LuzdeGaia  
 
     
RITUAL DE ABERTURAS E FECHAMENTOS DE CICLOS
•AarayA — O Mensageiro Siriano
Por Dinnho Beduzupo
01 de fevereiro de 2019
  luz de gaia  
 
Amadas Almas, Saudações!


Final de semana, início de mês, momento mais do que propício para exercitar o desapego. E como faz? Comecem pelo lado mais simples do processo: abram uma gaveta (qualquer gaveta), olhem o que tem dentro dela por algum tempo (vocês determinam quanto), passem as mãos sobre seu conteúdo (sem pegar nada ainda), lembrem-se de seus objetivos em sua história recente, e em seguida, de posse de uma caixa/sexto/saco plástico vão selecionando àquilo que vocês conseguem reconhecer como descartável àquela altura de suas vidas, e vão adicionando um objeto atrás de outro, agradecendo pelo valor que tiveram um dia, mas se despedindo porque compreendem que cumpriram sua missão e precisam ir para que abra-se espaço para novas energias.

A técnica sugere que o processo seja iniciado sempre por lugares pequenos e de modo crescente cubra gaveteiros, prateleiras, roupeiros, àquelas caixas repletas de poeira abandonadas em lugares quase esquecidos, e descarte o que deve ser descartado e/ou repasse adiante o que já não lhes servem mais.

Desapegar-se é importante, e muitos de vocês não fazem ideia de quanto! O ideal seria que diariamente algo de material que entrasse em seu caminho fosse motivo para que algo já existente se fosse. O acúmulo não é bom reflexo, sobretudo energético. Trata-se de uma forma de vibração estacionária que, depois de algum tempo, torna-se peso sobre a energia dos seres à sua volta. Não há harmonia possível na vida do terrano que habite em ambiente cujo acúmulo de coisas seja uma realidade. Energia precisa fluir, mas como faz com outras fontes de energia estática pelo caminho? Vai dar pulinhos?! Não vai, queridos, lamentamos informar... [sorriso] É assunto para vocês tratarem de frente.

Além do aspecto higiênico, pois objetos parados tendem à juntar poeira e tornar-se habitat de insetos diversos, e em casos mais graves, até de outros animais maiores, ainda há o quadro estético e prático; bagunça nunca é bonita e àquela linha de pensamento de alguns de vocês que diz: "Eu me acho na minha bagunça!", configura-se como uma daquelas faláceas inverídicas - não se acham vocês, os outros e o tal do Bom Senso! [risos] Parem de tentar justificar seus apegos, que isso não está colando mais, viram?! [sorrisos]

Sabemos que esse quadro, incluindo casos mais graves de acumuladores, partem de uma mesma matriz - a necessidade de se sentirem protegidos de alguma forma, cercados por fragmentos de suas próprias histórias. Existem acumuladores moderados, muitos de vocês o são e sequer tem essa percepção. O entendimento de que absolutamente nada lhes pertence senão àquilo que pensam e sentem, é obscuro. E para que continuem emocionalmente ligados à assuntos que devem permanecer no passado sem sua permissão consciente*, nada mais custa.

Amados, não se trata aqui de ter ou não ter algo à sua volta, e sim que o físico não os roube de si mesmos, de suas essências, daqueles a quem amam e dos bons momentos que sempre podem ser renovados através das Boas Práticas. Ou vocês realmente entendem que àqueles que se afastaram de vocês não tem relação direta com o estilo exótico de vida que adotaram para si mesmos? E não nos digam que estão "mais felizes assim", porque sabemos que isso é inverídico. Lemos seus campos energéticos e ouvimos cada lágrima correr em suas faces. É tempo de soltar, enfim. Renovar é preciso, e vocês compreendem o que isso quer dizer: o resgate chegou.

O convite do dia é para que permitam-se desfazer de UMA peça qualquer a cerca de sua intimidade. O aumento é progressivo e bem-vindo para cada Buscador em ressonância com estas diretrizes. A quinta dimensão quer seu foco liberto do material obsoleto, e esse compromisso é seu para consigo mesmo, pozinhos de estrelas. Heia Sun! (Haja Luz!).


Amorosamente,
•AarayA
 
 
 
 
-.....---==I|_____=||||=_____|I==----.....-
 
 
Direitos Autorais:

Dinnho Beduzupo
https://www.facebook.com/AmadasAlmas/

IMPORTANTE: O compartilhamento responsável de nossos artigos implica na condução respeitosa de não adulterar de qualquer forma e sob qualquer pretexto o teor de nossas mensagens. Sua integralidade deve ser preservada.
 
 
Gostou! Indique o site para Seus Amigos.
 
II Topo da Pagina II - II Voltar Menu .AarayA II - II Voltar Home II