|..|=.__I==----.....-
 
 
Direitos Autorais:
Copyright © Ronald Head. Todos os direitos reservados.
Você pode copiar e redistribuir este material contanto que não o altere de nenhuma forma, que o conteúdo permaneça completo e inclua esta nota de direito e o link:
http://ronahead.com/
Facebook: https://www.facebook.com/OraclesAndHealers

Traduzido por Adriano Pereira
BlogLuzeVida@gmail.com

http://blogluzevida.blogspot.com/2019/01/seu-maior-medo-o-conselho-parte-15.html
 
 
 
Gostou! Compartilhe com os Seus Amigos.
 
 
IITopo da PaginaII - IIVoltar Menu A Miguel Ron HeadII - IIVoltar HomeII