ENTREGANDO-SE E FLUINDO COM O QUE É
Mensagem de Kara Schallock
11 de Junho de 2016
 
luz de gaia
 
  Mesmo quando estamos liberando padrões muito profundos e muito antigos, estamos definitivamente absorvendo mais luz, mais amor e mais Magia! À medida que passamos por uma limpeza, estamos também limpando o nosso espaço (aura e ambiente). Nós liberamos a desordem e o passado para que possamos ser sempre livres e presentes no Novo. Ao fazermos isso, nosso mundo exterior reflete o nosso mundo interior. Nós não podemos mudar interiormente, sem que isso afete o nosso exterior. Estamos incorporando mais a nossa consciência superior agora. Temos o ímpeto do nosso atual portal do Amor para nos ajudar a sermos mais quem realmente somos. Não importa onde você perceba que está, a verdade maior é que você está se tornando mais a sua Autenticidade; e a sua consciência está sendo intensificada, o que cria formas mais refinadas em sua vida exterior. Não há realmente separação entre sua vida interior e exterior. Para muitos, não há outra escolha a não ser se entregar ao que é. Alguns queriam apenas deixar tudo ir, questionando se está realmente acontecendo a Ascensão. Isso tudo é uma parte dela. Ficamos tão intencionados em avançar que, quando há uma calmaria ou uma percepção do nada, só queremos desistir e correr. Este é um passo necessário, na verdade. Então nós nos rendemos, exaustos, a fim de reagruparmos e nos reabastecemos. Nós deixamos ir e dizemos a Fonte: "Faça-o!"

Com o impulso construído de tudo o que estivemos integrando e tudo o que liberamos, tomamos uma respiração profunda e nos entregamos, sentindo como se as coisas estivessem muito difíceis para dar outro passo. Ficamos muito cansados de fazer muitas coisas além de cuidarmos das coisas mundanas diariamente. Muitos quiseram deixar o planeta e muitos estão deixando e deixarão. Com quase nenhuma energia, adiamos tanto quanto pudemos e nos perguntamos o que será de nós. Questionamos os nossos dons, nossas vidas e pedimos orientação, no entanto, a orientação não vem. Isto é absolutamente uma mudança de sermos dependentes da direção exterior para sermos espiritualmente soberanos e completamente independentes (isto não é estar separado da Orientação da Fonte; a Fonte está dentro como nós). Nós nos perguntamos por quê. Tudo faz parte da mudança. Devemos permanecer em nossos próprios pés (por assim dizer), ainda que muitos estejam sobre suas mãos e de joelhos. Toda a nossa liberação de muitas vidas de refugos e impurezas, é claro, levou-nos à exaustão, e, no entanto, aprofundamo-nos e vemos a Beleza de quem estamos nos tornando...enraizados na Paz, no Amor e na Alegria. É por isto que prosseguimos. Nossas almas nos encorajam a avançarmos, enquanto trazemos o Novo que nós somos.

Começamos a nos ver sob uma nova Luz. Através de tudo o que experienciamos, começamos a ver como somos fortes e joviais. Começamos a nos sentir de uma forma totalmente nova. Começamos a ver a bela Luz da Divindade brilhando em todo o nosso Ser. Estamos começando a nos construir à imagem da Fonte; a nossa Divindade. Assim, enquanto continuamos a liberar, se é onde você está, aprofunde-se na sua Verdade e se lembre de que tudo isto é para a nossa maior evolução.

As Novas e velhas energias parecem estar cada vez mais polarizadas. Não é que elas estejam separadas. Estamos nos equilibrando entre elas, pois no velho está o Amor. Seja neutro e perspicaz, em vez de reativo sobre o que parece estar acontecendo no mundo e em sua própria vida. Há muita coisa latente e é sempre melhor não levar as coisas pelo seu valor nominal, mas interiorize-se e veja o Amor e a Verdade. Quando nós vemos o Novo e o velho como opostos, então fortalecemos a nossa própria separação e a velha matriz, pois a crença na dualidade ( bem/mal, certo/errado, etc), é do velho. Quando você é capaz de ser neutro, você pode ver sem ligar um significado a qualquer coisa e desta maneira, você transcende a dualidade e a separação. O mesmo é criado quando você sente que deve salvar ou resgatar. Afinal, você não precisa ter um julgamento sobre algo a fim de salvá-lo? Ao ser neutro, você permite que ocorra a Grande Transformação.

Compreenda que toda a energia, incluindo o Amor da Fonte, é neutra. Isto significa ficar fora do drama do certo ou errado e ser o Observador Compassivo. Permanecer neutro nos ajuda a deixar ir os apegos, expectativas e a maneira que “deve ser”. Isto permite que ocorra a Grande Transformação. Isto solta o domínio da velha matriz. Quando se escolhe um lado, é ser dualista. Deixe ir/permita-se ser. Fazer planos é outra maneira com que ficamos ligados. Quando os planos não saem da maneira que esperamos, podemos fluir com eles, ou ficarmos irritados que o que queremos é adiado ou cancelado? Você pode não fazer planos ou fluir quando eles não sejam concretizados, acreditando, em vez disto, na Ordem Divina e no Tempo Divino?

O portal em que estamos definitivamente nos ajuda a liberar o velho paradigma e a velha crença na separação. Nossa consciência está batendo na porta, gritando: “Desperta. Eu quero me expandir!” Abra a porta e as janelas. Derrube as paredes e diga: “Sim, eu a recebo!” O amor é a consciência em expansão e a partir desta expansão, a vida se torna maior, mais bela e mais mágica. Deixar ir e se permitir ser nos ajuda a deixar ir a luta de tentar manter as coisas de uma forma com que estamos familiarizados. No entanto, nada mais faz do que nos manter em nossa velha zona de conforto, onde a evolução não pode acontecer. Pelo menos sem muita luta. Você já não está cansado de lutar para manter o status quo? Você pode confiar que o Novo não é um espaço ruim, mas um espaço; uma consciência, onde tudo flui maravilhosamente além de suas expectativas?

Quando nos abrimos para a Luz e a convidamos através dos nossos Coronários até o Coração de Gaia, ativamos esta expansão da consciência. Qualquer espaço dentro de nós que ainda esteja adormecido é despertado, não por um alarme estridente, mas pelo canto Angélico e os tons celestiais harmoniosos. Despertamos para a nossa Sacralidade, a nossa Totalidade e a nossa Divindade. Este Portal nos ajuda a mudar mais do que em outros momentos e nos ajuda a equilibrar o nosso Feminino Divino e o Masculino Divino (yin e yang), para estarmos no ponto perfeito de Equilíbrio em nossos Corações. Um exercício simples é imaginar um símbolo da Vesica Piscis a sua frente. (A Vesica Piscis é o símbolo que constitui a base da Geometria Sagrada e de inúmeros outros símbolos. (Trata-se de um desenho representativo da manifestação do próprio universo; uma forma que resulta da interseção de dois círculos, criando um espaço entre eles.) Um círculo simboliza o seu Feminino Divino; o outro círculo simboliza o seu Masculino Divino e o espaço central simboliza o Equilíbrio entre os dois; a Totalidade. Coloque um dos seus pés em um círculo e o outro pé em outro círculo. Então, coloque ambos os pés no espaço entre os dois círculos. Isto o equilibra intensamente, equilibra o seu Coração e mente, seu Feminino Divino e o Masculino Divino e o centraliza em seu Centro Sagrado. A Vesica Piscis simboliza também a Consciência Crística, bem como a Unidade e a Totalidade.

À medida que avançamos através do resto do ano, continuaremos a nos elevarmos e a nos expandirmos ainda mais, e a equilibrarmos o alinhamento de todos os nossos corpos como Um. Um com e como Alma. O Nós perfeito. À medida que nos elevamos em consciência, tornamo-mos mais brilhantes. Nossa Luz brilha ainda mais e qualquer coisa que não tenha ainda sido tocada pela nossa Luz certamente será arrancada, de modo que possamos brilhar ainda mais intensamente. Se houver ainda mais a liberar, definitivamente surgirá para revisão. Tudo está sendo calibrado para a consciência mais e mais elevada... a partir do nosso DNS e células para os nossos corpos físicos. Quando as células são limpas dos velhos programas e crenças, elas se preenchem com toda a consciência que mantemos. Nosso DNA se torna novo, de modo que não mais precisamos continuar repetindo os velhos padrões de linhagens familiares. Podemos ver isto como o nosso Novo DNA. Então, podemos criar como o nosso Novo DNA, completamente livres para mudarmos as velhas idéias de envelhecimento, cultura, morte e outras crenças antigas. O que carregamos e tomamos por certo; para algo mais expansivo e mais alinhado com quem realmente somos.

Podemos mudar tudo se permanecermos no Momento e ficarmos seguros sobre quem somos e o que estamos dispostos a ser. Recebemos luz suficiente agora, de modo que podemos colocar em prática o que dizemos que somos. Nada está definido e continuaremos a mudar de acordo com os nossos sentimentos, pensamentos e ações, de nossa consciência. Ficarmos despertos e cientes a cada momento é a única maneira de podermos estar conscientes o suficiente para mudar. Quando não no Momento, tendemos a voltar a dormir e agirmos nas antigas formas vedadas. Quando permanecemos despertos e cientes, ativamos novas percepções e novos potenciais. Quando demonstramos mais e mais quem somos, não nos agarramos aos velhos programas. Não há energia mantendo-os vivos e assim eles começam a se dissipar na Luz. Então, podemos ver como somos ilimitados. Estávamos tão acostumados a sermos os fantoches da antiga matriz que esta nova Liberdade pode parecer um pouco enervante. Pode até parecer como se não estivéssemos presos a nenhum lugar, mas apenas flutuando, livres. No entanto, nunca estamos sozinhos, pois somos uma parte de tudo e tudo é parte de nós. Sabemos que ao estarmos livres de nossa prisão nos ajuda a compreender realmente o que é realmente ser multidimensional. Aqui estão algumas coisas para refletirmos: Como você se sente em relação às regras? Como você se sente quando alguém tenta controlá-lo ou lhe dizer o que fazer? Como você se sente quando faz as suas próprias escolhas? Você percebe como há mais e mais regras, leis e restrições na terceira dimensão? É uma tentativa de mantê-lo no velho? Você precisa de regras para viver? Pode confiar em si mesmo para ser livre para viver enquanto é auto-guiado?

Enquanto evoluímos, notamos como estamos cientes que estamos cuidando de nós mesmos, dos outros e de Gaia. Podemos ficar mais chocados com aqueles que tratam as formas de vida descuidada e desrespeitosamente. Podemos querer sacudi-los para que se soltem do seu egoísmo. E, no entanto, eles também têm escolha. Ao fazermos o que é mais amoroso a todos de Gaia, nós afetamos como os outros se comportam. Pode ser um processo lento, mas nunca duvide do efeito que temos sobre os outros enquanto permanecemos em nossa própria Integridade e respeito por toda a Vida. Estamos trazendo uma nova Consciência à Terra apenas ao sermos despertos e autênticos. Quando compreendermos plenamente que somos Um com toda a vida, deixaremos a consciência que diz que somos os regentes da Terra. A Terra não está aqui para a governarmos ou termos poder sobre ela. Ela é uma parte nossa. Como a amamos é como nos amamos e ao outro.

Quando estamos transmitindo ou integrando as energias elevadas, pode ser intenso. Isto é porque estamos expandindo a nossa consciência. E quando isto ocorre, experienciamos mais alinhamentos físicos, mentais, espirituais e emocionais e o que alguns se referem como “Sintomas da Ascensão.” Não podemos ter uma coisa que nos afete sem que ela afete a todos nós. Receber as transmissões energéticas das dimensões elevadas é uma atualização para tudo em nós. Podemos fluir com tudo ou resistirmos a isto. É mais fácil quando fluímos. Quando nos movemos com Graça, nós fluímos. Quando aceitamos O Que É, nós fluímos.

Quando você pergunta: “Como eu posso servir?”, você está fluindo. Preste atenção a como você é atraído e para o que. Preste atenção ainda que lhe seja respondido com “Apenas seja”, ou “Fique tranquilo”. Você será guiado quanto ao que é melhor para você, ao que for alinhado com você, interiormente; a partir da orientação do seu Coração. Quando você faz a pergunta, você se alinha com a sabedoria de sua Alma através dos seus sentimentos. Compreenda também que você não pode ser guiado imediatamente, mas quando você confia, será guiado no Tempo Divino. Isto o convida a ser paciente e confiante. Quando você confia, a sua Confiança em confiar em sua Intuição aumenta e você continua a evoluir e a se expandir em Confiança. Pode levar tempo para se acostumar... nesta confiança e nesta entrega. É bem diferente do que impulsionar e controlar. É viver no Fluxo da Graça. Não é a vontade do seu ego, mas a Vontade Divina (dentro de você) que está no comando.

Na verdade, tudo é simples. A Ascensão requer que você deixe ir e se permita ser: este é o caminho do Novo.


 
-.....---==Ioluz de gaiaoI==----.....-
 
  Direitos Autorais:luz de gaia

Kara Schallock
Site original: http://www.soulsticerising.com

Tradução de:
Regina Drumond – reginamadrumond@yahoo.com.br
 
 
Gostou! Compartilhe com os Seus Amigos.